Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Frases de Dudu Nobre

João Eduardo de Salles Nobre, conhecido como Dudu Nobre, é compositor e cantor brasileiro de samba, filho do engenheiro João Nobre e Anita Nobre. Aos seis anos de idade, começou a estudar piano clássico, e aos nove ganhou o instrumento que se tornaria inseparável, o cavaquinho.

continue lendo
Compartilhar

Cantor e compositor

Em alguns momentos, temos que compor uma melodia com a pegada mais romântica para ter uma aceitação do público, mas também é preciso saber mesclar de uma forma dinâmica.

 

Maiores influências musicais

Maior influência que eu tive foi o Martinho da Vila, “Candeia”. Almir Guineto também foi um cara que me influenciou muito. Principalmente, são os que pegaram e têm uma história, tanto no samba de meio de ano, quanto no samba enredo.

Dizem que o samba anda mal

Hoje os artistas têm que se adaptar a um novo momento, a uma nova realidade, tanto os artistas, como também a equipe. Todos os músicos, os bailarinos, os técnicos, todo mundo tem que se adaptar, pois para o contratante está complicado, para o público também é complicado, ter que dispor do pouquinho que tem para ir ver um show. Quando a coisa aperta, a primeira coisa que você corta é o entretenimento, isso é fato.

Importância da Rainha de bateria

A rainha tem que ter afinidade não só com a sua bateria, mas a pessoa tem que ter amor pelo samba. No meu ponto de vista, eu vi duas rainhas de bateria assim, uma é fiel à Mangueira, Renata Santos. E a outra é a rainha das rainhas, Viviane Araújo, amante do samba. Ela é unanimidade no Carnaval.

Influência de Zeca Pagodinho em sua carreira

Eu comecei a tocar cavaquinho nos pagodes da minha mãe, com 5 ou 6 anos de idade, e o Zeca já frequentava lá antes de ser um artista consagrado como ele é. Então, desde garoto, a gente sempre teve um contato. Com 18 anos foi a primeira vez que gravei tocando, e foi com o Zeca, aí ele fez uma reformulação na banda e me convidou.

Mídia no carnaval

A mídia carnavalesca a gente tem que apoiar. É muito difícil, por mais que às vezes algumas pessoas acabem extrapolando as coisas, tem gente que vai criticar e você vê que o cara não tem nenhum embasamento para falar, mas tem uma rapaziada muito bacana e a gente tem que estar sempre dando essa moral, porque esse espaço é muito importante para o sambista e também para que a festa alcance um nível cada vez melhor.

Tática de produção musical atual

A música está mudando muito. Antigamente a gente fazia um CD cheio, de 14 faixas, gravávamos um DVD com 25 faixas. Hoje não, hoje você lança 1 música que vai para a plataforma digital, e com essa mesma música você faz o clipe, que vai para o YouTube. Hoje o audiovisual tomou uma força muito grande.

fechar