Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Christina Rocha

Dona de um senso de humor acima da média, ela conquistou as tardes do SBT com o programa Casos de Família. Christina Rocha é uma mulher forte, polêmica e que tem tudo a ver com o gosto popular.

Velhos tempos

Christina Rocha

Quando eu era a cunhada do Silvio Santos, por incrível que pareça, as coisas eram mais difíceis.

Plateia

Christina Rocha

A plateia é minha melhor parceira do mundo. O Casos não tem quadros. Sou eu, eles, o caso real e só. Uma coisa que eu aprendi com o Silvio Santos foi tratar bem o público e plateia, principalmente porque eles fazem o programa comigo. Eu chego antes de gravar, faço a maior bagunça, bato papo e é impressionante como a coisa flui quando a gente está nessa harmonia.

A volta para a TV

Christina Rocha

Sinceramente, eu estava muito afim de voltar pro ar e acho que estava completamente preparada para entrar numa dessas. Não me deu nem frio na barriga. Eu estava na expectativa, mas nervosa de maneira alguma. Eu peguei um programa que tinha cinco anos, era bom, mas metódico, que era o esquema na época. A proposta depois da minha escolha foi agitar, ser programa no estilo de auditório, e que eu expressasse opiniões. Eu entrei com tudo e disse "eu vou e vou chegar lá". Desde então nós passamos do 4º lugar para vice-líder na média no Brasil inteiro. O programa ficou muito mais dinâmico e muito mais alegre. Tanto que recebi um cartão do Silvio [Santos] dizendo que esse programa deveria se chamar Casos da Christina. Eu até guardei.

Surpreendendo

Christina Rocha

Eu sempre batalhei e as coisas sempre foram difíceis. E o Casos veio numa hora certa porque eu estou preparada, não tem negócio de deslumbramento porque já subi ou caí. Estou a mesma Christina, embora muito mais esperta. Eu acho que eu surpreendi muita gente.

Eliana

Christina Rocha, sobre a colega de profissão, Eliana

A gente se conhece há muitos anos, fomos em várias baladas. Não vou contar, tem coisas da Eliana que é do babalu, meu bem. Eu não vou sacanear a minha amiga, não, líder de audiência, um dia, se ela deixar, a gente conta as coisas, mas uma coisa eu garanto: esta mulher é muito quente, demais!

Armação?

Christina Rocha, ainda sobre o Casos de Família

Sabe a qual conclusão que eu cheguei? O programa está há 11 anos no ar, cinco no formato antigo e há seis anos no ar comigo, sob a direção de Rafael Belo. Quem não acreditou até agora, que não acredite. Estou de saco cheio. Eu não ia dar a minha cara para bater. Eu seria muito burra de falar uma coisa que não fosse verdade.

Experiência

Christina Rocha

Trabalhei com o Clodovil e aprendi muito. Claro que dois bicudos não se bicam [risos] e eu tenho sangue nordestino também, aí já viu né. Mas trabalhar com o Clodovil foi uma experiência legal. O Povo na TV e o Aqui Agora nem se fala. Gostei também do Programa Livre e do Fantasia. Tudo isso contribuiu para que eu tivesse esse jogo de cintura na apresentação e aqui no SBT, tenho a liberdade de falar o que penso. Não tem esse negócio de censura, que não posso emitir minha opinião. No programa, respeitando o horário, é claro, participo bastante de tudo. Se tiver que entrar no meio da briga, entro!

TV

Christina Rocha

Na TV você tem que ser verdadeiro. Não adianta fingir humildade no palco e, quando desligarem as câmeras, você ser arrogante. Uma hora a máscara cai. Eu me entrego mesmo.

Ídolo

Christina Rocha

O Silvio é um ícone. Ele nos dá muita liberdade de criação e trabalho aqui no SBT. Eu amo de paixão trabalhar na televisão e aqui, no SBT, então, é algo mágico. Eu, que fui cunhada do Silvio por alguns anos, acompanhei todo o empenho dele em conseguir esse canal e construir esse complexo. Fazer parte dele é um prazer. E trabalhar com prazer é algo fundamental para qualquer profissional.

Saia justa

Christina Rocha, sobre a apresentadora Eliana

Esta mulher é muito quente, demais! Teve um homem que falou que a Eliana foi a melhor amante que ele já teve.

Casos de Família

Christina Rocha, sobre o programa Casos de Família

Os temas que discutimos acontecem com quem está em casa. Com quem nos assiste. É importante essa parceria e aproximação com quem está em casa. Não se pode fazer televisão por ego, apenas. Nós fazemos TV para quem está em casa.

Fatos

Christina Rocha

O Casos de Família não é para solucionar, é para mostrar a realidade das pessoas que vão lá. Quem dera se a gente tivesse o poder de solucionar os casos.

Do povo

Christina Rocha

O programa tem ficado na vice-liderança e líder, algumas vezes, registrando sete ou oito pontos. Isso causa incômodo. Por que um programa popular não pode ficar em primeiro lugar de audiência? Aí começam a acusar de armações, falsidades, que as pessoas que veem aqui também vão a outras emissoras. Eu posso falar daqui, do SBT. Nossa produção faz uma entrevista com cada participante e pergunta se já participou de outros programas. Se sim, nem colocamos no ar. Mas há pessoas que têm vários problemas e se encaixam em temas aqui, ali. Não dá pra impedir isso.