Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Descobrindo o mundo

Quando viajamos, tudo em nossa vida muda. Conhecemos novas culturas, novas pessoas, novas línguas e nos enriquecemos de uma maneira inexplicável. Que tal arrumar as suas malas e embarcar nessa?

Viajar traz o novo

Descobrir o mundo é como despir a alma, chegar de braços abertos em um novo universo e mesmo assim não temer. Viajar traz esse novo, essa vontade de desvendar os sete mares, de descobrir tudo o que há na vida e se redescobrir a cada nova esquina, de novo e de novo.

A ousadia do novo

Novas experiências vêm com ousadia, com a vontade de descobrir o mundo sem medo de pisar em ovos, sem o receio de errar. O mundo é grande demais e a complexidade da sua casa é muito pequena perto da sua capacidade de crescer e conhecer realmente como a vida é.

Pequeno demais para ser enxergado

Que não ousa conhecer o mundo que vive limita-se ao universo que lhe é imposto, pequeno demais para ser enxergado, medíocre demais para ser comparado e ideal aos que querem viver e dominar sempre a maneira com que o ser humano caminha na vida.

A maior riqueza

Viajar, conhecer, enlouquecer e descobrir a si mesmo é algo raro, porém, necessário para todos nós. Não há como mensurar o aprendizado de quem viaja no tempo conhecendo diversos lugares, culturas e pessoas. É simplesmente a maior riqueza que alguém pode possuir.

Viajar não tem hora

Ninguém é velho demais para deixar de viajar, de conhecer lugares incríveis ou de buscar a paz em novos habitats naturais. Assim como ninguém é novo demais para ser poupado de conhecer outras culturas pela possível falta de tato ou compreensão. Viajar e desbravar, não tem hora, não tem idade, não tem limite, simplesmente é necessário e faz bem ao coração.

O coração sempre volta mais nobre

Nada do que foi um dia será igual depois que conhecer outros lugares, tiver vivência com outras pessoas e aprender que há muitas formas para amar e sorrir. O seu coração sempre voltará mais nobre e leve depois de se aventurar, de sair do seu casulo e viajar por entre as cidades, países e até almas. Seu peito se encherá de felicidade e de histórias para contar.

Um eterno viajante

Quem sonha em viajar já é um eterno viajante e isso o torna livre, leve e feliz. Quem tem como objetivo de vida conhecer outras pessoas pelo mundo, aprender e respeitar outras culturas e modos de vida, merece a tranquilidade eterna, pois muito sabe do pouco que viu. Ele será um ser transformador, que emana energias boas e passa todo o seu conhecimento com graça e muito amor a todos que o cercam, sem fazer descriminalização.

Viver é isso

Que delícia viver a liberdade de descobrir os mistérios do mundo, as maravilhas por detrás de cada sorriso, os costumes, as cores e os sabores. Viver é isso, é viajar de rua em rua, de alma em alma, de coração em coração e voltar sempre rico de boas experiências e de novos amores.

Estude a si mesmo

Descubra o mundo e permita conhecer a si mesmo após as reflexões de outras pessoas, a vivência de novas culturas e as mais diversas formas de amor que encontrar. Estude a si mesmo depois de desfrutar da beleza da natureza, dos encantos escondidos nos mares, das preciosidades das montanhas e do céu. Faça a sua crítica sobre o universo, mas só depois de conhecê-lo tanto internamente quanto externamente.

A alma viaja junto

Descobrir o mundo é algo mágico, dá uma sensação incrível de liberdade, felicidade e plenitude. O mundo é grande demais, com suas crenças, energias e lugares misteriosos fazem com que a alma saia do lugar e viaje junto com quem a desbrava.

Misture as línguas

Vá, descubra o que há de bom no mundo e não tenha medo! Curta cada detalhe, cada nova sensação e deixe a mente fluir, a alma evoluir e o coração explodir de tanta felicidade. Misture as línguas, as tribos, os ritmos e as culturas. Não tenha medo do novo, não questione o que for contrário ao seu costume, apenas aprenda e contemple as diversas maneiras de ser de quem habita esta terra.

Aprendizado como guia

Se puder, viaje! Viaje muito, conheça o mundo e volte para contar como foi a sua magnânima experiência. O seu conhecimento pode ser repassado, afinal, ele é um belo e importante aprendizado que serve sim de guia para aqueles que não têm a mesma oportunidade que você teve de vivenciar outras culturas.

Faz parte sentir saudade

Faz parte sentir saudade da casa, dos parentes e dos amigos, mas é necessário sair da zona de conforto e viajar, deixar a natureza te guiar e conhecer outras culturas. É importante sempre ir à busca do novo, sem temer, mas de coração aberto para o conhecimento que virá.

A melhor coisa é viajar

A melhor coisa do mundo é viajar e se desligar do lugar de onde veio, dos problemas e de tudo o que não edifica a sua alma. É bom demais lavar a mente em águas frescas, conhecer o novo, pessoas diferentes e lugares por onde nunca passou. Tudo isso faz parte de um aprendizado, uma evolução espiritual e também pessoal de quem se compromete em fazê-la de peito aberto.

Entre as necessidades da vida

Entre as necessidades da vida, deveria constar também a de viajar, pois somente assim é possível aprender de fato o que é história e conhecer outros mundos dentro do seu mundo sem perder a sua origem, sem deixar de ser quem és, apenas desfrutando de novos modos de viver.