Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

De saudade em saudade...

Todos dizem que após o término de um relacionamento é preciso seguir em frente, mas como reconstruir sozinho um caminho em que alguém sempre esteve ao seu lado? Saiba que com muita calma, paciência e principalmente amor-próprio é possível superar essa fase!

De saudade em saudade

De saudade em saudade, a gente vai vivendo, uma cicatriz por vez. De primavera em primavera, cada vez mais, são novas decepções para cuidar, novos machucados para curar.

Um coração partido de cada vez, respiro fundo, pego as minhas coisas e novamente parto, sem rumo. Não me lembro quantas vezes eu tive que começar de novo, mas sei que estou me acostumando. A hora de dizer adeus já virou rotina para mim, uma rotina da qual eu nunca desejei tanto me livrar.

Algo no ar

Há algo no ar no momento em que você me encara com olhos frios e me diz tudo aquilo que eu já cansei de ouvir de outras pessoas. Há algo de familiar nessa cena, um deja-vù que eu vejo com muito mais frequência do que gostaria. É o adeus se manifestando de novo, o velho "não é você, sou eu", "temos prioridades diferentes", "eu não te amo mais, adeus"... E quantas vezes já passei por essa mesma cena. Se você acha que está sendo inovador, meu bem, pense de novo. Não estou aqui para fazer o seu jogo. Nem vou me demorar, pois sei que o nosso tempo já se esgotou, há algo no ar.

Tantas noites

Tantas noites eu chorei, tantas horas de sono eu perdi, por ter que me conformar em ter te perdido. Por abrir mão da sua presença e do seu amor. Não sei ao certo quanto tempo sofri, quanto tempo chorei e quantas noites o travesseiro secou as minhas lágrimas. Sei que estou me refazendo aos poucos, mas não há um dia em que eu não pense em ti. Se eu pudesse desfazer tudo o que deu errado entre nós, eu não hesitaria um segundo.

Eu não quero mais

Eu não quero mais acreditar que existe alguém para mim. Que existem almas gêmeas, que há um propósito, muito menos um destino. Cansei de dar murro em ponta de faca, de insistir e sempre tentar e nunca conseguir. Nunca conseguir ser feliz, ser completa, ser plena. Cansei de me sentir sozinha, mesmo estando ao lado de outro alguém. Eu prefiro não mais acreditar no amor...

Reconstruir

Como se reconstruir após tantas decepções? Após tanto sofrimento? Noites insones pensando em todos os erros que cometi e tudo o que eu não te disse. Não consegui fazer com que você ficasse e esse é um dos meus maiores arrependimentos.

Tudo o que eu peço aos céus é a minha força de volta, para que eu possa assim me reconstruir, mesmo sem a sua presença.

Uma grande mentira

Nunca esperei isso de você, alguém que sempre julguei se importar comigo. Me enganei ao confiar tanto em você, ao me entregar tanto. Você se foi e me deixou sem ar, me deixou sem chão. Não teve a menor consideração.

Eu me pergunto se algum dia você realmente me amou, se você realmente sentiu o que disse que sentia. Cada vez mais eu tenho certeza de que foi tudo uma grande mentira.

Passado

As memórias vêm de vez em quando para me atormentar. Lembro de como eu sentia a sua falta. Durante a semana, no trabalho, quando ouvia suas músicas preferidas. E como eu queria estar com você a todo momento, dividir cada pensamento com você, te contar a montanha russa de emoções pela qual eu podia passar durante um dia.

A questão é mais do que isso. Eu te amei. Eu te amo. Ainda. Mas o tempo de estarmos juntos já passou. O tempo de passar finais de semana largados na sua cama conversando sobre a vida já passou. Não tem como a gente voltar sem que seja doloroso para os dois.

A gente deu certo. Só que o nosso tempo foi mais curto do que o previsto.

E agora é hora de dizer adeus, nossa história virou passado.

Eu nem sei se acredito

Eu nem sei se acredito que há um jeito de seguir em frente. Nem sei se quero acreditar. Que devo levantar, devo lutar, devo viver sem você. É difícil de aceitar, é difícil reagir, respirar fundo e pensar que tenho que seguir o meu caminho, agora sem você. Me acostumei tanto à sua presença, ao seu amor e carinho. É muito difícil seguir sozinha.

