fechar
Receba diariamente lindas mensagens para se inspirar!

Você vai receber até 1 mensagem por dia R$ 0,39+tributos por mensagem recebida. Assinatura diária, renovação automática. Para cancelar envie
SAIR para o 50005. Se
tiver dúvida, envie AJUDA
para 50005. Serviço
válido para todas
as operadoras.

Anterior
Mateus 13

Bíblia Online. Evangelho segundo São Mateus 13. Novo Testamento.

Anterior
Próxima
Aniversário

Mensagens de Aniversário em Power Point. Abrace de longe

Próxima
comente

Mateus 14

Mateus 14:1

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 1

Por aquela mesma época, o tetrarca Herodes ouviu falar de Jesus.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:2

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 2

E disse aos seus cortesãos: É João Batista que ressuscitou. É por isso que ele faz tantos milagres.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:3

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 3

Com efeito, Herodes havia mandado prender e acorrentar João, e o tinha mandado meter na prisão por causa de Herodíades, esposa de seu irmão Filipe.

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:4

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 4

João lhe tinha dito: Não te é permitido tomá-la por mulher!

facebooktwittergoogle+
Publicidade

Mateus 14:5

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 5

De boa mente o mandaria matar; temia, porém, o povo que considerava João um profeta.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:6

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 6

Mas, na festa de aniversário de nascimento de Herodes, a filha de Herodíades dançou no meio dos convidados e agradou a Herodes.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:7

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 7

Por isso, ele prometeu com juramento dar-lhe tudo o que lhe pedisse.

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:8

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 8

Por instigação de sua mãe, ela respondeu: Dá-me aqui, neste prato, a cabeça de João Batista.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:9

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 9

O rei entristeceu-se, mas como havia jurado diante dos convidados, ordenou que lha dessem;

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:10

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 10

e mandou decapitar João na sua prisão.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:11

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 11

A cabeça foi trazida num prato e dada à moça, que a entregou à sua mãe.

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:12

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 12

Vieram, então, os discípulos de João transladar seu corpo, e o enterraram. Depois foram dar a notícia a Jesus.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:13

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 13

A essa notícia, Jesus partiu dali numa barca para se retirar a um lugar deserto, mas o povo soube e a multidão das cidades o seguiu a pé.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:14

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 14

Quando desembarcou, vendo Jesus essa numerosa multidão, moveu-se de compaixão para ela e curou seus doentes.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:15

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 15

Caía a tarde. Agrupados em volta dele, os discípulos disseram-lhe: Este lugar é deserto e a hora é avançada. Despede esta gente para que vá comprar víveres na aldeia.

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:16

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 16

Jesus, porém, respondeu: Não é necessário: dai-lhe vós mesmos de comer.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:17

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 17

Mas, disseram eles, nós não temos aqui mais que cinco pães e dois peixes. _

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:18

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 18

Trazei-mos, disse-lhes ele.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:19

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 19

Mandou, então, a multidão assentar-se na relva, tomou os cinco pães e os dois peixes e, elevando os olhos ao céu, abençoou-os. Partindo em seguida os pães, deu-os aos seus discípulos, que os distribuíram ao povo.

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:20

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 20

Todos comeram e ficaram fartos, e, dos pedaços que sobraram, recolheram doze cestos cheios.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:21

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 21

Ora, os convivas foram aproximadamente cinco mil homens, sem contar as mulheres e crianças.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:22

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 22

Logo depois, Jesus obrigou seus discípulos a entrar na barca e a passar antes dele para a outra margem, enquanto ele despedia a multidão.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:23

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 23

Feito isso, subiu à montanha para orar na solidão. E, chegando a noite,

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:24

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 24

Entretanto, já a boa distância da margem, a barca era agitada pelas ondas, pois o vento era contrário.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:25

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 25

Pela quarta vigília da noite, Jesus veio a eles, caminhando sobre o mar.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:26

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 26

Quando os discípulos o perceberam caminhando sobre as águas, ficaram com medo: É um fantasma! disseram eles, soltando gritos de terror.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:27

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 27

Mas Jesus logo lhes disse: Tranqüilizai-vos, sou eu. Não tenhais medo!

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:28

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 28

Pedro tomou a palavra e falou: Senhor, se és tu, manda-me ir sobre as águas até junto de ti!

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:29

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 29

Ele disse-lhe: Vem! Pedro saiu da barca e caminhava sobre as águas ao encontro de Jesus.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:30

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 30

Mas, redobrando a violência do vento, teve medo e, começando a afundar, gritou: Senhor, salva-me!

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:31

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 31

No mesmo instante, Jesus estendeu-lhe a mão, segurou-o e lhe disse: Homem de pouca fé, por que duvidaste?

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:32

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 32

Apenas tinham subido para a barca, o vento cessou.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:33

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 33

Então aqueles que estavam na barca prostraram-se diante dele e disseram: Tu és verdadeiramente o Filho de Deus.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:34

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 34

E, tendo atravessado, chegaram a Genesaré.

facebooktwittergoogle+

Mateus 14:35

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 35

As pessoas do lugar o reconheceram e mandaram anunciar por todos os arredores. Apresentaram-lhe, então, todos os doentes,

facebooktwittergoogle+
sms

Mateus 14:36

Evangelho segundo São Mateus 14, versículo 36

rogando-lhe que ao menos deixasse tocar na orla de sua veste. E, todos aqueles que nele tocaram, foram curados.

facebooktwittergoogle+