Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Frases de "O Menino do Pijama Listrado"

"O Menino do Pijama Listrado" foi uma obra que impactou os telespectadores com sua delicadeza ao tratar de um assunto tão sensível e cruel como a Segunda Guerra Mundial sob os olhares puros e confusos de uma criança. Inspirado no livro homônimo escrito por John Boyne, a narrativa agonizante de um garoto sedento por respostas mas que, como as crianças de sua idade, não se interessa por questões políticas, garantiu ao filme um ar dramático e puro, mesmo diante de um cenário tão tenso, ao mostrar todas tentativas de Bruno de entender o que se passava com seu amigo judeu na, assim chamada por ele, "fazenda".

A inocência perante a tragédia

Dirigido por Mark Herman e lançado em 2008, o filme foi baseado na obra homônima de John Boyne e se passa em plena Segunda Guerra Mundial, nos anos 40, quando o filho de um soldado alemão, Bruno, descobre que deixará sua casa e amigos em Berlim para se mudar com a família, após seu pai ser promovido a oficial nazista. Toda a trama é desenvolvida sobre uma camada sugestiva, onde as suposições inocentes da criança contrastam a terrível situação que o mundo vivia neste período.

Frases do livro A Arte da Guerra

Elenco

No papel principal, Asa Butterfield (Bruno) e Jack Scanlon (Schmuel) esbanjam talento ao caracterizar perfeitamente cada personagem: Bruno como uma criança confusa e curiosa e Schmuel como um garoto triste, assustado. O elenco também conta com Vera Farmiga interpretando Elsa, mãe de Bruno, conhecida por interpretar Lorraine Warren em “Invocação do Mal” e “A Órfã”.

Como nos livros

Comandante Ralf

Abandonar sua antiga rotina, amigos, escola e lar não costuma ser fácil para nenhuma criança. Tentando animar o filho, Ralf o incentiva a imaginar que o pequeno está protagonizando as histórias de aventura que Bruno tanto ama.

“Pense nisso como uma aventura, como em um de seus livros!”

Autoritarismo em família

Comandante Ralf

Mesmo em um ambiente familiar, o pai de Bruno faz questão de censurar sua própria mãe ao ouvi-la questionar, ironicamente, o orgulho de sua profissão.

“Expressar sua opinião em público pode deixá-la em maus lençóis, sabe disso”

Indecisão?

Bruno

Conversando com seu novo amigo, Schmuel, e separados pela cerca do campo de concentração, Bruno descobre que o pai do garoto era relojoeiro antes de ser isolado.

“É estranho como os adultos não conseguem decidir o que querem fazer” - o menino conclui, e então completa dizendo que Pavel, um judeu que encontrara em sua cozinha, era médico, mas "desistiu para descascar batatas".

Conselhos

Maria

Perguntado por sua governanta sobre como estava se sentindo, Bruno responde com a mesma palavra que utilizara em suas respostas anteriores, fazendo questão de mostrar seu tédio e descontentamento. Então, a governanta tenta animá-lo, sem muito sucesso.

“Ficar sentado se sentindo infeliz não vai melhorar as coisas”

Justiça

Bruno

Desanimado e entediado desde sua mudança para a nova casa, Bruno se mostra indignado com Schmuel por acreditar que o garoto convive com várias crianças e pode brincar o dia inteiro, já que em seu “pijama listrado” há um número bordado.

“Não é justo, eu aqui fora brincando sozinho enquanto você fica aí brincando o dia todo. Esse número faz parte de uma brincadeira, não é?”

Adolf Hitler. Frases do ditador nazista

Termômetro da infância

Sir John Betjeman

“A infância é medida por sons, aromas e cenas, antes de surgir a hora sombria da razão.”

Os dizeres do escritor, radialista e poeta britânico encaixaram-se perfeitamente na premissa de “O Menino do Pijama Listrado”. Mesmo que Bruno se esforce para dar sentido às situações que não consegue entender, sua mente infantil e imaginação o carregam para longe do cenário mórbido onde seu próprio pai exerce um papel de vilão.

Lavagem cerebral

Gretel

Após uma intensa sessão de aulas de história focadas essencialmente em salientar a atitude considerada honrável da Alemanha durante a guerra, a irmã mais velha de Bruno, Gretel, começa a parecer alheia aos seus antigos interesses. Ao encontrar uma montanha de bonecas empilhadas no porão, Bruno corre para avisá-la e é surpreendido por uma verdadeira reviravolta na decoração do quarto da menina, com diversos pôsteres do Fuhrer e propagandas nazistas cobrindo suas paredes.

“Não é certo ficar brincando com brinquedos bobos enquanto há pessoas arriscando a vida pela pátria” , Gretel argumenta, certeira.

Gente estranha

Bruno

“Eu disse que eram estranhos, os fazendeiros. Eles andam de pijama!”

Um dos pontos fortes da obra é o constante desconcerto provocado pela inocência de Bruno, uma criança que não demonstra qualquer interesse no cenário político de seu país, e os adultos que sabem exatamente o que está acontecendo. Expondo a tentativa de entender, Bruno chega a chamar Adolf Hitler de “Fúria” (um equívoco ao tentar processar a palavra “Fuhrer”, como o ditador alemão era proclamado). Para Bruno, o campo de concentração e trabalho que se vê de sua janela é apenas uma fazenda com pessoas um pouco "esquisitas" e os uniformes listrados, pijamas que os fazendeiros não desistem de usar, mesmo de dia.

Uma boa experiência

Bruno

Com saudades de sua casa em Berlim, Bruno aparenta maturidade e certeza ao sugerir para a família que desistam de toda essa situação.

“Acho que o melhor a fazer seria esquecer tudo isso e simplesmente voltarmos para casa. Podemos considerar que valeu a experiência”

Culpa

Mesmo na Alemanha, nem todos se mostravam a favor do regime sanguinário e ditatorial implantado por Adolf Hitler. Indignada e visivelmente decepcionada com a profissão sombria de seu filho, a mãe do comandante Ralf o enfrenta, com certa ironia, durante a festa de comemoração de sua promoção.

“Às vezes penso se isso tudo não é por minha culpa, fazer fantasias de soldado quando era criança. Ainda te faz se sentir especial, Ralf? O uniforme e o que ele representa?”

Frases sobre soldados. Para aqueles que lutaram por seu país!