Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Google Plus Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Poesias para celebrar a amizade

A amizade é um dos presentes divinos que recebemos na vida. Cultive sempre os seus amigos e tudo o que eles lhe trazem: as histórias, as memórias, o companheirismo e a irmandade. Deixe a poesia falar por você e celebre suas amizades.

Amizade Infantil

O desgosto de beber água quente depois de um gole da gelada

A aflição da pele do dedinho mal arrancada

A agonia de quando um balão está para estourar

A satisfação de lamber na embalagem o suco em pó que sobrar



A ansiedade que faz você revirar a noite anterior inteira na cama

A incerteza de dizer que lhe ama

A ousadia de chutar o gelo pra debaixo da geladeira

A angústia de ela responder “eu te amo” numa sexta-feira



A euforia de pegar em menos de cinco segundos a comida do chão

A loucura de bater três vezes na mesa só por superstição

O vício de ficar vendo o celular mesmo sem ter recebido a mensagem

O medo de ficar com o pé pra fora do cobertor e puxarem



A insegurança de mexer na maçaneta da porta depois de trancar

A intrepidez de desligar o micro-ondas um segundo antes de apitar

A ingenuidade de fazer um ritual para comer um chocolate

A tolice de fingir jogar o brinquedo enquanto o cachorro late



Porque não tem graça arrancar a pele toda e não chupar o sangue

Muito menos jogar fora o resto do pó junto com o Tang

Quanta insipidez misturar e beber a água gelada com a quente

E depois estourar a bexiga e dar risada do susto da gente



Porque é monótono fechar os olhos e fingir que nada vai acontecer

E seguro demais em pensar que não vai lhe perder

Tamanha frieza abaixar e pegar o gelo com a mão

Mais frio ainda impor data para o próprio coração



Porque é chato ter que jogar a comida fora

E cínico demais não desvirar o chinelo e correr o risco da mãe ir embora

Quanta normalidade olhar o celular só quando vibrar

Tamanha coragem não dar uma corridinha depois da luz da cozinha apagar



Pois é corajoso demais não checar a porta e passar o dia aflito

Tamanha chatice o micro-ondas e seus três apitos

Quanta insensibilidade morder logo de cara o corpo da tartaruga

Pois dono que não ameaça antes de jogar o brinquedo

O cão se diverte mais com uma pulga

Emocione seus amigos mais queridos com uma poesia especial

Comentários