Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Amizades tóxicas

Um amigo falso ou tóxico, é dez vezes pior que um inimigo. Preste atenção nos sinais de uma relação abusiva, não perca sua energia por ninguém.

continue lendo
Compartilhar

Quando seu “amigo” só te coloca para baixo

Isso é algo que esperamos de pessoas com as quais não temos nenhum laço afetivo, nossos “rivais”, então como lidar quando um amigo faz isso com você? Simplesmente corte relações. Este é o tipo de pessoa que não quer que você progrida ou que seja igual ou melhor que ela em determinado âmbito; é aquela que gosta de você contanto que esteja inferior a ela.

Aquele que te critica por tudo

Não somos perfeitos e muitas de nossas características ruins podem incomodar os que estão a nossa volta, mas para tudo há limites. Críticas construtivas são bem-vindas, mas quando são feitas sem nenhum fundamento ou conselho é sinal de que a pessoa só está te criticando para te deixar mal. Afinal de contas, se você é tão “imperfeito” como ela diz, porque anda contigo?

Amizade passageira

Algumas situações na vida nos fazem conhecer pessoas que conquistam o nosso coração rapidamente — e com os amigos é a mesma coisa. Seja uma amizade feita numa viagem, num evento, numa festa ou numa lanchonete, é possível que esse laço repentino seja duradouro. Mas têm sempre aqueles que parecem estar empenhados em fazer a amizade crescer, mas depois de um ou dois encontros mal atendem o telefone.

“Ladrões de ideias”

Entrando na categoria dos críticos/grosseiros e desencorajadores também entram aqueles que menosprezam algo e te convencem a não o fazer (pode ser um plano, gosto, estilo etc.) e, depois, aparecem fazendo exatamente aquilo que outrora haviam criticado. Claramente, esse “amigo(a)” simplesmente estava com inveja daquilo que você tinha em mãos e, para evitar o seu sucesso (e promover o dele próprio), evitou que seguisse com aquilo que confiava.

O que te usa para se aproximar de outras pessoas

Você pode até ser legal aos olhos desta pessoa, mas tem outro alguém próximo a você no qual ela tem mais interesse. Para isso, usa a amizade como uma ponte para alcançar outras pessoas — seja por interesse amoroso, social, profissional ou financeiro.

O incompreensivo

Amizade é apoio, lealdade, amor e compreensão. Então, quando se tem um amigo que não compreende que você, por exemplo, não poderá sair com ele porque está doente, também pode se enquadrar no perfil dos manipuladores. Essa pessoa, na verdade, não está ao seu lado para te apoiar e ajudar, mas sim está em busca de alguém que possa suprir suas necessidades.

O “furão”

É óbvio que imprevistos e compromissos podem, diversas vezes, atrapalhar um combinado de passeio, viagem, comemoração etc. Mas, quando a pessoa parece colocar absolutamente tudo na frente da amizade entre vocês, é hora de você também repensar essa amizade.

 

Amizade sugadora

Outro tipo de amizade tóxica muito comum é aquela em que a pessoa só está perto de você por interesse, seja por status social, profissional, dinheiro, passeios, influências ou favores. Não há problemas em pedir ajuda aos amigos, mas sempre fazer isso e nunca retribuir o carinho mostra que a pessoa só está “sugando” de você.

Amor em excesso

Nem toda amizade tóxica é construída em cima de ódio, inveja, interesse etc. de alguém — pode ser também fundamentada num amor excessivo. Apesar de amor ser, na maioria das vezes, algo bom, pode ser sufocante e obsessivo também. Um amigo que quer te ver o tempo inteiro, que reclama quando você tem outros compromissos, que se estressa quando você demora um pouco para responder mensagens, que te cobra satisfação e que te idolatra exageradamente é uma pessoa no mínimo obsessiva e não confiável. Exageros nunca são saudáveis.

Mudança de comportamento em público

É relativamente normal que algumas as pessoas mudem de comportamento quando estão em grupo, mas a partir do momento em que isso te afeta, é hora de dar uma repensada sobre essa amizade. Se a pessoa te humilha em público, fazendo chacotas, revelando segredos ou agindo de qualquer outra forma que te deixe desconfortável — ainda mais se no particular ela agir normalmente, com educação e respeito —, é porque quer se sentir superior e quer que você se sinta cada vez pior e inseguro.

A que te afasta de outras pessoas

Não é só namorado ou cônjuge que pode ter o poder de te afastar de outros amigos ou, até mesmo, da família. Amigos manipuladores existem e podem sim tomar conta da sua vida (literalmente). Com a intenção de que você faça tudo por eles (sendo que, provavelmente, não fariam o mesmo por você), esses “amigos” aparentam ser companheiros, legais, divertidos e honestos na sua frente. Porém, na verdade, o que querem é alguém para “comandar”. Portanto, se perceber que essa pessoa reclama quando você sai com outros, fala coisas ruins de todo mundo para você e reverte situações para que você aparente ser o errado num mal-entendido, fique de olho. São sinais de amigos que de amigos não têm nada.

Brigou, jogou na cara!

Discussões e brigas são naturais numa relação de amizade, mas mesmo nos momentos de raiva é necessário ter cuidado com as palavras — afinal de contas, o ato de brigar com alguém não significa que não goste de determinado indivíduo; na verdade, é justamente o contrário. Sendo isso, numa situação normal, a pessoa quer sim discutir e extravasar sentimentos, mas de forma que não lhe magoe e/ou cause rachaduras na amizade. Portanto, se você tem aquele amigo(a) que, durante uma discussão, não mede palavras, xingamentos, ofensas e “joga coisas na cara”, talvez seja melhor não o(a) considerar assim.

Fala mal de você por trás

Isso, na verdade, não é legal em nenhuma circunstância, mas, quando é um amigo que faz isso, a situação se torna muito pior — já que de uma pessoa querida esperamos, no mínimo, lealdade, sinceridade e honestidade. Ser amigo de alguém em quem não podemos confiar é a mesma coisa que não ter um amigo.

O amigo “sincero”

A nossa volta sempre terão aqueles que falam tudo o que pensam, sem “papas na língua”, com a desculpa de que são “sinceros mesmo”, que “falam na cara” — e que supostamente fazem isso pelo seu bem. Contudo, alguns dizeres passam dos limites da sinceridade (que, quando aplicada realmente com boas intenções, é uma virtude) e se transformam em grosseria. Geralmente, muitas dessas coisas que são “jogadas” em você por esse tipo de pessoa podem ser ditas de outras formas mais sutis ou simplesmente não precisam ser faladas.

A que nunca está perto quando você precisa

Assim como qualquer outro relacionamento, a amizade deve ser uma via de mão dupla em diversos sentidos; ou seja, quando se gosta mesmo da pessoa, você faz de tudo para que ela se sinta bem (principalmente nos momentos mais difíceis) e vice-versa. Agora, quando a pessoa não é tão leal e companheira assim, não se importará muito com os seus sentimentos, mesmo que você sempre seja um porto seguro para ela quando os problemas aparecem. Portanto, se notar que faz de tudo para ajudar este “amigo” e sempre fica na mão, se afaste, pois ele não quer seu bem como você quer o dele.

fechar