Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Miguel Herrán

Imagine tonar-se mundialmente famoso em seu primeiro grande trabalho? Essa é a vida de Miguel Herrán, o intérprete de Rio em La Casa de Papel! O ator, de apenas 22 anos e já ganhador de grandes prêmios, também faz parte do elenco de Elite. Conheça mais sobre a vida deste jovem prodígio!

25/04/1996
continue lendo
Compartilhar

Homenagem a Daniel Guzmán

(Após ganhar prêmio de melhor ator revelação na Espanha)

“Você fez uma criança sem ilusões, sem querer estudar, sem gostar de nada, descobrir um novo mundo e querer estudar, querer trabalhar e manter essa nova vida como se não houvesse outra. Você me deu uma vida, Daniel. Obrigado!”

Sua vida antes de ser ator

“O que acontecia é que eu não me sentia confortável com a minha vida, comigo mesmo ou com alguém ao meu redor. Eu me sentia um merda, uma pessoa horrível. Eu não tinha amigos que pudessem ser considerados amigos. Isso, agora, me transformou em todos os níveis.”

Como entrou para o casting de La Casa de Papel

“Eu estava na rua com alguns colegas, às duas da manhã, em uma terça feira, não havia nada, exceto aqueles dois cavalheiros na calçada conversando. Eles nos chamaram e então percebemos que era Roberto de ‘Aquí no hay quien viva’ (Daniel Guzmán). Ele nos disse que iria nos ligar porque estava fazendo um filme… Então, acabei dando a ele o meu número.”

Como foi escalado para a série

“Lembro que eles me mandaram interpretar uma pequena cena, em um ponto de ônibus. Eu tomei isso como algo para rir de mim. No geral, foi a maior burrada da história da minha curta carreira de ator. Pouco antes de partir, lembro-me de ter uma discussão com o meu colega. Quando Dani me viu chateado, ele disse que era exatamente o que ele queria. Eu me tranquei na minha casa e estudei como nunca havia feito na vida.”

As melhores séries da Netflix para você maratonar!

Já havia pensado em ser ator

“Isso nunca havia chamado a minha atenção. Era algo que me parecia muito distante. Além disso, nas representações típicas da escola, eu costumava fazer pedra ou árvore. Eu não tinha texto nem nada.”

Nascido em Málaga

“O que tenho com Málaga é a sensação de tranquilidade... Eu sei que é onde eu nasci e sinto uma enorme paixão por isso. Não importa o quão fodido eu esteja, assim que chego em Málaga, tudo muda e fico calmo. Eu me sinto totalmente vestido e sei que é porque é a minha cidade.”

 

Cinema fora de Hollywood

“Produtos em inglês já dominaram esse mercado por tempo suficiente. Finalmente estamos começando a exportar séries da Espanha, da América do Sul, de todos os cantos do planeta. Cada um falando o seu próprio idioma. É fundamental lembrar que existem outras línguas por aí.”

Terceira temporada de La Casa de Papel

“Eu sei menos do que as pessoas estão postando nas redes. Ainda não me passaram nada oficialmente. A única coisa que realmente me falaram é que vai aparecer uma nova pessoa para fazer parte do assalto. O resto para mim é um mistério.”

Trama de Elite na vida real

“Aqui, na Espanha, isso também é muito marcado, é uma luta de classes. Nós queremos discutir isso dentro uma ótica muito particular: a da juventude. Como adolescentes encaram esse tipo de questão? E qual a influência dos pais nisso? É um assunto universal. Esse tipo de conflito acontece aqui, aí, no México, na Itália… Todo mundo se identifica com alguma situação ou personagem.”

Conheça a série Elite

Mudança de vida

“Porque há uma pessoa que lhe dá uma oportunidade, que acredita em você, que lhe diz que você vale a pena. De repente, você quer estudar, você encontra algo que gosta, você vê a sua mãe feliz e tudo toma um caminho.”

Cá e lá

“Pode-se dizer que não moro em lugar nenhum. Quando não estou trabalhando, moro em uma pequena aldeia em Ávila. Quando estou trabalhando em Madri, moro com a minha mãe. Eu gosto muito de morar com ela, porque eu como muito bem.”

Gostaria de contar a história de sua mãe no cinema

“É um claro exemplo do que se pode conseguir quando não joga a toalha com um filho problemático. Ela sempre acreditou que havia algo de bom dentro de mim. Ela era uma mãe solteira e na cidade de onde viemos era complicado, porque é uma cidade muito fascista... São brutamontes, a chamaram de puta, a chamaram de tudo. Ela teve uma vida muito complicada e muito fodida. Eu acho que o seu exemplo pode ajudar muitas pessoas.”

Amigos interesseiros todo mundo tem

“Não é o mundo da interpretação, mas o mundo do sucesso. Há muitas pessoas que chegam quando você está indo bem e desaparecem quando algo dá errado, não importa se você canta ou investe no mercado de ações.”

Depois do sucesso

“Honestamente, eu não priorizaria o sucesso sobre a qualidade de vida, mas por outro lado, claro, essa repercussão lhe dá outra vida.”

Redes sociais

“Na verdade, pensei em apagar milhares de vezes, mas hoje o nosso cachê vem dos seguidores, curtidas e interações. No final, nós somos uma janela.”

Depois da fama

“Já não trato as pessoas como costumava tratá-las antes, porque as pessoas não me tratam como costumavam me tratar antes. Pode chegar um momento em que eu enlouqueça, pegue a minha van e vá cultivar palmeiras em uma ilha. Isso é o que me assusta.”

fechar