Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Dia de São Vito

São Vito, nascido na Sicília por volta dos anos 300, foi um assíduo defensor das escrituras. Foi perseguido e morto por crer no evangelho e se tornou-se um símbolo de luta para os cristãos do mundo todo. Confira mais sobre sua história, seus feitos e muito mais!

continue lendo
Compartilhar

Um guerreiro

São Vito nasceu em Mauritânia, norte da África. Por isso foi apelidado de “o Mouro”. Desde criança, teve contato com a palavra de Deus, pois sua família era cristã. Fez parte das legiões romanas, no exército do imperador Maximiano. Naquela época, fez sucesso e se tornou centurião, um comandante de cem soldados.

Não aos deuses pagãos

Antes que os guerreiros saíssem para as batalhas, o imperador ordenava que eles fizessem sacrifícios aos deuses romanos. Não tinham escolha, era isso ou a morte. Mas Vitor se recusou e ainda fez mais, disse para quem quisesse ouvir que seu Deus era único.

Preso por sua fé

Houve consequências, claro. Assim, Vitor foi levado ao tribunal e foi interrogado. Ainda assim confessou sua fé diante do juiz, deixando claro sua lealdade ao imperador e respeito às ordens militares e laicas. São Vito foi preso e a cadeia em que ficou é visitada até os dias atuais. Ficou conhecida como o “cárcere de São Vito”, localizada ao lado da Porta Romana.

Flagelado sem perder a fé

Foi torturado, arrastado pelas ruas de Milão, levado para o hipódromo do Circo, onde hoje é a Porta Ticinense. De novo, foi interrogado; agora pelo próprio imperador. Ainda assim não negou sua fé em Jesus Cristo. O imperador, sem misericórdia, ordenou que São Vito fosse flagelado, e este manteve-se firme diante do duro castigo. Na prisão, cobriram suas feridas com chumbo derretido e São Vito sobreviveu.

Comemore o Dia de São João Clímaco

Fuga e morte

Para surpresa de todos, São Vito recuperou-se rápido. Fugiu da prisão e se escondeu em uma estrebaria, conhecida hoje como a Porta Vercelina. No entanto foi descoberto e, em 15 de junho, por volta do ano 300, dia em que a Igreja comemora o seu dia, foi morto e decapitado. São Vito tinha apenas 15 anos de idade.

Adorado por todos

Sua fé, seu flagelo e sua morte são fatos que o povo de Milão deixa vivo em sua memória. São Vito é muito amado pelo povo. Ele se tornou o santo dos prisioneiros e dos exilados e sua história é muito popular entre os cristãos.

 

Protetor dos males

São Vito, que tem seu dia comemorado no dia 15 de junho, é o protetor contra feras, contra excesso de sono, as mordidas de serpente e qualquer dano que um animal possa causar. Sua imagem é representada acompanhada de algum animal.

Oração a São Vito

Peça a São Vito mesmo com as aflições e penitências da vida. Ore a ele que tudo virá. Não duvide de sua fé e nunca negue Jesus Cristo.

“Deus, nosso Pai, ouve esta prece que a vós elevam todos os aflitos, prisioneiros e exilados: Eu sou o homem que conheceu a miséria sob a vara de seu furor. Ele me guiou e me fez andar na treva e não na luz; só contra mim está ele volvendo e revolvendo sua mão todo o dia. Consumiu minha carne e minha pele, despedaçou os meus ossos. Edificou contra mim e envolveu minha cabeça de tormento. Fez-me habitar nas trevas como os que estão mortos para sempre. Cercou-me com um muro, não posso sair; tornou pesadas minhas cadeias. Por mais que eu grite por socorro ele abafa minha oração. Murou meus caminhos com pedras lavradas, obstruiu minhas veredas… Os favores do Senhor não terminaram, suas compaixões não se esgotam; elas se renovam todas as manhãs, grande é a sua felicidade!”

Você comemora o Dia de São Patrício?

Oração de São Vito: doenças físicas e espirituais

Que pelas mãos de São Vito possamos nos ver livres dos males. Que a doença que nos atormente seja levada. “Deus nosso Pai, Vós sois o Senhor da vida. Fazei que, pela intercessão de São Vito mártir, possa me curar das doenças físicas e espirituais. Mitigai meus males, ó Deus, e não tornai vã a esperança que em Vós deposito. Fazei que sinta Vossa presença misericordiosa toda vez que estiver chorando pela doença que aos poucos me vai tirando as forças. Eu os agradeço e Vos louvo, Senhor Deus Pai eterno. Amém.”

Guardado por feras

Por uma semana, o corpo de São Vito ficou sem sepultura. Achado por um bispo, chamado São Materno, o corpo estava intacto e foi vigiado por dois animais ferozes. Assim que viram o bispo, eles se foram. No local, construíram uma igreja dedicada a São Vito. Em Milão, outras igrejas foram erguidas em homenagem ao Santo.

Comemore o Dia dos Namorados dos gringos!

fechar