Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Overdose de Versos

Mergulhe no mundo das poesias! Aqui você encontra versos incríveis que falam sobre todos os seus sentimentos. Compartilhe!

continue lendo
Compartilhar

Aprendizado

Aprendi também
que por mais que você
queira muito alguém,
ninguém vale tanto
à pena ao ponto de
você deixar
de se querer.

Carinho

Nunca implore
carinho, atenção
ou amor.
Se não é dado
livremente, não
vale a pena ter.

 

Labirinto

Perdi-me dentro de mim
Porque eu era labirinto
E hoje, quando me sinto.
É com saudades de mim.

Idade

Aparentemente jovem
Mas só aparentemente
No máximo vinte e três
Com uma alma fundida
Em uma eterna criança
Presa pra sempre em cinco
Mais guardando em si
Um ancião de oitenta e seis
E assim ela segue
Com tua mente adulta
E corpo infantil
Porque a alma
Nunca tem idade
Idades são apenas números
Não dizem nada.
Não significam.
Apenas ocupam espaços.
Preenchem lacunas
E buscam sentidos.

Vem Comigo

Vem comigo
Me mostra teu mundo
Vem, me guia
Me leva rumo ao desconhecido
Me deixe me perder
Em meio aos teus lençóis
Me conduza
Me mistura ao teu errado
Que eu te afogo no meu certo
A gente segue pelo incerto
E aprende a amar.

Ontem

Passei pela minha vida
Um astro doido a sonhar.
Na ânsia de ultrapassar,
Nem dei pela minha vida…

Para mim é sempre ontem,
Não tenho amanhã nem hoje:
O tempo que aos outros foge
Cai sobre mim feito ontem.

Fica?

Apenas vem,
vem do jeito que você está
Venha a pé
Venha descalço
Venha sujo
Imundo
Machucado
Venha
Venha que eu cuido
De todas as formas possíveis
Dou todo carinho do mundo
Apenas venha
Vem
Chega e fica perto
E não vai mais embora.

Jardim

Meu jardim
Minhas flores
Minha vida
Meus amores
Dos meus ferimentos
Só eu sinto as dores.

Partida

O ponto de partida, a ida,
a despedida que já vem saturada
de saudade que esfria alma
e aos olhos, suspeita, salga.

Deixa-se à mercê das amálgamas sentimentais
de ouro amor, puro amor
e mercúrio, veneno possessivo.

Sábios os conselhos intuitivos,
Sábia a fala de quem anuncia tal afirmação:
De quem parte, parte a despedida;
do choro contido de quem fica,
fica também a solidão.

O que sou?

Yuri Borges

O que sou?
Não há…
Sou irreal, impalpável e impensável.
Ouço a música:
palavras vagas e imprecisas
que me cortam
sem anestesia.

Para que entender, buscar respostas?
A passagem do tempo é agonia.
Que a vida seja pluma,
E a paz reine
onde as lágrimas abundam!

Vem Cá

Se quiser, você pode vir.
Almoçar, jantar.
Me beijar até dormir.
Podes ficar até tarde.
Não precisa se despedir.
Se você quiser, podes vir.
Mas você não quer,
então podes ir.
Eu me ajeito por aqui.

Versos Antigos

Hoje, já mais calma
Procuro em meus versos antigos
Meus amores perdidos
Meus amores para com as rimas
Que me comprometi
Para fazê-las sempre lindas
Mas minha promessa é fraca
Não durou muito tempo
E minhas rimas manchadas
Pelo efeito das estações
Hoje ficam pobres
Já não valem canções
Antes choviam-me letras
E eu molhava meu papel
De rimas tão doces
Tão melosas quanto mel
Mas agora
Sinto que azedei
Com todos meus versinhos tão amados
Com que sempre sonhei.

Presente

Textificar

Presente nos presentes
Presente nos porta-retratos
Presente nas músicas de amor
Presente nos poemas riscados
Presente no cheiro do lençol
Presente na lembrança do meu sorriso
Presente nos dias de sol
Presente nas tardes chuvosas em nosso sofá
Presente no meu coração
Presente até, na decepção
É presente demais para que acreditar que virou passado.

fechar