fechar
Receba diariamente lindas mensagens para se inspirar!

Você vai receber até 1 mensagem por dia R$ 0,39+tributos por mensagem recebida. Assinatura diária, renovação automática. Para cancelar envie
SAIR para o 50005. Se
tiver dúvida, envie AJUDA
para 50005. Serviço
válido para todas
as operadoras.

Anterior
Amorosos

Apaixone-se pelas poesias de amor e compartilhe-as!

Anterior
Próxima
Eu Te Amo Hoje

Eu Te Amo Hoje. Enquanto o amor for diário.

Próxima
comente

Dia da Proclamação da República

História

No dia 15 de novembro de 1889, o Marechal Deodoro da Fonseca, com o apoio dos republicanos, demitiu o Conselho de Ministros e seu presidente. Na noite deste mesmo dia, o marechal assinou o manifesto proclamando a República no Brasil e instalando um governo provisório. Após 67 anos, a monarquia chegava ao fim. No dia 18 de novembro, D.Pedro II e a família imperial partiam rumo à Europa. Tinha início a República Brasileira com o Marechal Deodoro da Fonseca assumindo provisoriamente o posto de presidente do Brasil. A partir de então, o pais seria governado por um presidente escolhido pelo povo através das eleições. Foi um grande avanço rumo a consolidação da democracia no Brasil.

facebooktwittergoogle+

Hino da Proclamação da República

Seja um pálio de luz desdobrado. Sob a larga amplidão destes céus Este canto rebel que o passado Vem remir dos mais torpes labéus! Seja um hino de glória que fale De esperança, de um novo porvir! Com visões de triunfos embale Quem por ele lutando surgir! Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós! Das lutas na tempestade Dá que ouçamos tua voz! Nós nem cremos que escravos outrora Tenha havido em tão nobre País... Hoje o rubro lampejo da aurora Acha irmãos, não tiranos hostis. Somos todos iguais! Ao futuro Saberemos, unidos, levar Nosso augusto estandarte que, puro, Brilha, ovante, da Pátria no altar! Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós! Das lutas na tempestade Dá que ouçamos tua voz! Se é mister que de peitos valentes Haja sangue em nosso pendão, Sangue vivo do herói Tiradentes Batizou este audaz pavilhão! Mensageiros de paz, paz queremos, É de amor nossa força e poder Mas da guerra nos transes supremos Heis de ver-nos lutar e vencer! Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós! Das lutas na tempestade Dá que ouçamos tua voz! Do Ipiranga é preciso que o brado Seja um grito soberbo de fé! O Brasil já surgiu libertado, Sobre as púrpuras régias de pé. Eia, pois, brasileiros avante! Verdes louros colhamos louçãos! Seja o nosso País triunfante, Livre terra de livres irmãos! Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós! Das lutas na tempestade Dá que ouçamos tua voz!

facebooktwittergoogle+
Publicidade

Recado ao povo

Marechal Deodoro

Digam ao povo brasileiro que a república está feita!

facebooktwittergoogle+
sms

Altar

Somos todos iguais! Ao futuro saberemos unidos, levar nosso augusto estandarte que puro, brilha , ovante da pátria no altar!

facebooktwittergoogle+

Proclamação da República - 15 de Novembro

Sogueira

República Democrática Brasileira Liberdade de idéias e desejos Soberania popular assim se faz Quando a palavra tem força hora e vez Foram vinte anos de lutas e ideais Para fugir do sistema monárquico O povo não participou em geral O movimento foi da elite já enfática. Quando as mentes comungam parceiras Buscando na força da palavra em pauta As armas, a igreja nesta luta guerreira. Vence o regime cai à crise exausta A República venceu ganhou status Trinta e um presidentes empossados Cento e dezoito anos de poder contados Em cada mandato esperanças postadas Perfeição para missão tão árdua Impossível para um país tão imenso Uma nação de miscigenação variada Mas crescemos o cada dia é intenso

facebooktwittergoogle+

Proclamação da República - 15 de Novembro

Lívia Petillo

pinterest

Um verde que fala de esperança, um amarelo ouro de herança, um azul celeste, olhos do divino e o branco da Paz, no semblante das crianças... Esse nosso Brasil, com tanta história pra contar e a miséria prevalece, sob a guarda de uma súcia, que não se pode confiar...

facebooktwittergoogle+

Liberdade

Liberdade! Liberdade! Abre as asas sobre nós, das lutas na tempestade. Dá que ouçamos tua voz.

facebooktwittergoogle+
sms

República

Marechal Deodoro

"Viva a República"

facebooktwittergoogle+

Guerreiros

Liberdade proclamada, esperança reacendida. Somos todos guerreiros lutando pela vida.

facebooktwittergoogle+

A Crise

A crise monárquica levou o Brasil a sua liberdade...

facebooktwittergoogle+

Novo Porvir

Seja um hino de glória que fale de esperanças de um novo porvir! Com visões de triunfos embale quem por ele lutando surgir!

facebooktwittergoogle+
sms

Escravos

Nós nem cremos que escravos outrora tenha havido em tão nobre país... hoje o rubro lampejo da aurora acha irmãos não tiranos hostis.

facebooktwittergoogle+

Mister

Marechal Deodoro

"Impossível governar com este Congresso. É mister que ele desapareça para a felicidade do Brasil."

facebooktwittergoogle+