Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Por Uma Sociedade Mais Justa

Encontre histórias de justiça e honestidade que farão você restaurar a sua fé na humanidade. Leia e acredite que o bem é maioria. Faça sua parte!

O Celular Que Rendeu Um Emprego

Brasília - Brasil

Gustavo Lemos era morador de rua em Brasília. Certo dia encontrou um iPhone 5s em um estacionamento na área nobre de Brasilia. Lemos então não descansou até encontrar o dono do aparelho. O proprietário Leonardo Buzzi, empresário, chegou a oferecer R$100, 00 como recompensa, mas Lemos surpreendeu ainda mais. O morador não aceitou a quantia e pediu, em troca, um emprego. Dono de uma organização que oferece open bar, Buzzi encontrou outra forma de demonstrar agradecimento: contratou Lemos para ser auxiliar de bar nos dois dias de uma festa de réveillon no Pontão do Lago Sul, por R$ 300. "Fui fazer uma transferência em caixa eletrônico e acho que, quando desci, meu telefone caiu e eu não percebi. Só vi em casa. Liguei, deixei mensagem, nada. Depois, dava como desligado – e eu já esperava, porque tinha acabado a bateria. Horas depois tentei e, para minha surpresa, ele me atendeu e disse que tinha encontrado o celular.", explica o empresário. O morador de rua conta que achou o equipamento – que custa R$ 2,2 mil na versão básica – já sem bateria e procurou um quiosque onde poderia carregá-lo. Então, esperou até que o dono aparecesse para poder devolver o iPhone. O encontro aconteceu no local onde o aparelho foi achado, que é também onde Lemos costuma dormir e vigiar carros. O empresário levou dez camisetas e bermudas, além do dinheiro. O caso ganhou as redes sociais. "Fiquei muito feliz, muito contente por estar trabalhando", disse Lemos.

Pelos Mares

São Paulo - Brasil

Um marinheiro, Oziel Garcez, de 36 anos, da balsa de São Sebastião no litoral norte de São Paulo, encontrou uma carteira com cerca de R$ 40 mil, procurou o nome do dono pela internet e devolveu o dinheiro e os documentos para ele. Oziel encontrou a carteira perdida por volta das 6h da última quinta-feira, quando estava saindo do trabalho. Ele disse que percebeu o objeto no chão onde os motoristas aguardam para entrar na balsa, mas a embarcação já havia partido e não havia mais ninguém no local. Ele decidiu então pegar a carteira e verificar se encontrava o dono posteriormente. "Ao chegar em minha casa, eu verifiquei que na carteira tinha dois cheques de R$ 20 mil e cerca de R$ 90 em dinheiro, com cartões de crédito e com minha esposa decidi procurar pelo dono. Procuramos o nome dele pela internet e conseguimos encontrar um telefone dele", conta o marinheiro. Oziel e a esposa ligaram para o dono da carteira que, segundo o marinheiro, já estava no posto do Poupatempo em Caraguatatuba fazendo o cancelamento dos documentos que havia perdido. O marinheiro e o dono da carteira se encontraram no mesmo dia na casa de Oziel, no bairro Topolândia, e os pertences foram devolvidos ao proprietário. "Eu pago aluguel, meu único veículo de transporte é uma bicicleta e atualmente só eu estou trabalhando em casa, já que minha mulher está desempregada, mas o dinheiro não era meu. Só fiz o que era certo", disse Oziel. Com a boa ação, o marinheiro Oziel espera influenciar outras pessoas. “Meus pais passaram essa educação para mim e eu sempre segui. Tenho um filho de seis anos e ensino as coisas que são certas para que ele siga esse exemplo futuramente”

Comentários