Fiz por amor

Fiz o que fiz por amor. Pensava estar fazendo o melhor, mas nunca sabemos se estamos fazendo e, na nossa ignorância do futuro, simplesmente arriscamos com a melhor das intenções, mas às vezes não acertamos e provocamos o pior. Neste momento, só me resta lamentar por não ter tomado outra decisão, mas não podemos adivinhar o amanhã e o que está feito está feito e não dá para voltar atrás.

Copiar texto