O dom da palavra

Estamos tão acostumados a ver moradores de rua que muitas vezes nos tornamos indiferentes a eles, e você pode dizer que não tem dinheiro para dar todos os dias, mas você tem a palavra, às vezes cinco minutos que você dedique a conversar com ele já pode transformar o dia da pessoa, eles são humanos assim como você.