Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Você ainda rasteja na minha memória

Terminou um relacionamento, mas ainda está com aquela dorzinha no peito e com todas as lembranças de vocês guardadas? Mesmo com o fim, a pessoa permanece em sua memória e só o tempo poderá resolver.

continue lendo
Compartilhar

Todo lugar que eu vou

Em todo lugar que vou, sinto que você vai estar. Sinto sua presença, mesmo sabendo que você não estará lá. Fico imaginando como seria te encontrar, falar com você. Provavelmente eu não teria coragem e sairia correndo em disparada.

Todo lugar me lembra você, cada café e esquina dessa cidade me traz alguma memória. Restaurantes em que costumávamos ir, os cinemas, as praças, os caminhos que percorremos. As estações de metrô em que nos encontrávamos, os pontos de encontro, todo lugar me lembra você.

Te vejo em tudo

Não importa aonde eu vá, sempre levo um pedacinho seu comigo, por mais que seja contra a minha vontade. Te vejo em cada canto do meu apartamento, em cada esquina dessa cidade. Espero te encontrar a cada rua por qual caminho, porém sem fazer a menor ideia do que diria se te encontrasse. Tudo me lembra você, e a vida se encarrega de nunca me deixar esquecer.

Saudade

Saudade é a única coisa que consigo sentir, há dias. Um aperto no coração, uma vontade de voltar no tempo, ter feito tudo de forma diferente, ter arriscado mais, ter feito algo para te fazer ficar.

Quando te vi partir, não consegui ter nenhuma reação. Apenas assisti a sua figura indo embora, me deixando para sempre, e da minha boca não saiu nenhuma palavra. Eu não conseguia acreditar, achava que era um pesadelo.

Mas os dias se passaram e você não voltou. Aos poucos, tive que encarar a realidade.

Ainda é difícil e ainda dói, e a saudade é minha única companheira.

Noites longas

Perdi a conta de quantas noites foram dedicadas a pensar em você. Mesmo sem querer, já era algo que estava fora do meu controle.

Noites tão longas, relembrando nosso passado e pensando em como nosso futuro se acabou tão rápido.

Noites em que não havia nada além de insônia e a dor a ser sentida.

Você faz falta

A única coisa que consigo sentir é a falta que você me faz. Será normal pensar tanto assim em alguém?

Não sei o que está acontecendo comigo, não consigo ter controle sobre os meus pensamentos.

Lembro de você a todo instante, a cada passo que dou, a cada pequena coisa que faço.

Você faz falta e não sei como seguir em frente sem você.

Por onde anda você?

Por onde anda você? Nunca mais te vi ou ouvi falar de você. Você sumiu e me deixou apenas com as memórias do que costumávamos ser. Não houve tempo para despedidas, tudo aconteceu muito rápido. Talvez você se obrigue a sentir raiva de mim para poder me esquecer mais rápido. Eu gostaria de poder fazer isso, mas estaria mentindo para mim mesma se disser que tenho raiva de você.

Tenho saudade e fico imaginando, me perguntando onde você está, por onde anda, quem se deita ao seu lado, quem te faz sorrir, agora que não sou mais eu quem ocupa esse lugar.

Você ainda rasteja na minha memória

Você ainda habita os cantos das paredes das minhas memórias. Como se fosse algo que insiste em grudar, insiste em permanecer e eu não consigo limpar, não consigo tirar, não consigo me livrar.

Já estou acostumada a ver a mesma mancha na parede quando passo apressada pelas esquinas das minhas memórias. É a sua lembrança, que não me deixa nem me abandona por nada nesse mundo.

 

Te perdi

O dia em que te perdi não sai da minha memória nunca. As palavras que não disse me perseguem todos os dias, em um furacão de arrependimento e mágoa.

Tudo o que você disse ao partir, suas palavras, são como facadas que perfuram meu corpo lentamente, dia após dia.

Eu não aguento mais sofrer, não aguento mais lembrar de como tudo era melhor quando você ainda estava aqui.

