Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Infância e influências

Sérgio Guizé

Baixar imagem

Minha infância era muito bacana, vivia na rua fazendo coisa de moleque, de criança: jogava bola, soltava pipa. Eu era muito de rua, tinha muitos amigos, tinha meu cachorro, ia ver os shows do meu pai. Eu lembro que era muito feliz. Nesse sentido, era tudo muito simples. Fui criado na periferia de Santo André, e lá a gente vivia tudo junto e misturado. Nunca convivemos muito com preconceito, com racismo. Tínhamos todas as gentes, todas as cores, crenças, valores. Mas havia uma coisa muito presente. A forma como você se colocava perante a sociedade era machista, de um jeito ou de outro. De falar "não pode apanhar na escola", "não pode voltar chorando". Muita coisa é de família ou culturalmente arraigada. Você fica meio refém da sua cultura. Eu acredito que com essa mistura toda, desde pequeno a gente foi mudando e a gente vem se mudando. Trabalhar com arte facilita um pouco. A gente se transforma porque se pesquisa e se muda diariamente. Então, eu fui escapando desses modelos com esses amigos e fomos criando nossos próprios conceitos de ver a vida. É um processo natural de limpar o que não serve e só vai atrapalhar a nossa vida e a do outro, e seguir o nosso caminho, buscar a luz.

Copiar texto

Texto copiado