Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

A reportagem mais emocionante

Entrevista ao Pensar

Posso dizer que, no período mais recente, uma das reportagens que mais me marcaram foi acompanhar os últimos 115 dias da vida de uma mulher com um câncer incurável. Esta foi a principal reportagem que fiz em dois anos trabalhando com a questão da morte – não a morte violenta, que em geral é o tema da imprensa, mas a morte escondida e silenciada na nossa época, que é a morte por doença e por velhice. Silenciada porque é a morte que a maioria de nós terá. Este silenciamento é a marca da nossa época. Mas confrontar-se com a morte é confrontar-se com a vida e por isso perdemos muito ao empreender essa tentativa desesperada e condenada ao fracasso de não lidar com a certeza de nossa finitude. A reportagem, que saiu na revista Época, foi também publicada no livro O olho da rua - uma repórter em busca da literatura da vida real, pela Editora Globo, de 2010.

Copiar texto

Texto copiado