Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Minutos de Sentimentos

Tudo o que você sente não são apenas sentimentos. Tudo o que você sente faz parte de quem você é, da sua identidade. Inspire-se!

Esperando por um momento

Lifehouse

Eu estou ainda mais apaixonado por você
Deixando para lá tudo que eu tinha
Eu estarei aqui até que você me mova
Estou esperando por um momento aqui contigo.

Ali eu me apaixonei por você

Karine Rosa

Foi no meio da sua risada. E dentro dum abraço. E enquanto você mexia no meu cabelo. E durante aquela sensação de segurança que você sempre me trouxe de que o mundo pode fazer tudo, e você ainda vai estar aqui. Foi por causa daquele seu olhar. Foi porque você nem fez nada. Só riu. E nem viu, mas ali eu me apaixonei por você.

Ao amor da minha vida

Daniel Bovolento

Que eu te encontre num dia ensolarado, nublado, chuvoso, com névoa e te diga alguma coisa. Que eu te reconheça no momento exato em que puser meus olhos em você. E que você saiba que houve um encontro ali. Que você esteja vestida de vermelho, amarelo, azul, verde, preto e branco. Que você me ache engraçadinho, pelo menos. Quem sabe tímido, quem sabe babaca demais, quem sabe charmoso, quem sabe eu nem te chame a atenção. Mas que você me veja com bons olhos e eles encontrem os meus. Que eu acerte a cor dos seus olhos numa brincadeira qualquer. E que aí você perceba o quanto eu te enxergo em tão pouco tempo. Que você seja amiga de algum amigo, ou a gerente do banco, ou a colega de faculdade, ou a menina bonita da balada, ou filha da amiga da minha mãe. Que você se encante comigo de alguma maneira. Que você se permita me conhecer melhor e saber que eu sou legal, ou que sou interessante, ou que não tenho nada a acrescentar a você, ou que eu sou um completo egoísta, ou que eu tenho um blog bacana que fala dessas coisas bonitas que as pessoas acreditam. Mais que você não seja um ponto final. Que seja as aspas, as reticências, o parágrafo, o travessão... Que você seja.

Foi amor...

Daniel Bovolento

Amor foi a fatia grossa de torta que a gente pediu no The Baker’s logo depois de comer salada. E a dieta da proteína da outra semana, a ortomolecular da próxima e todas as segundas que a gente passou de cara feia um pro outro sem saber que era fome. Foi o saco de lixo com uns papéis importantes que você botou pra fora, porra, cê podia ter perguntado se eu ia precisar de alguma coisa dali, né? Eu precisava e não adiantaria de nada você ter perguntado porque eu nunca reparo nos detalhes. Teria visto a pilha em cima da mesa e despachado, assim como eu vi as coisas todas e deixei de lado, em algum canto do meu quarto desarrumado, nem fiz questão de botar pra baixo do tapete... E amor foi quando você trancou a porta do quarto porque eu disse que não ia voltar naquela noite. Nem na outra, nem na próxima noite e em semana alguma. Foi quando você tentou desmarcar uns compromissos enquanto eu mantinha a agenda fechada e dizia que não posso hoje, desculpa, vamos tentar na semana que vem? Amor foi quando você continuou ligando e até me comprou presente de aniversário quando a gente finalmente se sentou pra discutir. Foi quando você pediu pro garçom não trazer gelo – porque eu tava doente – e me entregou um casaco pra me aquecer – porque já passava das 22h e eu não precisei dizer um pio pra você descobrir minha gripe. Foi quando você me contou o que tava fazendo e riu de como me conhecia nos detalhes, quando confessou que sabia que tinha algo de errado e que eu não era mais o mesmo, foi quando você podia ter me deixado, mas me deixou na porta de casa e disse que esperava que eu ficasse bem.

E eu só vi isso tudo quando você foi embora. Porque aquilo também foi amor.

Desejo

Karine Rosa

Se eu tivesse que escolher um só desejo, eu desejaria isso: amor. Não só amor romântico, apaixonado, louco, intenso. Amor, sabe? Dos seus amigos, da sua família, de todas as centenas de pessoas que você conhece, dela. Dela, querido. Desejo muito amor dela, que ainda nem apareceu. Porque eu te desejo puro amor. De todas as coisas do mundo, amor e amor e amor e amor. Do jeito que tiver que vir. Apesar das tristezas, das feridas e das cicatrizes que não somem. Apesar de pessoas como eu que quebram tudo. Desejo amor. “Que ainda exista amor pra recomeçar”. Sempre.

Medo

Priscila Nicolielo

Então, você percebe que se transformou em medo – ou o medo te tomou. E tudo fica até tranqüilo. Porque ele prorroga o sofrimento. É um Prozac com menos química, mais sonolência. O medo acarinha o teu cabelo e te faz dormir mansa. Pensamentos caóticos não vão te desequilibrar. O medo é superprotetor e prefere tua solidão ao teu choro.

Por mais que tentemos matar o medo, ele se aperta pra caber no coração. Vira uma demonstração que damos ao outro de nossas experiências.