Trilha sonora

Eu não apaguei as playlists e as músicas que embalaram nosso romance. Não consigo, é demais para mim. Por mais que as ouvir traga um misto de dor e nostalgia, não consigo evitar. Cada música me leva de volta a um momento, e as memórias teimam em me perseguir.

E você me apresentou bandas que eu não consigo esquecer, que já viraram parte da minha vida e da minha rotina, mas é impossível não lembrar de você. Quando as primeiras notas das suas músicas preferidas tocam, tenho que me segurar para não chorar. Lembrar de você é instantâneo, quase como um vício do qual não consigo me livrar.

Primeiros encontros

Ainda me lembro, como se fosse ontem, da praça em que você me esperou no dia do nosso primeiro encontro. Você sentado, de um jeito tímido, metade nervosismo, metade ansiedade. Nossos olhos se encontraram e eu soube que era você.

E, sempre que passo na frente daquela praça, é impossível não lembrar de você. Do quanto aquele dia foi maravilhoso e cinco horas se passaram como se fossem minutos. Do quanto eu estava louca para te ver de novo. E de novo.

Lembrar de você dói, mas também me faz perceber que, pelo menos, tivemos a presença um do outro por um certo tempo. E isso foi muito bom.

Eu só queria que isso parasse

Eu queria tanto parar de pensar em você. De lembrar de você a cada coisinha que faço. Mesmo sem querer, já é automático lembrar de você.

Todos os dias, peço aos céus, mais do que tudo, para que eu possa te esquecer. É tudo o que eu tenho que fazer. Mas parece a tarefa mais complicada do mundo.

Como vou esquecer algo que me marcou tanto? Que foi tão real, tão intenso?

Eu só queria que isso parasse, eu só queria que você parasse de invadir minha mente quando menos espero.

Depois de tanto tempo

Depois de tanto tempo, você ainda é o meu primeiro pensamento pela manhã. Olho para o lado, para o espaço vazio em minha cama e lamento que você não esteja lá.

Sim, eu sei, já se passou tanto tempo e provavelmente você nem lembra mais de mim, mas, ah, como eu penso em você. Com tanta frequência, é como um hábito do qual tento me livrar, mas nunca me esforço o suficiente.

Depois de tanto tempo, eu só queria um pouco de paz, queria que minha mente não estivesse tão repleta de memórias suas. Não sei, afinal, quanto tempo vai levar, para eu finalmente seguir em frente, te superar e te esquecer.

O amor acaba

O amor acaba, as pessoas mudam e nos deixam, mas as memórias ficam.

É difícil aceitar o fim, é difícil dar adeus, se ver obrigada a descartar e esquecer alguém importante.

Meu cérebro não está acostumado a não lembrar de você, a não direcionar meus pensamentos para você. É um hábito que mantenho há algum tempo, e não é tão fácil assim largar um vício. Mas, para o meu próprio bem, eu devo te esquecer. Devo me esforçar para lembrar cada vez menos de você, até que os dias fiquem menos pesados e eu consiga respirar normalmente de novo.

Até lá, vou me esforçar para te esquecer.

Incerto

O futuro é incerto e é de incertezas que meus caminhos se preenchem desde que você se foi. Um milhão de dúvidas e porquês enchem meus pensamentos, meus questionamentos parecem não ter fim.

O que será de mim sem você? Serei capaz de um dia te esquecer?

Eu queria saber do futuro, queria saber o que fazer comigo mesma, queria saber como sair dessa situação, mas só sei lembrar de você.

Mesmos lugares

Visito os mesmos lugares, mas não é o mesmo sem você. Vou aos mesmos cafés, às mesmas praças, aos mesmos restaurantes e dou os mesmos passeios que costumava fazer com você.

Mas na sua ausência é tudo frio, cinza, é tudo gelado e sem esperança.

É uma eterna espera da qual sei que nada virá, mas, como uma criança teimosa, ainda insisto em imaginar que você vai voltar.

fechar