Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Não julgue o desconhecido

Não julgar algo que você desconhece é uma lei de vida fundamental. Pode ser quem um dia você seja julgado e só então vai entender como aquela pessoa que você julgou se sentiu. Por isso, trabalhe a solidariedade em seu coração e deixe os julgamentos pra lá!

continue lendo
Compartilhar

Olhe mais para si mesmo

É muito fácil apontar o dedo para o outro, difícil é olhar para si mesmo e admitir que não é perfeito. É muito mais fácil falar sobre a vida do outro, dar opiniões ao invés de achar a solução para os próprios problemas. Já é hora de cada um olhar mais para si mesmo e se preocupar menos com a vida do outro.

Pense mais no outro

Sempre que fizer um mau julgamento de alguém ou tomar alguma atitude, pense se fosse você no lugar do outro. Jamais devemos fazer com alguém aquilo que não gostaríamos que fizessem conosco. Hoje você pode estar no topo, mas nada garante que não cairá em algum outro dia.

Não julgue um livro pela capa

A opinião de nossa família ou amigos pode acabar influenciando na nossa decisão. Não gostamos de certa pessoa porque fulano não gosta, a rotulamos porque alguém nos contou algo sobre ela, não sabemos quem a pessoa é, mas a julgamos pelo que ouvimos. Procure conhecer de verdade alguém antes de formar sua opinião.

Experimente

Muitas vezes passamos anos dizendo que não gostamos de certo alimento, mas na verdade nunca provamos. Um belo dia alguém nos convence a experimentar e descobrimos que o sabor é bom e que podíamos ter provado muitas vezes antes. Com as pessoas é mais ou menos da mesma forma...

Julgue menos e faça mais

Quantas vezes você viu alguém passando por necessidade e você ou alguém próximo apontou motivos para a pessoa estar em tal estado, mas não ajudou? É comum vermos julgamentos sobre a situação difícil de alguém, mas ver atitudes que ajudem a mudar isso, é bem mais raro.

Imagem não é tudo

A forma como a pessoa se veste, o seu corpo, cabelo, tatuagens ou acessórios, nada disso define o caráter dela. Uma pessoa se define pelas atitudes que tem. Não se limite a julgar alguém pelo que você está vendo, dentro dela pode existir muito mais e você pode estar perdendo um amigo incrível.

Não influencie na opinião alheia

Antes de falar mal de uma pessoa para outra, pense em como se sentiria se fosse ao contrário. Deixe que cada um conheça a pessoa e crie sua própria opinião. Talvez você não se dê bem com alguém porque vocês têm personalidades diferentes, mas isso não faz dela uma pessoa ruim.

 

Seja menos crítico

Lembre-se que ninguém é perfeito, nem mesmo você. Talvez você não tenha o mesmo defeito que vê em alguém, mas você com certeza tem algum outro. Aprenda a conviver com as diferenças, julgue menos e ajude mais. Se não aceita a pessoa como ela é, então simplesmente se afaste.

Se permita conhecer

Muitas vezes dizemos que “não vamos com a cara de fulano”, e por isso não nos permitimos uma aproximação com a pessoa. Você não sabe, mas pode estar perdendo um amigo, um colega ou um grande amor. Dê uma chance a quem você está julgando sem conhecer, permita-se ver essa pessoa de verdade.

Reflita mais

Pensar mais antes de falar evita muitas situações desagradáveis. Toda vez que pensar em julgar, dizer algo negativo, criticar, conte até dez e não diga nada. Reformule o pensamento em sua mente, tente analisar as coisas por um outro ponto de vista, e se não pensar em nada bom, continue calado.

Escolha de palavras

Se você não tiver nada de bom a dizer, às vezes é melhor que não diga nada. Você tem direito a ter sua opinião, mas tem que saber quando é melhor guardá-la para você. Se a pessoa é próxima e você acredita que precisa alertá-la de algo, não aponte apenas o que é negativo, equilibre com as coisas boas.

Não confunda as coisas

Tem gente que julga as pessoas até mesmo pelas coisas que não estão sob o controle dela. Fazem brincadeiras de mau gosto por causa de como é seu nariz, orelhas ou cabeça, por causa do peso ou altura, torna a pessoa em uma piada. Isso não é engraçado, é maldade!

Cuidado com a difamação

É bem chato quando alguém coloca um rótulo na gente e todos passam a nos conhecer por aquilo. Muitas vezes inventam histórias, criam uma imagem de nós que não é a verdadeira, e isso machuca demais e pode sair do controle. Então, pense bem antes de fazer isso com alguém, pois tudo o que vai, volta.

Altos e baixos

Nunca se esqueça que ninguém está sempre por cima, vivemos de altos e baixos, e um dia pode ser você no lugar do outro. Não julgue, estenda a mão para a pessoa ou simplesmente não interfira na vida dela. Quem planta o bem, colhe o bem, quem escolhe plantar o mal, já sabe o que colherá.

Cuidado com seus julgamentos

Nem tudo o que pensamos precisa ser falado, nem todo mundo quer saber a sua opinião. Limite-se a opinar apenas quando a pessoa pede por isso, senão guarde para você. Talvez você pense que não há mal nenhum em expressar o que acha, mas às vezes pode soar ofensivo ou arrogante.

fechar