Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Ame mais, julgue menos

Às vezes é automático julgar os outros, pensando que sabe o suficiente para se achar no direito de ter determinada opinião sobre a pessoa apenas baseando-se no que acabou de ver, ouvir ou presenciar. O maior erro do julgamento, que deve ser algo cada vez mais deixado de lado, é apontar algum erro como se você mesmo nunca tivesse errado, ou pior: agir como se a pessoa tivesse falhado apenas porque ela não fez determinada coisa do jeito que você faria, ou possui um jeito e gosto diferente do seu. O não-julgamento pode fazer parte da sua rotina e isso é de extrema importância para que você se torne uma pessoa mais sociável e pratique também a chamada empatia.

Gesto

Para entendermos o que o outro está falando, não basta apenas escutarmos o que ele diz. Também é preciso prestar atenção em seus gestos, pois atitudes, às vezes, falam mais do que palavras.

Você

Praticar a empatia com o próximo é muito importante, mas também é preciso praticarmos empatia com nós mesmos. Entendermos que não somos perfeitos e que não há nada de errado em falharmos.

Dor do outro

Ter empatia com o próximo não é apenas tentar entender a dor que ele sente, mas também significa tentar eliminar essa dor. Se você conhece alguém que precisa de auxílio, não pense e estenda sua mão.

Boa vontade

Tudo na vida fica mais difícil quando não se tem boa vontade. E para tentar entender as motivações daquele que está a sua volta é necessário boa vontade. Com ela, tudo se torna mais fácil.

Faz bem

Promover atitudes como compaixão e generosidade faz um bem a quem recebe e também àquele que pratica. Então, antes de julgar, seja generoso e tente entender porque o outro agiu de tal forma.

Compreender

Para compreender as outras pessoas não é preciso que tenhamos afinidade com ela, tampouco que gostemos dela. É preciso maturidade para praticar a empatia, independentemente do sentimento que temos pelo outro.

Mundo melhor

Todos gostaríamos de viver em um mundo melhor, mas nem todos sabem como fazer isso acontecer. Uma dica é julgar menos as pessoas e tentar tratá-las do modo como gostaríamos de ser tratados.

Seja

Se seu vizinho, amigo ou familiar não for empático com você, não faça como ele. Seja o exemplo de empatia que eles nunca tiveram. Essa é a forma mais bela de tratar outro indivíduo.

Sensibilidade

É preciso muita sensibilidade para se colocar no lugar do próximo e maturidade para não realizar julgamentos. Quando se atinge esses dois patamares, conviver com o outro se torna fácil.

Pense antes de agir

Quando você estiver irritado com alguém, não deixe a raiva tomar conta. Respire fundo e tente entender o que levou a pessoa a irritá-lo. Muitas vezes as pessoas nos magoam sem ter a intenção, e entender ameniza a situação.