Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

10 coisas para aprender com RuPauls Drag Race

RuPauls Drag Race é um reality show de sucesso. O programa vai além das performances glamourosas das Drag Queens, apresentando verdadeiras lições de vida. Separamos algumas para você se motivar.

continue lendo
Compartilhar

1. Se aceitar é importante

Rupals Drag Race é uma série revolucionária que quebra paradigmas de aceitação na sociedade. Além disso, o reality mostra como o processo de aceitação de cada um foi doloroso, sair do armário, usar salto alto e peruca não é pra qualquer um. Mas "Se você não consegue se amar, como você vai amar outra pessoa?"

2. Se você cair, levante fabulosamente

Todos passamos por altos e baixos na vida, inclusive as drags. Dentro e fora dos palcos elas aprendem que é preciso manter o equilíbrio, mesmo que a queda seja feia. Se todos caíssem e levantassem fabulosamente feito as drags, a vida seria melhor.

3. A opinião alheia não importa

Embora seja difícil lidar com as críticas e fofocas, quem precisa gostar de você é você. Antes, hoje e sempre. Nunca mude o que você é de verdade para se encaixar nos ambientes. Se não gostarem de você, o problema está neles e não em você. Alguns episódios chegam a ser dolorosos para quem acompanha fielmente as temporadas, se aceitar está diretamente ligado a felicidade como a série ensina.

4. Sensualidade e autoconfiança são essenciais

Sua sensualidade está dentro de você, mesmo enrolada em papel higiênico você pode ser sexy e andar como se fosse a própria rainha da Inglaterra. Drag Queens valorizam o lado feminino, entendem a importância do salto e da autoestima. Coisa que muita mulher deixa de fazer por bobagem. Elas inspiram a mulher a ser autoconfiante, isso é lindo.

5. Desafios são importantes para evoluir

Ver homens vestido de mulheres de uma forma fabulosa, é no mínimo um tapa na cara do preconceito. Apesar de conter muita graça e glamour, o programa é uma verdadeira aula de aceitação. Nos desafios onde homens heterossexuais precisam se montar e virar Drag Queens por um dia, vemos que o programa tem um objetivo muito maior do que entreter.

6. Deixe as desculpas de lado

No programa existem homens gordos, magros, brancos, pretos, pardos, estrangeiros que não falam fluentemente inglês, e nem por isso eles desistem de seus sonhos. A ambição deles é muito mais forte do que as desculpas.

7. Perdoe para ser melhor

A base do programa é sim a competição, mas para competir não é preciso passar por cima dos sentimentos do outro. Mesmo diante da hostilidade é possível ajudar o outro em alguma situação difícil. Vale quase tudo para alcançar os objetivos. Assim como em qualquer reality, as brigas acontecem. Mas Rupal não permite que suas filhas deixem-se levar pelo rancor, na maioria dos episódios o perdão também entra no palco.

 

8. O sucesso só chega através da luta

Rupal sabe das coisas, talvez por isso toda eliminação seja baseada na performance das Drags. A permanência delas, depende somente de uma coisa: garra. Na nossa vida é a mesma coisa, menos glamour e bater de cabelo, mas sem luta não se conquista nada. É preciso de muita força para trilhar a trajetória pela fama e pelo sucesso pessoal.

9. A beleza está nos olhos de quem vê

Quebrando padrões de beleza, o programa conta com Drags semelhantes a Top Models até as mais excêntricas e bizarras. A diversidade física e cultural é linda, cada personagem conquista determinado público. Até mesmo aquelas que muitas vezes é criticada na vida real.

fechar