Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Colecione lembranças especiais

Você sabia que em 26 de dezembro é comemorado o Dia da Lembrança? Sim! Então, aproveite essa data para vasculhar a memória e lembrar-se daquilo que um dia já te fez feliz! Confira nossas mensagens e inspire-se com reflexões sobre as lembranças.

Todos devem guardar somente o que foi bom

Momentos especiais, quem nunca teve um que atire a primeira pedra... Impossível! Todos devem guardar somente o que foi bom na memória e assim cultivar o bem e o amor, para que mais tarde não sofra com as recordações do que não edifica a alma.

Não vou sofrer se você sumir

Guarde o melhor de mim que eu guardarei somente as coisas boas que vivemos juntos. Prometo que em momento algum vou sofrer se você sumir, pois em meu peito para sempre te manterei bem perto de mim.

Tenha a mania de colecionar lembranças especiais

Tenha uma mania boa: a de colecionar lembranças especiais. Queira viver mais e mais para isso, para conquistar a cada novo dia o seu coração. Depois dessa experiência incrível, você não se acostumará com pouco ou com vivências que não lhe acrescentam nada.

O ato de recordar já vale a pena!

No dia da lembrança, não há nada mais gostoso do que reviver em seu pensamento os momentos bons que viveu. Dá até para matar levemente a saudade de alguém especial, de um dia importante, de fases que passaram. Mesmo que seja impossível voltar no tempo, o ato de recordar já vale a pena, porque te mostra o quanto é bom viver.

Faça valer cada minuto da sua vida!

Colecione muitos momentos, viva intensamente, faça valer cada minuto da sua vida. No final, quando você parar para refletir, verá que a vida vale a pena justamente pelo montante, pela força que tudo teve sobre você, fazendo com que crescesse e amadurecesse para ter outros dias de alegria infindável.

Uma nostalgia enorme, mas muito boa

Momentos especiais, esses valem a pena de serem lembrados e revividos no coração. É uma delícia olhar para o passado e sentir que cada pessoa que passou por ti fez a diferença e contribuiu para você ser quem é hoje. Daí vem à mente os momentos felizes, os lugares que conheceu, os sabores que experimentou, os cheiros que sentiu. Tudo engloba uma nostalgia enorme, mas muito boa.

O privilégio de ter lembranças

Todos nós temos um livre acesso à máquina do tempo. Podemos revirar os nossos arquivos pessoais, mexer na gaveta da felicidade, ler as histórias mais divertidas de nossas vidas. O privilégio de ter lembranças é poder encontrá-las sempre em nossas vidas.

As pessoas podem mudar quantas vezes forem necessárias

As pessoas podem mudar quantas vezes forem necessárias, mas nunca deixarão de ter em suas lembranças o que passou, os momentos bons e as lutas diárias que viveu. Momentos especiais são assim, servem para isso, para que volta e meia nos encontremos em um tempo bom, diferente do de hoje, mas que serviu para chegarmos até aqui.

Se hoje eu sinto falta é porque valeu a pena

As memórias são traiçoeiras, traz amigos que se foram com o tempo, alimenta amores que já tinham sido cicatrizados, lembranças que já tinham chegado ao fim de uma história. Mas eu não tenho raiva, pelo contrário, agradeço, porque se hoje sinto falta de qualquer coisa é porque valeu a pena ter vivido.

Os momentos especiais vivem em meu peito

Sinto saudade da minha juventude, das coisas boas que vivi ao lado dos meus grandes amigos enquanto ainda jovens. A inocência, as brincadeiras, o povo reunido olhando o entardecer. Todos esses momentos especiais vivem em meu peito e eu não me canso de recordar.

O motivo para eu amar o meu passado

Talvez o motivo principal para eu amar o meu passado é que ali eu tenho livre acesso a tudo. Todas as lembranças vivem e não se modificam. Diferente das pessoas, dos lugares e dos sentimentos, que volta e meia se transformam em algo que eu não conhecia e jamais poderia imaginar.

As memórias podem nos fazer bem ou mal

As memórias são como ruídos que podem nos fazer bem ou mal, basta que saibamos diferenciar o que nós precisamos para ser felizes. E aí, que tal relembrar só dos momentos bons e seguir no caminho da felicidade?