Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Dia de Nossa Senhora da Lampadosa

A Virgem Maria recebe diversos títulos graças às suas aparições e intercessões por todo o mundo. Na ilha de Lampadosa, ou Lampedusa, a mãe intercessora apareceu para um italiano que foi escravizado pelos turcos e a devoção a ela se espalhou pelo mundo. No Brasil, Nossa Senhora de Lampadosa também ficou conhecida como protetora e intercessora dos escravos. No dia 1º de dezembro celebramos com fé e adoração a Mãe gentil que é refúgio e proteção para todos os sofredores. Te convidamos a conhecer a bela história da Virgem de Lampadosa e a compartilhar história, oração e amor. Louvemos “Ó Mãe, rogai por nós”.

Representação da santa

Nossa Senhora da Lampadosa, celebrada em 1º de dezembro, é representada pela figura de uma jovem mãe que eleva sua mão direita segurando um coração. Ele simboliza o amor. No braço esquerdo, carrega seu filho, Jesus. O menino Jesus leva uma pomba na mão direita, simbolizando o Espírito Santo.

Conheça também Santa Zenaide

De uma ilha

Mais uma representação da Virgem Maria, Nossa Senhora da Lampadosa é hoje cultuada em 1º de dezembro e seus maiores fiéis eram escravos do século 18 que viviam na ilha de Lampadosa, no Mar Mediterrâneo.

A ilha Lampedusa

Também conhecida como Lampedusa, a ilha que deu origem ao nome de Nossa Senhora da Lampadosa, cultuada em 1º de dezembro, está localizada num arquipélago das Ilhas Pelágias, mais próxima ao norte da África, no Mar Mediterrâneo. A população chega a 5 mil habitantes, que vivem de pesca e agricultura.

A fé cristã

A chegada da palavra cristã vinda da apresentação de Nossa Senhora da Lampadosa, festejada em 1º de dezembro, foi bem recebida. Pois os escravos estavam sem família, sem identidade e sofrendo os abusos do período. Assim, era uma bênção e um conforto ouvir sobre o cristianismo e fé. Virgem Maria mãe carinhosa e protetora não desampara.

Uma irmandade

No ano de 1730 escravos devotos fundaram uma irmandade para uni-los em uma só fé. Com a alma machucada por passar por tanto sofrimento, queriam se consolar e chamaram a união de Irmandade Lampadosa. Nome em homenagem à Nossa Senhora da Lampadosa, que é celebrada em 1º de dezembro.

Criação da Irmandade

No Rio de Janeiro foi criada a irmandade, que cresceu muito no ano de 1748, atraindo muitos escravos abertos à fé cristã. A sede, que era na Igreja do Rosário, passou a receber muitos escravos em busca de palavras de amor. Nossa Senhora da Lampadosa é festejada em 1º de dezembro.

Igreja histórica

Então, com a popularidade da irmandade, ela ganhou um terreno amplo que se tornou o abrigo de uma imagem de Nossa Senhora da Lampadosa, celebrada em 1º de dezembro.

A igreja que ali foi construída aparece na história do Brasil, por meio dos acontecimentos com Tiradentes.

Oração parte I

Virgem Maria é consoladora e mãe afetuosa, consola e dá esperança a todos nós. Está sempre de braços abertos para seus filhos. Nossa Senhora da Lampadosa, nos proteja neste 1º de dezembro e sempre.

“Ó Maria, doce refúgio e consoladora esperança dos que sofrem, permite que com inteira confiança eu impetre vossa poderosa proteção e me lance em vossos braços maternais na confortadora certeza de ser atendido(a). Permita, ó Mãe dos que sofrem, que meus lábios se desatem em vossa esperança para suplicar-vos pelas benditas almas dos cativos.”

Oração parte II

Muitos são os percalços e conflitos, Nossa Senhora da Lampadosa, rogai por nós neste

1º de dezembro.

“Sede, Senhora, minha esperança nas lidas cotidianas, minha consolação nas inevitáveis aflições, minha fortaleza nas acabrunhadas tribulações. E no momento supremo antes do último alento, e na hora final antes de iniciar a via da eternidade, sede, minha Mãe, advogada e protetora. Amém.”