Não existe vida sem você

Não adianta tentar me convencer, eu não vou comprar a ideia de que existe uma vida sem você. Lá fora, tudo é muito escuro e perverso, os dias são cinzentos e os pensamentos, confusos. Sem você, a comida não tem gosto e os dias são todos iguais. Não há alegria, não há sol, não há esperança. Eu não sei o que dizer, não sei como te explicar, só sei que é com você que preciso ficar.

Melancolia

É triste não saber o que fazer ou como seguir em frente. Encaro os estilhaços do meu coração partido e me pergunto se algum dia vou me recuperar de tudo isso. Hoje eu sinto como se essa dor nunca fosse passar. Como se essa tortura nunca fosse acabar. A melancolia toma conta do meu ser, me impedindo de enxergar qualquer coisa que não seja essa dor latente, a dor da sua ausência.

Você faz falta

Você faz falta e tudo o que eu vejo me lembra de você. Quando olho para o meu quarto bagunçado, logo me vêm à memória o fato de que suas roupas sempre estavam espalhadas pelo chão, o seu relógio de pulso na mesinha de cabeceira, às vezes junto com um livro que você estava lendo. Você sempre esquecia o carregador do celular e pegava o meu emprestado. Você faz falta e eu te vejo em cada canto desse apartamento. Como poderei seguir, se tudo me faz lembrar você?

Adeus

O adeus não foi tão fácil quanto eu havia previsto. Fez parte de uma série de desapontamentos que há muito tempo eu já vivia. Desentendimentos que moldaram o nosso caminho até aqui. Agora sei que é hora de partir e isso me deixa em pedaços. Mas sei que é o certo a se fazer, não posso mais continuar a te prometer o que não posso te oferecer.

Sinto sua falta

O que faço da vida agora que você não está mais aqui?

Como devo prosseguir, como devo fingir que está tudo bem, quando a pessoa mais importante da minha vida se foi?

A saudade perfura a minha pele como uma faca, a sua ausência me deixa sem ar. Eu sei, existem outras pessoas, outras chances, mas nunca alguém como você. E é disso que eu tenho medo.

Amor da minha vida

A gente sempre pensa que encontrou a pessoa das nossas vidas. O amor verdadeiro. Quando te encontrei, pensei que aquela música do Mumford & Sons fazia sentido e que eu não ia precisar cantá-la de maneira triste. Não mais. "There will come a time, you will see, with no more tears and love will not break your heart, but dismiss your fears". *

Quando te encontrei, foi isso que senti. Ausência de medo, eu era pura coragem revestida de um brilho excessivo. Mas o que foi não volta mais, nada está igual ao que era antes e a gente só guarda no coração a saudade. Por vezes os sorrisos me invadem ao relembrar alguma memória, dentre as várias que colecionamos juntos. Por vezes são as lágrimas. Não de tristeza. De saudade. De saber que o que se foi não volta mais. E agora eu volto para o mesmo lugar, onde eu canto a mesma música do começo, agora com certa tristeza. Medo de não ter mais ninguém para me fazer sentir valente, para me fazer sentir indestrutível.

Talvez só agora eu esteja passando pela dor de te perder, misturada com a saudade que cutuca desesperadamente o meu coração e um toque de medo do futuro. Já passei por isso e sei que tudo passa. Sei que um dia eu não vou mais acordar pensando em como sinto sua falta e como gostaria que a gente tivesse dado certo.

Mas hoje ainda dói. E como dói.



* Música: After the Storm

Artista: Mumford & Sons

Tradução: Chegará um tempo, você verá, sem mais lágrimas
E o amor não quebrará seu coração, mas descartará seus medos.

Amor para quê?

O amor só machuca, só fere e só faz sofrer. Não acredito mais em contos de fadas e os meus vestidos de princesa eu aposentei tem tempo. A ideia de que preciso de alguém ao meu lado só me fez mal a vida inteira. Quero seguir sozinha, ser independente, ser dona de mim, fazer o que eu quiser, sem ninguém para me controlar. Amar para quê? Se todo amor me faz sofrer?