Um dia, você sente falta de não ter medo, porque olhou pra ontem e compreendeu que ele foi seu único companheiro.

Talvez um Dia

Colleen Hoover/Griffin Peterson

Vendo algo de tão longe
Ficando um pouco mais perto a cada dia
Pensando que eu quero torná-la minha
Eu correria para você se eu pudesse ficar
O que eu quero não posso exigir
Porque o que eu quero é você.

Amor da minha vida

Daniel Bovolento

Que eu possa te fazer sonhar. Que eu possa realizar os teus maiores sonhos e te consolar caso alguma coisa dê errado no meio do caminho. Que eu não saia nunca do seu lado, nem quando você pedir. Que os seus dias de TPM sejam lembrados com risadas e justifiquem aqueles quilos a mais que você ganhar com o brigadeiro. Que você chore bastante. Chore de rir, chore de saudades, chore de alegria. Que eu possa garantir que você não vai se machucar... Que o nosso filho tenha os seus olhos, a sua boca, o seu nariz. Que ele me lembre todos os dias de você... Que a gente caia um pouco na rotina e não mude por isso. Que a gente saia da rotina e se encante com algumas aventuras de vez em quando. Que a gente saiba reconhecer o valor da companhia do outro. Que eu te ame como nunca amei ninguém e que você me modifique da maneira que o seu amor quiser.

Mais importante que isso tudo: que você exista. E que não demore tanto pra chegar na minha vida.

Meu amor

Daniel Bovolento

Que você saiba como eu sou complicado, ou que eu sou desajeitado, ou que eu sei dançar muito bem, ou que eu piso no seu pé porque não sei andar em linha reta, ou que eu detesto o cheiro de queijo ralado. Mas que você decida ficar e me conhecer mais, seja por curiosidade ou porque acha que pode se encontrar no meio da minha bagunça. Que a gente se conheça aos poucos, aos muitos, aos tantos, aos beijos, aos toques, aos olhares, aos filmes de fim de tarde, aos cheiros de perfume novo, aos dias de dormir de conchinha, aos minutos de ligações intermináveis. Que você possa contar comigo, possa dormir comigo, possa brigar comigo. Que você não se arrependa naqueles momentos em que a gente questiona o amor, que você tenha orgulho de me mostrar pras suas amigas e que elas tenham inveja de você. Que eu possa te trazer café na cama, te dar um beijo de surpresa, te ver sem maquiagem, te morder até você ficar sem graça. Que eu não seja odiado pelos seus pais, que eles não me chamem de filho, que seu irmão torça pro mesmo time que eu... Que você me queira como pai dos seus filhos, que você se orgulhe de mim, que você esteja linda quando entrar na igreja.

Incompleto

Backstreet Boys

Eu tentei continuar como se nunca tivesse te conhecido
Eu estou acordado, mas meu mundo está adormecido
Eu rezo para este coração se curar
Mas, sem você, tudo o que serei é incompleto.

Um amor que transborde

Daniel Bovolento

Eu quero algo que vá além de um encontro casual ou uma paixão ordinária que não subiu a serra, não dobrou a esquina, não bateu na minha porta. Quero um amor que me ensine a amar com calma, bem devagarinho, que tenha paciência com as coisas erradas e os erros que vou cometer pelo caminho. Quero algo que me faça olhar pra dentro e revirar umas partes que eu mantinha escondidas, que eu tinha medo de mostrar ou encostar porque doía – e vai doer, mas vai fazer bem. Quero um amor desses que façam a gente correr no parque às 8h da manhã e ligar pro melhor amigo pra contar sobre o sorriso, o sexo, o cafuné, o tempo espreguiçado na cama com as luzes apagadas. Um amor de conchinha (por mais que eu odeie dormir agarrado). Um amor pra ação ou comédia romântica, você quem escolhe, meu bem.

Quero um amor, por mais que às vezes pareça que não quero, por mais que me esconda por trás de um discurso tão vazio quanto aquele que eu sinto. Quero um amor amado que não seja otimista nem pessimista, desses que falam do copo meio cheio ou meio vazio. Que se danem as metades incompletas! Eu quero mesmo é um amor que transborde.

Algum dia

Colleen Hoover/Griffin Peterson

Você diz que é errado, mas parece certo
Você me deixa ir, depois me segura firme
Palavras não terminadas, como nossa canção
Nada bom pode vir desse caminho
As linhas estão desenhadas, mas depois desaparecem
Por ela eu me curvo, por você eu me quebro.

Que haja amor

Leca Lichacovski

Desejo, do fundo do meu coração, que não lhe falte amor. Seja próprio ou de terceiros. Seja para enviar ou receber. Que haja amor, meu bem. Sempre. E tudo o mais será coadjuvante, inclusive os problemas insuportáveis.

Que haja amor já no seu café da manhã. Que ela lhe prepare, com carinho, aquele café forte que você tanto gosta. Que haja amor nos abraços de despedida, de arrependimento, de conforto e de afago.

Que haja amor quando você pensar em desistir. Que ele lhe faça tentar um pouco mais e de novo. Que haja amor para que você aja mesmo cansado. Que ele seja o combustível para você seguir adiante.