Famosos / Políticos

Ariel Sharon

Chefe de guerra e ex-primeiro ministro Ariel Sharon, marcou história por onde passou e com certeza deixará saudades. Conheça um pouco dessa figura popular de Israel.

Nasce Ariel Sharon

O começo de tudo

Ariel Sharon nasceu na região da Palestina em 1928, quando a região estava sob domínio britânico. Ele participou da milícia Haganá - que lutava pelo fim da autoridade inglesa na região - em 1942, quando tinha apenas 14 anos de idade.

Compartilhar

1948 a 1983

Sharon em datas

Em 1948, foi comandante de brigadas do Exército de Israel durante a ofensiva das tropas árabes.

Em 1952, ele se tornou lider da Unidade 101, responsável por ações militares de retaliação em territórios palestinos.

Em 1973, Sharon, ingressou na política eleito para o parlamento israelense pelo partido de direita Likud.

Em 1977 foi reeleito. Em 1981, se tornou ministro da Defesa do governo de Menachem Begin.


Em 1983, Sharon foi forçado a deixar o cargo por um tribunal israelense que investigava os massacres. A Justiça concluiu que o ministro foi indiretamente responsável pelas mortes.

Compartilhar

A segunda intifada

Sharon em datas

Em 2000, Sharon despertou a ira dos palestinos ao visitar o complexo religioso conhecido como Haram al-Sharif pelos muçulmanos em um dia sagrado islâmico. O episódio, visto como provocação pelos árabes.

Em 2001, foi eleito primeiro-ministro com o famoso discurso sobre segurança e paz.

Em 2005, ele deixou deixou o Likud e criou o partido Kadima, no qual esperava ser reeleito como premiê. O acidente vascular cerebral, no entanto, frustrou os planos de Sharon.

Compartilhar

O retorno à política

Sharon em datas

Em 1990, foi um entusiasta da política de assentamentos judeus em territórios palestinos.

Em 1967, foi responsável pela maior construção colônias e estradas na faixa de Gaza e na Cisjordânia desde que os territórios foram ocupados por Israel.

Em 1998, foi ministro do do Exterior do governo de Benjamin Netanyahu.

Em 1999 se tornou o líder do Likud.

Compartilhar

Não vou me render

Ariel Sharon

Eu não vou me render para esses palestinos.

Compartilhar

A grande ideia

Sharon em datas

Foi no ano de 2001, com a bandeira de "segurança e paz" e a frase marcante: Eu não vou me dobrar aos palestinos, Sharon teve a ideia de construir um muro separando cidades e assentamentos judeus dos territórios palestinos. Ele ordenou a retirada de assentamentos judeus em Gaza, mas descartou outras remoções.

Compartilhar

Não dá para manter

Sharon em frases

Não podemos manter Gaza para sempre. Mais de 1 milhão de palestinos vivem lá em condições únicas de superpopulação, em bolsões de ódio crescente.

Compartilhar

Morre Ariel Sharon

A morte do ex-premiê

Ariel Sharon, morreu no dia 11 de janeiro de 2014, aos 85 anos. Ele já estava internado há 8 anos em coma, judeus fizeram homenagens em Israel e palestinos protestaram na Faixa de Gaza.

Ex-general e líder da direita, Sharon estava em condição vegetativa desde o derrame que sofreu em 4 de janeiro de 2006, quando ainda comandava o governo.

De acordo com o hospital Sheba, em que ele estava internado, Sharon morreu pacificamente, ao lado da família, nas proximidades de Tel-Aviv. O quadro de saúde do ex-premiê vinha apresentando uma piora acentuada desde o início do ano.

Segundo os médicos, ele apresentou uma insuficiência renal que afetou outros órgãos vitais.

Compartilhar

Palestinos comemoram a morte de Ariel Sharon

A oposição

Palestinos celebram a morte do ex-primeiro ministro israelense Ariel Sharon (que aparece na imagem do cartaz), em Khan Youni, ao sul da faixa de Gaza em 11 de janeiro de 2014. Sharon foi acusado pela justiça de seu país por grupos de direitos humanos de ser responsável por diversos massacres de civis palestinos desde 1952.

Compartilhar

Minha defesa

Sharon em frases

Eu passei toda a minha vida defendendo os judeus. Agora, tenho de me defender dos judeus.

Compartilhar

Ocupação

Sharon em frases

Não gosto da palavra, mas isso é ocupação. Manter 3,5 milhões de palestinos sob ocupação é ruim para Israel e para os palestinos.

Compartilhar

comentários

anterior

José Genoíno

As frases de político mensaleiro do PT

próxima

Não seja cego para os problemas

Eles estão espalhados por aí e você tem que ver