Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Tot

Responsável pelo conhecimento, escrita e até mesmo pela magia, Tot foi um dos deuses mais importantes da mitologia egípcia. Quer se aprofundar na história desse deus? Então confira aqui tudo que você precisa saber sobre seus feitos, representações e muito mais!

continue lendo
Compartilhar

Importante

Acredita-se que Tot é aquele que mantém a ordem no universo, ele foi um dos deuses mais importantes da mitologia egípcia. Ele era filho do deus sol, Rá, criado com a ajuda de Atum e Khepri. Diz-se que foi Tot quem inventou a escrita egípcia antiga, e que ele era o deus protetor dos escribas.

Braço direito de Rá

Rá estava cansado de tanto trabalho e, por isso, resolveu repartir seu poder entre alguns deuses, Tot seria seu escriba. Ele recebeu a tarefa de manter a ordem na terra e também sobre aqueles que se rebelassem contra Rá.

Lidando com o céu

Os egípcios viam Tot como o coração de Rá, para eles o coração era como o cérebro de alguém, responsável por toda a sabedoria. Rá deu a Tot a lua para balancear com o sol. Tot usou sua sabedoria para medir as estações e também regular o tempo. A estabilidade do universo dependia de sua matemática.

O livro de Thoth

Há um livro também enigmático de autoria de Tot, “Livro de Thoth”, nele podia-se encontrar suas fórmulas mágicas. Existe um conto egípcio que fala sobre a história de Setna, filho do faraó Ramses, e sua busca pelo livro de Tot. Ao contrário dos demais, ele não buscava poder, mas sim sabedoria, foi um grande estudioso.

Autor das inscrições

Como deus da escrita, Tot é considerado autor do “Livro dos Mortos” e da obra “O livro das Respirações”. Ambos continham inscrições colocadas nas tumbas para guiar os mortos pelo submundo e pelo Julgamento de Osíris.

Responsável por tudo

Os egípcios também acreditavam que Tot foi o responsável pelo calendário, contendo 365 dias. Eles acreditavam que Tot conhecia todas as fórmulas do universo e que seu poder era imensurável.

 

Tot por todos

Acreditava-se que Tot compreendia todos os mistérios da mente humana. No Egito, ele representava o advogado da humanidade. Em muitas representações ele aparece ao lado de uma balança, era o equilíbrio no momento do julgamento.

A balança de Tot

Tot pesava a alma do morto antes de ele ir a julgamento. Em sua balança, de um lado estava uma pena, representando a verdade, e do outro o Ib simbolizando o coração do morto. Cabia a Tot examinar e determinar a dignidade do morto, ele julgava seus sentimentos e propósitos.

Escriba dos julgamentos

Tot também era responsável por anotar o resultado de cada julgamento. Com base na balança, todo o julgamento determinava se o morto tinha se conduzido bem ou não, e se ele havia tido uma vida digna e honrada.

A mente de Rá

Os egípcios diziam que Tot era a mente e língua de Rá. Era como a expressão do poder de Rá, ele ouvia tudo o que Rá tinha em mente e traçava um objetivo. Tot era de tamanha importância para os egípcios que na antiguidade existia uma casta de sacerdotes seguidores de Tot.

Descubra aqui quem foi Rá

Fonte da ciência

Os gregos viram o deus egípcio Tot como a fonte de toda ciência, tanto humana quanto divina, do Egito. Tot era deus da lua, do conhecimento, da escrita, juiz dos mortos, criador do calendário e o escriba do antigo Egito.

Tot e Hermes

O santuário de Tot era na cidade de Hermópolis, na região do Delta do Nilo. Tot está relacionado ao deus grego Hermes, deus da riqueza, sorte, fertilidade, magia, linguagem e viagens.

Tot a ave

O bico curvo da cabeça de Tot era visto como símbolo da lua, e sua face era a ave íbis, um animal sagrado. Não se sabe quem era a mãe de Tot, acredita-se que ele não nasceu de uma mulher, pouco se sabe sobre sua família em geral. Tot passou sua vida ao lado de Rá.

fechar