Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Emoções vazias não me enganam mais

Qualquer situação ou experiência ruim machuca e nos revolta, mas pare e pense. Tudo o que chega até você tem um motivo. Cada pequeno instante pode ser uma grande lição, capaz de te transformar e te fazer melhor. Amadureça com suas quedas e fortaleça o seu coração!

continue lendo
Compartilhar

Sou forte

Eu não posso me deixar levar pelo que as pessoas fazem comigo. Infelizmente, faz parte de vida que muitas delas me julguem e me decepcionem, mas eu preciso ser forte e saber separar quem são as pessoas com as quais eu posso contar e quem não está verdadeiramente ao meu lado. Claro que é difícil saber quem é quem, mas o tempo se encarrega de abrir os nossos olhos. Eu precisei me magoar muito com pessoas que eu amava e considerava demais para passar a aceitar a vida como ela é. Antes, eu achava que todo mundo era legal e gostava de mim, mas depois vi que não é bem assim. Hoje em dia, sou muito mais forte e não sofro mais com essas problemas. Sei reconhecer quem me quer bem e quem não e já não me decepciono tanto.

Meu fortalecimento

Se algo fez com que eu me fortalecesse foram as decepções por causa dos que passei. Me deixei levar muitas vezes pelas as emoções que eu sentia, não pensava antes de agir e, no calor do momento, eu fazia o que me dava vontade, mas não podemos ser assim, pois às vezes agimos cegamente e somos tolos. Eu deixei muita gente abusar de mim e fazia as vontades das pessoas em vez das minhas, seja por dó, por coleguismo e até mesmo para ver o outro feliz, mas quando era para ser contrário, ninguém pensava em mim e em como eu me sentiria. Na primeira oportunidade, me viravam as costas e eu me via só. Depois de inúmeras decepções e muitas mágoas que me causaram, eu estou forte e já não ajo mais dessa maneira.

Amadureci

Eu andei amadurecendo muito nos últimos tempos. Pessoas vazias antes se aproximavam de mim, mas hoje em dia eu penso bem em quem eu quero ao meu lado e em quem é quem para que eu mantenha as pessoas certas na minha vida. Claro que muitas pessoas ainda me decepcionaram e me deixaram à deriva, mesmo depois desse tempo. Todavia eu já estava pronta para lidar com essas situações e acabei não me decepcionando tanto assim. Chega a ser engraçado como algumas situações ruins nos fazem bem e nos ajudam a crescer e aprender algumas lições muito importantes; assim aconteceu com as diversas decepções e demais sentimentos que eu já tive. Hoje sou muito grata, apesar de tudo e da forma como foi, por tudo o que eu passei e que somou tanto à minha vida.

Não me enganam

Hoje em dia, o meu coração e os meus sentimentos já não me enganam mais, pois muitas vezes confiei de primeira neles e acabei me machucando. Infelizmente, em nossos caminhos, encontramos pessoas que não sabem dar valor aos sentimentos, algumas que nem mesmo se importam com ele. Eu parei de ser boba e sou um pouco mais dura em relação aos meus sentimentos… Demoro muito a confiar nas pessoas e não deixo que o meu coração se apegue tão facilmente a elas. Cheguei a uma fase da vida em que me cansei completamente de tamanhas decepções e frustrações. Não crio mais expectativas sobre ninguém e assim acabou me surpreendendo com tudo o que a vida pode reservar para mim.

Fui inocente

Agi como uma pessoa inocente, de forma imatura e confiei sentimentos a uma pessoa que jamais havia me dando tanta abertura assim, mas meu coração, tolo que é, todo carente e cheio de emoções, quis se iludir e se entregar de um vez. Claro que era o momento errado, porque era cedo demais. Eu não percebi, mas o momento era de esperar e ver aonde tudo iria chegar. Hoje, sei que não posso agir de forma precipitada, que preciso agir mais levando em consideração a razão do que o coração. A vida nem sempre pode fazer muito por nós e nós não podemos controlar os sentimentos de ninguém. Infelizmente, aprendi isso da pior maneira possível.

Meu coração

Quantas vezes o meu coração criou falsas expectativas e acabou se decepcionando? Eu definitivamente não sei dizer mais porque já perdi as contas. O que eu sei é que cansei e parei de entregar os meus sentimentos de uma vez só. Meu coração já me enganou demais e agiu de forma precipitada. Hoje em dia, o que eu mais quero é viver de uma forma leve e tranquila. Não quero mais acumular inúmeras decepções e me entregar para quem não sabe valorizar sentimentos. Estou num ponto da minha vida em que quero comigo apenas pessoas que possam somar coisas boas a mim. Quem vier apenas para me magoar e fazer com que eu me sinta mal, estou dispensando, pois não é assim que quero viver.

Meu erro

Muitas pessoas acham que a forma como eu ajo, sempre com o coração aberto, é uma característica muito boa em mim, mas há quem julgue que isso é um grande erro meu e eu tenho que concordar, pois muitas vezes eu me machuco e ninguém consegue perceber essas coisas. Me sinto muito desvalorizada em diversos momentos... Eu gostaria mesmo de aprender a ser uma pessoa mais racional e não deixar as emoções me enganarem. Há quem esteja perto de mim apenas para me usar, mas, mesmo sabendo disso, não consigo me afastar. Vou dar, de hoje em diante, o meu melhor para mudar.

