Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Dia da Revolução Cultural Chinesa

Muito além da bela forma de escrita que os chineses utilizam, que são os caracteres chineses ou caracteres han – logogramas (símbolo ou grafema único que denota um conceito concreto ou abstrato da realidade) utilizados como sistema de escrita do chinês, japonês, coreano e outros idiomas -, a cultura inteira do país encanta qualquer um que procurar saber mais sobre ela. Em 18 de agosto, é lembrado o Dia da Revolução Cultural Chinesa, para trazer ao conhecimento geral a importância de conhecer a história do que houve com a cultura do país através das mudanças que se sucederam ao período de 1966 a 1976.

continue lendo
Compartilhar

Período de transformações

A Revolução Cultural Chinesa, lembrada todo dia 18 de agosto, foi um período de muitas transformações sociais e políticas nesse país, quando seu líder político barrou o progresso material e tecnológico chinês. Ele queria acabar com o comunismo nos moldes soviéticos.

Morte a quem pensasse diferente

Mao Tsé-Tung tinha a ideia de eliminar toda a sua oposição. Não importava quem fosse – militares, camponeses ou políticos. Queria ainda manter o fervor revolucionário num estado de luta e superação. Em 18 de agosto, teve início a Revolução Cultural Chinesa.

Reconstrução do Comunismo

Cada espaço deveria servir para estudo, fosse uma fábrica ou a casa das pessoas. O estudo consistia em reconstruir o comunismo, fazendo com que a ideia de coletivização fosse expandida. Todo dia 18 de agosto, a data da Revolução Cultural Chinesa é lembrada.

Acabando com tudo

Mao incentivava a destruição de manuscritos, quadros e até instrumentos musicais. Tudo aquilo que lembrasse o filósofo Confúcio ou o Ocidente deveria ser eliminado. A Revolução Cultural teve início em 18 de agosto de 1966.

Aliou-se à juventude

Para que seus objetivos fossem alcançados, Mao precisou da ajuda da juventude chinesa. Organizou grupos, que ficaram conhecidos como Guardas Vermelhos. Foram então à luta contra uma classe intelectual que era separada da massa, no dia 18 de agosto de 1966.

 

Ataques às escolas

Escolas foram fechadas por conta dos ataques aos intelectuais. Mao era extremamente venerado, e sua morte, 10 anos depois do início da Revolução Cultural, mexeu com a mobilização da juventude. A data em que a Revolução é lembrada é 18 de agosto, quando teve início.

Tempos sombrios

A Revolução Cultural da China foi uma época obscura no país, que se fechou para o mundo. Foi uma fase muito violenta, que divide o povo chinês. Alguns acham que foi necessária, outros, que nem deveria ter existido. A data em que todos lembram do período é 18 de agosto.

Frases reflexivas sobre guerras

Jovens desconhecem os fatos

Pouco sabem os jovens, aqueles nascidos após a década de 1970. Não há detalhes nos livros de história, e os relatos negativos vêm dos familiares mais velhos. A Revolução Cultural teve início no dia 18 de agosto de 1966.

Desculpas ao povo

Após alguns anos da morte de Mao, em 1981, o governo chinês se desculpou com o povo. Admitiu que a Revolução Cultural foi um erro e não quer repetir os acontecimentos nunca mais. Em 18 de agosto, ela é lembrada para não ser repetida.

fechar