Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Pessoas correndo atrás de queijo em ladeira

Os campeonatos de esporte mais estranhos

O Dia do Esportista, comemorado em 19 de fevereiro, é uma data para celebrar todos os tipos de esporte. Os que envolvem água, os que contam com bolas, os que exigem muito equilíbrio e muitos outros. Mas existem alguns esportes que ainda não são conhecidos pela maioria das pessoas, embora sejam bastantes divertidos e peculiares. São os campeonatos de esporte mais estranhos do mundo que enchem o Dia do Esportista de diversão! Afinal, uma competição saudável fica ainda melhor quando envolve queijos, ovelhas, minhocas, pântanos e... melhor você descobrir! Celebre o Dia do Esportista descobrindo quais esportes esquisitos você teria coragem de encarar!

continue lendo
Compartilhar

Embaixo d’água

Homens lutando na água

Quando se fala em esportes embaixo d’água, a maioria pode pensar em mergulho. Mas existe uma modalidade de boxe que acontece longe da superfície. É uma forma de tornar os socos mais leves, com 3 rounds, cada um durando 1 minuto. Como essa competição já chegou ao Brasil, você pode se aventurar. Será que há um esportista dentro de você?

Escolha sua minhoca!

Homem com minhoca na mão

Existem os encantadores de cobras. Mas existem os que preferem se arriscar menos e encantam... minhocas. Na Itália, cada competidor fica em um pedaço de terra de 3m² com o objetivo de atrair para a superfície, em meia hora, a maior quantidade possível de minhocas. Nojo não existe no vocabulário desse tipo de esportista!

Dentro do pântano

Homem olhando para pântano

Os pântanos são locais fedorentos e úmidos, e normalmente são evitados. No entanto, isso não é um obstáculo para os moradores da cidade de Llanwrtyd Wells, no País de Gales. Eles participam de uma competição que consiste em colocar equipamento de mergulho e se jogar dentro das águas pantanosas, atravessando as trincheiras de lama sem colocar em prática qualquer modalidade de natação. Tem que ser muito esportista mesmo!

Haja equilíbrio

No filme “Doze é Demais 2”, uma competição inusitada entrou no roteiro: equilibrar-se em cima de um tronco sobre a água. Esse esporte acontece predominantemente nos Estados Unidos, e funciona assim: duas pessoas sobem em um tronco que está sobre a água. Uma deve tentar fazer a outra se desequilibrar, girando o tronco. Mas ela não pode cair junto! Que tipo de esportista levaria a melhor nesse jogo de equilíbrio?

Exercite-se para uma vida cheia de saúde e bem-estar

Esposas ao alto

Homem com mulher no colo

Na Finlândia, uma lenda levou à criação de um esporte. De acordo com a história, Ronkainen era um ladrão que assaltava vilarejos, levando as mulheres dos locais nas costas enquanto fugia. Atualmente, são os maridos que devem carregar as esposas nos ombros ao longo de uma pista cheia de obstáculos. Haja coração para esse esportista!

 

Mantendo as aparências

Enquanto algumas pessoas torcem pela naturalização da roupa amassada, outras se dedicam a passar roupa mesmo nos locais mais inusitados. Em todo o mundo, amantes de esportes radicais levam um ferro de passar e uma peça de roupa para realizar essa atividade durante a prática esportiva. Saltando de paraquedas, por exemplo, provam que é possível passar roupa. Acabaram as desculpas para esportistas de roupa amassada!

Explore o mundo com esportes radicais incríveis

Guerra de dedos

Homem com mãos pintadas

As guerras de dedões são uma ótima forma de passar o tempo, mas você já imaginou fazê-las com os dedos dos pés? Na Inglaterra, duas pessoas ficam sentadas no chão e colocam os pés para cima. O objetivo é prender os dedos da outra por 3 segundos. O esporte surgiu em 1976, para que os ingleses se destacassem em alguma modalidade esportiva. Você é um esportista melhor que eles?

O queijo é meu

Na colina de Cooper’s Hill, na Inglaterra, a corrida do queijo acontece anualmente. Um queijo Double Gloucester de 4 quilos é lançado do ponto mais alto da colina, e os ingleses devem correr atrás dele para pegá-lo. Parece simples, não é? Acontece que o queijo pode ultrapassar os 100km/h. Não é fácil para quem não é esportista!

fechar