Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

A moda dos brechós

Moda é algo que se reinventa a cada ano e afeta em milhares de guarda roupas. No entanto, assim que uma peça fica antiquada para uma determinada época, não necessariamente ela é descartada! É possível enviar para um brechó, onde roupas usadas são revendidas a preços mais baratos!

Significado

É considerado brechó qualquer estabelecimento que venda peças de roupa, acessórios e sapatos usados, sendo eles antigos ou não.

Origem

Provavelmente os brechós tiveram início em Paris, nas feiras de rua conhecidas como “mercados de pulgas”. Há quem diga que a largada desse tipo de comércio aconteceu após a crise financeira causada pelas grandes guerras mundiais.

Contra o desperdício

Um bom motivo para aderir à moda dos brechós é contribuir com uma nova onda de consumo que vai exatamente contra o consumismo exagerado em que o descarte constante é visto como algo natural. As roupas vendidas em brechós podem ter sido usadas por diversas pessoas diferentes para as quais não servem mais, mas ainda assim ser um verdadeiro achado para quem a comprar.

Exclusividade

Comprar em brechó, entre outras coisas, tem a grande vantagem de conseguir peças exclusivas. É o fim do medo de ir com a mesma roupa que a sua amiga em um evento, isso porque as peças vendidas em brechós tendem a ser antigas e dificilmente encontradas em duplicidade.

Online

Hoje em dia, basta uma rápida busca pela internet para encontrar diversos brechós online. Quer coisa melhor do que comprar roupas a um preço justo e ainda direto do conforto da sua casa? E ainda tem a vantagem de devolver caso você não goste.

Misturas

Uma boa dica para quem vai se aventurar no mundo dos brechós é se permitir misturar peças diferentes, principalmente coisas mais antigas, estilo vintage, com algo bem atual e moderno.

Higiene

Vale deixar o preconceito de lado antes de buscar por brechós. Afinal, um estabelecimento do tipo deve prezar pela higiene das roupas, apenas as vendendo bem lavadas e cheirosas. Se recuse a comprar qualquer coisa que fuja dos padrões básicos de asseio!

Entre amigos

Caso não tenha um brechó próximo a você e as opções online não te agradem, você pode organizar uma espécie de brechó reduzido entre os seus amigos. Basta que cada um separe aquelas peças que não usa mais e vocês façam uma reunião. Garanto que todos sairão felizes com as compras e as vendas!

Desapego

Uma das grandes sacadas de começar a frequentar brechós é, além de adquirir peças, conseguir vender as suas. O exercício do desapego é ótimo, faz a economia girar e ainda garante um guarda-roupa sempre renovado!

Projeção de estudo

Um estudo norte-americano estima que até 2027 as vendas de brechós superarão as vendas de lojas de grife e até mesmo das redes de moda conhecidas como “fast fashion”, entre elas: Zara e Forever 21.

Millennials

A tendência dos brechós é impulsionada, principalmente, pelos millennials, que além de procurarem exclusividade e a reutilização de produtos, também estão preocupados com a forma como grandes lojas produzem as suas roupas, com trabalho análogo à escravidão.

Instagram

Entre os brechós online, a grande tendência do momento é o Instagram. Com uma plataforma fácil de ser usada e uma interface que dá destaque às fotos, é a melhor forma de garantir clientes e impulsionar todas as suas vendas.