Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

15 situações comuns em um relacionamento tóxico

Muitas vezes, pessoas próximas estão vivendo um relacionamento tóxico. Algumas vezes, até nós mesmos estamos sujeitos a isso. Saiba como reconhecer se o seu relacionamento está te prejudicando.

continue lendo
Compartilhar

Relacionamentos tóxicos

Relacionamentos tóxicos existem e todos nós estamos sujeitos a nos deparar com eles. Mas, como identificá-los? Às vezes não são apenas situações extremas, como uma agressão, que caracterizam o abuso de poder e má influência em uma relação. Por trás dos gestos, atitudes e falas, existem muitas evidências. Confira abaixo 15 maneiras de reconhecer um relacionamento prejudicial:

Controle excessivo

Homens que tentam controlar demais a parceira, como se fossem donos delas, merecem uma atenção especial. Afinal, o que temem? Por que precisam ter a mulher em uma redoma para se sentirem satisfeitos? Isso é uma das características marcantes em um relacionamento abusivo.

Ciúme possessivo

Todos sabem que um pouquinho de ciúme na relação faz bem, é saudável, mas tudo com limite. E quando esse limite é ultrapassado, como reagir? Ou melhor, como identificar? Quando o parceiro não a deixa falar com outras pessoas, vasculha suas redes sociais, contatos telefônicos entre outros, em busca de qualquer aproximação sua com alguém, então isso não é normal e precisa ser freado agora para as consequências não serem graves.

Isolamento

Por medo e insegurança, a pessoa que convive contigo te afasta das pessoas queridas, como amigos e familiares, pois em sua mente o importante é tê-la com exclusividade e o contato muito próximo com outras pessoas pode atrapalhar isso, porque podem perceber o abuso causado.

Perfil explosivo

Qualquer coisa é motivo para ele explodir, não é mesmo? Até um alfinete caído no chão pode desencadear uma discussão, gritos e acusações sem sentido, o que faz você se sentir impotente e culpada por algo que nem mesmo você sabe o que.

Crítico ao extremo

Tudo o que você faz ou fala, é motivo para crítica. Se cortou o cabelo, vai ouvir uma palavra áspera. Se derrubou algo, se falou diferente, aquela roupa que comprou, o preço que pagou, tudo, absolutamente tudo virá acompanhado de uma retaliação.

Barreiras

Seus sonhos são barreiras para o futuro a dois, então ele lhe desencoraja, diz que não dará certo e pede até que desista, insistindo assim a conquistar os sonhos dele, do modo que ele ditar a você.

 

Inveja

Você ter um reconhecimento maior no trabalho pode significar uma afronta muito grande a ele, pois em sua mente, ele precisa ter o poder total de todas as situações, inclusive financeira. Se você está feliz, ganhou uma bolsa de estudos ou foi promovida, isso será motivo de raiva e muita instabilidade emocional para ele.

A culpa é dos outros

Ele nunca faz nada, ou melhor, se faz, é porque alguém começou e ele precisou “se defender”. Seu parceiro nunca é culpado de nada e tem sempre uma justificativa na ponta da língua para sair pela tangente dos problemas criados por ele.

Egoísmo

Em primeiro lugar é sempre ele. Nem mesmo seus pais ou filhos ocupam essa posição, então quando ele age, faz por impulso e sem se importar com o que as consequências lhe causarão. Se vão te magoar, não é culpa dele, afinal, de um jeito ou de outro ele culpará você.

Ofensas

Essas passam a ser constantes no relacionamento e tendem a aumentar conforme o tempo passa. O que pode começar com uma palavra como “burra”, pode terminar com xingamentos de baixo calão até mesmo em público.

Mudança de comportamento

Quando vocês saem, estão com pessoas conhecidas, seu parceiro é um doce de pessoa, prestativo e até engraçado, às vezes. Mas depois, a sós, se transforma. Ou seja, na frente dos outros ele mantém as aparências.

Tudo é drama

Se você se sentir magoada com alguma atitude dele e reclamar, chorar ou dizer que está triste, ele dirá que é drama. Nada do que você sinta terá importância para ele, afinal, quem encarna o papel de ofendido no final de toda discussão é ele.

Regras quebradas

O seu parceiro encara as regras como se fossem para ser quebradas. Então, se combinaram algo, ele não cumprirá e não dará a menor importância para o fato, mesmo que esse para você seja de extrema importância.

Bebida alcoólica

Beber é sempre sinal de perigo. Afinal, ele fica agressivo, diz mais besteiras ainda e não se importa com quem está ao redor. Ele age como se fosse o centro do mundo e não dá a mínima para o que você diz, podendo até mesmo olhar e se aproximar de outras mulheres.

Desculpas em vão

Depois de um ataque de fúria, ele pode até chegar a lhe pedir perdão, chorar e dizer que isso não voltará a se repetir. Mas na primeira oportunidade coloca tudo a perder fazendo novamente, ou até pior, o que prometeu não mais fazer.

Não se submeta

Há casos que além das situações citadas acima, também acontecem agressões físicas. Se ocorrer isso, chame imediatamente a polícia, pois é crime perante a lei. Relacionamentos tóxicos devem ser tratados por especialistas da saúde, como psicólogos, psicanalistas e terapeutas, pois se agravam rapidamente e podem ter grandes estragos psicológicos e físicos.

fechar