Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Como consertar um relacionamento?

Manter um relacionamento saudável é uma tarefa muito difícil, mas que sempre compensa para ambos os lados. Não há um manual completo para saber como fazer tudo dar certo, mas existem algumas dicas para trabalharmos todos os dias e sermos melhores.

Comunicação é a alma

Não se resolve nada com telepatia. Você pode estar bravo e se remoendo com alguma coisa e a outra pessoa nem fazer ideia do que se passa pela sua cabeça. Com os mais distraídos, nem cara de bravo adianta. A comunicação, portanto, é a base de qualquer relação, e a falta dela pode fazer o respeito dissipar-se em pouco tempo. Converse, conte para o seu parceiro o que te incomoda e entenda o que ele sente também. A ideia não é jogar nada na cara de ninguém, mas explicar assertivamente suas angústias e pensamentos. Ser passivo-agressivo ou reativo só vai fazer com que o efeito seja contrário e ninguém se entenda.

Entenda as bases de um relacionamento, e o que é necessário para ter um relacionamento feliz

Alguém tem que ceder

Talvez o relacionamento não esteja dando certo porque uma das pessoas, ou ambas, não entenderam que estar com alguém é saber ceder. Como você pode controlar só os próprios atos, que tal enxergar em que pontos não está cedendo e, então, deixar as coisas serem mais como seu parceiro quer? Claro que não precisa ser tudo do jeito dele, mas a ideia é atingir um equilíbrio em que os dois sintam-se ouvidos e tenham suas opiniões consideradas para decisões importantes ou para simples escolhas, como onde jantar na sexta-feira à noite.

O toque

Depois de tanto tempo com alguém, a gente deixa de lado os beijos, abraços e carinhos. Pode parecer apenas um detalhe, mas não é. A falta de toques faz uma grande diferença e pode esfriar, e muito, uma relação. Por isso, se vocês não estão bem, atente-se a isso. Faça um cafuné inesperado, dê mais beijos, abrace com força e sinceridade. A demonstração de carinho é algo simples e prazeroso de se fazer e pode salvar uma relação, já que expressa o que as palavras não conseguem dizer.

Fazer coisas diferentes juntos

Sair da rotina pode ajudar a tirar o relacionamento da crise. Às vezes, na zona de conforto, acabamos indo sempre nos mesmos lugares e fazendo as mesmas coisas e, assim, o tédio chega. Pense, então, nos passeios que você e seu par nunca fizeram, nas comidas que nunca comeram, nos shows que nunca assistiram. As novidades podem fazer vocês verem como ainda têm muito a descobrir juntos e reacender aquele sentimento que os fizeram construir essa relação.

Os detalhes

Certas coisas que podem parecer sem importância pra você são algo de enorme significado do outro lado. Sentiu um desconforto? Percebeu uma expressão estranha, mesmo que corriqueira no seu companheiro? Preste mais atenção se não tem algo que o incomoda e não apenas nesse sentido. Por que não deixar uma cartinha de amor antes de sair de casa para o trabalho? Presenteá-lo inesperadamente com uma caixa de bombons, sem que seja uma data comemorativa? Fazer algo pequeno, mas que você nunca fez antes, para surpreendê-lo? Os detalhes fazem, sim, toda a diferença!

Saiba como aprender sempre com as situações que surgem no seu relacionamento

Aceitar as diferenças

Não tente mudar o outro. Cada um é o que é, as pessoas não são iguais. Querer moldar seu amigo ou namorado para ele ser como você quer demonstra egoísmo e causa instabilidade na convivência. Você o ama pelo que ele é, e não pelo que ele pode ser ou fazer por você. A aceitação pode ser o que você precisa para salvar essa relação em crise.

Respeitar a individualidade

Como já diz o ditado, ninguém nasceu grudado. Se ela quer sair sozinha, qual é o problema? Se ele quer ir ver o jogo de futebol no estádio sem a sua companhia, e daí? Negar a liberdade do outro, falando não apenas de vida amorosa como também de amizade, é o maior veneno para uma relação. A forma mais sincera de estar junto com alguém é querer de fato estar com essa pessoa. Cobranças só fazem com que os encontros tenham uma sensação de obrigação e isso não é nada bom.

Pedir tempo e espaço

Às vezes, não tem jeito. Você já tentou de tudo, nada funciona, parece que a relação está prestes a definhar. Nesse caso, pedir um tempo pode funcionar. Estar longe também nos ajuda a entender o quanto gostamos de alguém e quanto essa pessoa faz falta. Experimentar alguns dias sozinho e sem contato não só vai te fazer perceber a diferença que a presença dessa pessoa faz na sua vida, como também dá tempo para os pensamentos se organizarem com calma.

Antes de você

Muito antes de você aparecer na vida dele ou dela, já existiam outras pessoas que faziam parte do círculo social do seu namorado ou amigo. Mesmo que não goste de algum amigo ou familiar dele, você precisa aceitar. Não é uma obrigação sua que a convivência entre você e a pessoa de quem não gosta seja constante, mas é um grande erro implicar com o seu parceiro porque ele vai encontrar esse alguém. Ciúmes, intolerância e falta de paciência podem estar minando a sua relação e você nem percebeu.

O que vai, volta

Não faça com o outro o que você não gostaria que fizessem com você. Não é à toa que essa frase é um clássico conselho. A hipocrisia de exigir algo que você não faz traz muita inconsistência pra dentro de um relacionamento. Peça, mas também faça! Ou, então, evite fazer aquilo que vai chatear o outro. A união de vocês dois precisa ser baseada em igualdade. A mancada que você dá hoje pode ser a mancada com que você sofrerá amanhã.

Entenda o que é necessário para manter seu relacionamento feliz