 

Me conheço

Eu me conheço e sei o quanto sou uma pessoa sensível, mas preciso parar de me enganar. Muitas pessoas nos iludem, parecem ter conteúdo e sentimentos por nós, mas na verdade não têm nada. O que elas querem mesmo é se aproveitar de nós, nos usam o quanto desejam e nos descartam quando bem entendem. Muitas vezes, fui tola e me enganei dessa maneira. Hoje em dia, estou mais atenta e demoro mais a confiar nas pessoas. Mesmo sabendo dessa forma tão vazia como alguns agem e ainda que isso tenha se repetido algumas vezes, em certos momentos ainda fico ou ficava chateada com a situação porque eu realmente me apego às pessoas. Mas nem todo mundo sabe ser recíproco como nós gostaríamos que fossem.

Tenho os pés no chão

Por muito tempo da minha vida, achei que tudo era um conto de fadas e que acabaria sempre bem, mas fui vendo pouco a pouco que as coisas não são assim. A vida muitas vezes nos surpreende de forma negativa e coloca em nossos caminhos algumas pessoas que não devem permanecer perto de nós. Hoje em dia, tenho os meus pés no chão e prefiro conhecer as pessoas a fundo para que eu passe a confiar nelas. Mesmo já estando próximo de quem parece mexer comigo, ainda sei que corro risco de me decepcionar, porém, por estar mais madura, me sinto preparada para este tipo de situação. Eu gostaria muito de poder me entregar de primeira, mas entre correr o risco de me machucar e ser uma pessoa um pouco mais fria, prefiro ser racional

Não me entrego mais

Eu cansei de me entregar para pessoas que são vazias. Já doei meus sentimentos para as mais diversas pessoas, mas, em sua grande maioria, foi tudo em vão e eu me decepcionei. Muita gente não leva a sério os nossos sentimentos e, por isso, acabamos perdidos. Com tantas tristezas que já estão acumuladas em mim, hoje em dia eu demoro muito mais a confiar em alguém e a entregar tudo o que há em mim. As emoções sempre me guiaram. Enquanto isso não foi um problema, continuei assim, mas eu simplesmente cansei de viver colecionando chateações. Se soubéssemos valorizar mais uns aos outros, haveria muito mais amor no mundo e respeito também. É uma pena não poder confiar em todas as pessoas que julgamos serem boas.

Era tolo

Vemos o quanto somos tolos quando passamos por inúmeras decepções e, depois de muito sofrer por pessoas que não mereciam, percebemos o quanto estamos sendo feitos de trouxa. Hoje em dia, não confio nas pessoas tão facilmente, muito menos entrego o meu coração a qualquer um. Aprendi a me dar valor e a valorizar os meus sentimentos. Sempre fui aquela pessoa boa, que ajudava todo mundo e fazia o que as pessoas esperam, mas nunca fui correspondido em relação a isso. Justamente por essa razão é que eu me dei por vencido e tive que mudar de postura. Até quem já estava acostumado comigo de uma forma teve que se adaptar com todas as minhas mudanças. Infelizmente, até quem não tinha muito a ver com a situação precisou lidar com as minhas mudanças.

As emoções

É estranha a forma como as emoções tomam conta de nós e nos controlam do modo como querem. Graças a isso, infelizmente eu já me machuquei e me decepcionei ainda mais. Muitas vezes, o impulso e o coração ludibriado agiram de forma inesperada, se entregaram cedo demais para o que era incerto e, no final de tudo, acumulou apenas tristeza. Hoje em dia, comecei a ser mais racional e parei de deixar meus sentimentos assumirem o controle de tudo.

Já me decepcionei

Eu já me decepcionei inúmeras vezes, mas até aí tudo bem, porque eu acho que é algo normal, pelo qual todos devemos passar. Aprendemos a ter mais força a partir daí e também mudamos algumas das nossas atitudes. Eu precisei me ferir muito para entender que nem todas as pessoas são iguais para que eu pudesse mudar. Hoje, me tornei uma pessoa fria e muito mais desconfiada, mas isso é culpa de inúmeras situações que tive que enfrentar, mas que ainda hoje me machucam. Espero um dia conseguir voltar a agir com o coração.

A entrega

Quantas vezes a minha entrega foi por inteiro e a pessoa pela qual meu coração sempre gritou não estava disposto a se doar da mesma maneira por mim? Uma das vezes que mais me arrependi foi quando deixei os meus sentimentos me controlarem e tomarem conta de tudo o que havia em mim, pois apenas me decepcionei e tive ainda que lidar com o meu coração partido. Hoje, estou em busca apenas de paz e de pessoas que estejam dispostas de verdade a estar comigo. A decepção dói demais e não quero mais senti-la. Deixo claro desde o começo o que espero de uma relação para lá que eu não me machuque lá frente.

Como aprendi

Eu tive que aprender, da pior maneira possível, a ser mais racional: me decepcionando. Parei de ser aquela pessoa boazinha e que acreditava em tudo o que me dizem. Hoje, converso mais com as pessoas, avalio quem é quem e dou mais abertura somente àqueles que merecem. Nem todo mundo que parece ser bom é realmente bom, mas é preciso encontrar alguma forma para diferenciar essas pessoas.

fechar