Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Frases de Liliane Prata

Formada em jornalismo e ex-colunista da revista Capricho, Liliane Prata vem se destacando depois dos lançamentos de três livros infanto-juvenis e dois adultos. Mais livros já estão agendados para lançamento e seus fãs aguardam com ansiosidade!

Amor

Liliane Prata

Absorvam isso de verdade. O que quero dizer é que, no fundo, todos querem ser amados. A criança que pede para a mãe olhar sua cambalhota quer ser amada. A menina que posta fotos no Instagram quer ser amada. A criança que bate na outra está ansiosa para ser amada. Práticas sexuais estranhas: a pessoa que precisa fazer fezes na outra para sentir prazer, não façam cara de nojo, prestem atenção, ela quer desesperadamente ser amada, ela quer ser aceita em todas as suas partes, quer ser abraçada em toda a sua sujeira. O michê que sai com cinco sujeitos por noite quer ser amado. O estuprador precisa desesperadamente ser aceito, ser respeitado, mostrar sua força, porque quer ser amado. O menino quer fazer o gol para ser admirado. O sujeito que comprou uma Ferrari e paga uma garrafa de Champanhe importado para a mesa também. A mulher de vestido curto. A mulher que quer chamar atenção pela inteligência. O erudito que fala coisas eruditas. O cara que faz piada o tempo todo. O aluno que quer ser o melhor da classe. O aluno que faz pouco do menino de óculos. O menino de óculos. O hipocondríaco que vai para o hospital para chamar a atenção, para ser amado. O filósofo que chama atenção pelas suas ideias interessantes. O outro filósofo que chama a atenção por sua agressividade. Ser amado. Ter valor aos olhos do outro: todos nós queremos ser valorizados. Eu. Você. Todos nós desejamos profundamente ser acolhidos pelo outro, ser admirados, respeitados, ouvidos. Percebidos. Precisamos disso. Todos nós somos assim, desde crianças. Uns mais, uns menos: todos nós passamos a vida carregando conosco essa necessidade inata de ser amado. De querer que as mães olhem nossas cambalhotas. Todos nós queremos importar para os outros. Precisamos sentir que importamos. Todos nós. Por isso, se querem dar alguma coisa material para outra pessoa, deem, mas deem antes isto: amor. Deem ouvidos. Deem interesse. Voz. Olhar. Cuidem assim das suas crianças: elas precisam se sentir amadas, assim como você precisa. A criança que cresce sem amor vai precisar de mais amor do que todos nós já precisamos, e o amor de que todos nós precisamos já é muito. Se vocês querem pessoas mais ou menos equilibradas e uma sociedade um pouco menos caótica, então verifiquem a distribuição de algo tão fundamental como saneamento básico: amor.