Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Santo Antônio, o santo casamenteiro!

Santo Antônio de Pádua nasceu em Portugal, em 1195, e sua vida de fé e devoção inspirou e segue inspirando multidões de cristãos pelo mundo todo. Em seu tempo, ele ajudava a reconciliar casais, por isso se tornou famoso como Santo Antônio, o santo casamenteiro. Seu papel entre os devotos, porém, é muito maior. Ele é também o protetor dos pobres e ajuda a encontrar coisas perdidas. Santo Antônio é celebrado em 13 de junho e você pode participar dessa festa conhecendo mais sobre a história do santo. Simpatias e orações não podem ficar de fora: descubra todas as maneiras como Santo Antônio pode operar grandes bênçãos em sua vida. Encha-se de fé!

15/08/1195 13/06/1231
continue lendo
Compartilhar
 

Estrelas do firmamento

Santo Antônio de Pádua

Silhueta de homem sentando em uma montanha observando o céu estrelado

"Neste lugar tenebroso, os santos brilham como as estrelas do firmamento. E como os calçados nos defendem os pés, assim os exemplos dos santos defendem as nossas almas tornando-nos capazes de esmagar as sugestões do demônio e as seduções do mundo."

História de Santo Antônio de Pádua

Protetor dos pobres, o auxílio na busca de objetos ou pessoas perdidas, o amigo nas causas do coração. Assim é Santo Antônio de Pádua, frei franciscano português, que trocou o conforto de uma abastada família burguesa pela vida religiosa.
Contam os livros que o santo nasceu em Lisboa, em 15 de agosto de 1195, e recebeu no batismo o nome de Fernando. Ele era o único herdeiro de Martinho, nobre pertencente ao clã dos Bulhões y Taveira de Azevedo. Sua infância foi tranquila, sem maiores emoções, até que resolveu optar pelo hábito. A escolha recaiu sobre a ordem de Santo Agostinho.

Casamenteiro

Homem vestido de terno e mulher com vestido de casamento, segurando buquê

Conta a história que, durante a vida de frei Antônio em Portugal (1195 a 1231), ele se revelou um especialista na arte de reconciliar casais. Após sua morte, o que antes era uma habilidade se tornou um verdadeiro milagre: basta pedir ao santo, garantem as devotas, que logo o companheiro aparece!

Veja como fazer um belo pedido de casamento!

Auxilio à pessoas e objetos desaparecidos

Uma história muito conhecida é a provável responsável pela associação de Santo Antônio com a descoberta de pessoas e objetos desaparecidos. Conta-se que, um dia, o frei descobriu que um noviço havia fugido do mosteiro e levado com ele seus comentários sobre o Livro dos Salmos.

Ele, então, rezou para o retorno de ambos. Em pouco tempo, o jovem arrependido voltou para a vida religiosa, acompanhado, é claro, dos manuscritos

O pão de Santo Antônio

Mãos juntas orando na igreja

Muitos fiéis no Brasil, também o reverenciam por ajudar a encontrar objetos perdidos e por ser o padroeiro dos pobres. No dia 13 de junho, as igrejas ficam lotadas de pessoas em busca do famoso "pão de Santo Antônio". O alimento bento, dizem, garante mesa farta o ano inteiro.

Simpatia para arranjar um namorado

Para arranjar namorado:
Comprar uma pequena imagem de Santo António. Virar o Santo Antônio de cabeça para baixo, dentro de um copo com água, dizendo que o colocará de pé quando tiver arranjado namorado.

Os pássaros

Pássaro na mão de alguém

Conta-se que seu pai, Martinho, gostava de ir a uma fazenda que possuía nos arredores de Lisboa. Um dia, levou o filho com ele. Ocorre que insaciáveis bandos de pássaros desciam continuamente para bicar os grãos de trigo. Era necessário espantá-los para impedir grave dano à colheita. Martinho encarregou o garoto de manter longe os pequenos ladrões.
O pai se foi e Fernando permaneceu correndo de cá para lá no campo. Em pouco tempo começou a se aborrecer com aquela ocupação. Não muito longe, uma capelinha rústica o convidava à oração. Mas o pai o mandava enxotar os passarinhos,não podia desobedecer.
Gritou, então aos pássaros, convidando-os a segui-lo para dentro de uma sala da fazenda. Obedientes os pássaros entraram. Quando todos estavam dentro, Fernando fechou as janelas e as portas, e foi tranqüilamente fazer sua visita ao Senhor.
Retornando o pai veio procurá-lo. Andou pelo campo, chamando-o cá e lá, mas não encontrou ninguém. Preocupado, dirigiu-se à capela e o descobriu, todo absorto na prece. Fernando tomou o pai pelas mãos e o conduziu ao salão repleto dos vôos e dos cantos dos graciosos prisioneiros. Abriu a porta e, a um sinal seu, os pássaros, em bando, retornaram os livres caminhos do espaço.

Simpatia para encontrar a alma gêmea

Ponha a imagem do Santo Antonio debaixo de sua cama, durante três noites seguidas. Antes de dormir, imagine o seu corpo rodeado por uma luz rosada. Na manhã do quarto dia, prepare um banho de casca de maçã com uma colherada de mel. Conhecerá rapidamente uma pessoa especial.

Simpatia para o amor

Pegue na imagem do Santo Antônio, e fale com ele. Diga-lhe que enquanto ele não lhe arranjar um namorado ficará na geladeira, se demorar que irá para o congelador. Retire-o de lá quando o seu amor lhe bater à porta.

Simpatia do dia 12

Imagem de Santo Antônio segurando o menino Jesus

Logo na manhã do dia 12 de Junho, véspera de Santo Antônio, compre um metro de fita azul, de qualquer largura, e escreva nela o nome completo da pessoa amada. Guarde a fita junto ao seu coração. À noite, conte 7 estrelas no céu, e enquanto conta faça um pedido ao santo, para que ele ajude você a conquistar o coração dessa pessoa. No dia seguinte, amarre a fita nos pés da imagem de Santo Antônio e deixe lá, até conseguir namorar com ele ou com outro de seu agrado.

Comemore o Dia do Santo Antônio!

Simpatia para o casal fazer as pazes

Basta um cravo e uma rosa. Amarre juntos os 2 talos das flores com uma fita verde. Dê 13 nós na fita. Enquanto estiver a dar os nós pense em Santo Antônio, e peça-lhe para vos unir em amor, como os talos das flores.

Simpatia para se casar

Compre uma imagem de Santo Antônio feito de madeira de guiné. No dia de Santo Antônio, 13 de junho, separe o menino Jesus dele e peça: "Santo Antônio, Santo Antoninho, faça (nome da pessoa) se casar comigo que eu devolvo o teu menino." Manter o menino Jesus separado do Santo Antônio e só devolva-o quando casar.

fechar