Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Marisa Tomei

Dizem que a atriz está em negociação som a Marvel e a Sony para viver a Tia May nos próximos filmes do Homem-Aranha. Será?

04/12/1964
continue lendo
Compartilhar

5 filmes que você precisa conferir

Marisa Tomei completou 50 anos em 2014.

Tida como uma das belezas maduras de Hollywood, a atriz americana já ganhou o Oscar por Meu Primo Vinny (1992) e acumula outras duas indicações de coadjuvante.

Listamos 5 de seus melhores filmes para você ver e rever!

Chaplin

1992

Biografia de Chaplin, interpretado por Robert Downey Jr.

Marisa Tomei vive a comediante e sua primeira protagonista, Mabel Normand, nos anos de 1910.

Participação digna e honrosa da atriz em uma ótima fase.

Meu primo Vinny

1992

Dois jovens são acusados de assassinato no Alabama, então um deles decide chamar seu primo Vinny (Joe Pesci) para defendê-los.

A chave para a liberdade pode estar no depoimento da namorada de Vinny (Marisda Tomei, que ganhou o Oscar de atriz coadjuvante).

Comédia bacana, que surpreendeu no Oscar.

Só você

1994

Faith (Marisa Tomei) acredita na teoria de almas gêmeas.

Quando vê em um jogo que sua alma gêmea é Damom Bradley (Robert Downey Jr), parte em busca do amado em uma viagem até a Itália.

Comédia romântica simpática, valorizada pelo casal carismático.

Entre quatro paredes

2001

Para desespero de um casal tradicional (Tom Wilkinson e Sissy Spacek), seu filho (Nick Sthal) se interessa por uma mulher mais velha, vivida por Marisa Tomei.

Ela tem dois filhos pequenos e um ex-marido indesejável.

Drama contundente indicado ao Oscar.

Tudo por um sonho

1995

Marisa Tomei faz parte da Família Perez, imigrante de Cuba e que faz o ninho na América. A história se passa no final dos anos 70.

Uma tentativa de reconhecimento artístico, onde obra e estilo de atuação são dignos de um filme de Almodóvar.

 

Cantar

Marisa Tomei

Cantar realmente oxigena o sangue. Você estica seus pulmões e toma muito mais ar dentro deles do que antes. É muito bom para sua saúde.

fechar