Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Ser feliz sozinho

Para ser feliz não é preciso muito... Aliás, para ser feliz você precisa apenas de você mesmo! Liberte-se e descubra quem você é sozinho. Só assim poderá alcançar a felicidade plena. Não se desespere por estar sozinho... Talvez essa seja a hora de se encontrar!

continue lendo
Compartilhar

Eu sou inteira, não preciso da minha outra metade

Estar com alguém é muito bom, mas conseguir enxergar que você não precisa de outra pessoa para estar completa é ainda melhor. Quem é que precisa da outra metade da laranja? Por acaso, alguém nasceu pela metade? Sendo assim, se aparecer uma pessoa para somar, ótimo! Caso contrário, ótimo também, eu estou de bem comigo e isso já me basta.

Amor próprio não é prepotência

Eu me considero uma pessoa cativante. Eu me acho divertida, sou engraçada em alguns momentos e tenho um bom papo. Deixando a modéstia de lado, tenho facilidade para participar e conduzir assuntos distintos. Sou companheira e carinhosa, e se quer saber mais, me sinto dona de uma beleza sem igual. Se isso é prepotência? Eu te respondo: é apenas amor próprio!

Sim, eu sou feliz sozinha

Um dia me perguntaram se eu era feliz sozinha e foi aí que me dei conta de que eu nunca tinha parado para pensar friamente nisso, mas fazendo uma breve reflexão, eu posso dizer que sim. Eu sou feliz! É tranquilizante saber que não serei incomodada por ninguém, a não ser quando eu peça, é apaixonante poder frequentar os lugares que gosto e a hora que eu quero sem nenhum interrogatório, tem dias que eu não quero sequer conversar, que alívio não precisar explicar sobre meus defeitos ou ter que fingir ser legal quando não quero, e te digo mais, é aconchegante ocupar os dois espaços na cama de casal e só deixar que ele seja preenchido uma vez ou outra.

O verbo amar não pode ser conjugado no passado

Eu já amei muitas vezes, alguns costumavam dizer que era fogo de palha, que amor de verdade só acontecia uma vez na vida, eu discordo. Depois de tanto me perder, me achar, errar acertar eu estacionei no ponto em que eu escolhi, estou me sentindo leve, pois na minha bagagem agora só guardo boas recordação, deixei as mágoas e rancores dos amores passados pelo caminho e carrego comigo só o necessário. O tempo passa rápido demais e eu não posso me atrasar para cuidar de mim. E neste local onde eu aprendi que a prioridade na minha vida sou eu, entendi também que o verbo amar não pode ser conjugado no passado. Então, daqui pra frente, serei eu e quem sabe um novo amor, alguém em segundo, terceiro ou quarto lugar.

 

Quanta bobagem

Eu estou feliz por ter encontrado em mim o que eu tanto procurei nos outros. O que eu tentava achar por aí, estava o todo tempo dentro de mim e eu nem me dei conta. Passei muitos anos reparando nas pessoas que passaram pela minha vida e acabei esquecendo de mim. Quanta bobagem!

Fiz as pazes comigo

Eu cansei e resolvi fazer as pazes comigo. Durante um bom tempo achei que eu era o grande problema do meu relacionamento não ter dado certo, mas depois eu percebi que se não deu certo aquela vez, não era pra ser e com toda certeza vai dar certo numa outra hora. Eu consegui enxergar que serei a solução na vida de alguém e não o problema.

Tarde demais

O tempo passou e, como já sabia, você veio me procurar... Tarde demais! Depois de muito sofrer, eu percebi que minha vida é melhor sem você. Agora eu entendi ao pé da letra o ditado: antes só do que mal acompanhado.

Todos os dias

Eu acordo todos os dias, nem sempre cedo, às vezes extrapolo no horário, mas corro atrás dos meus objetivos, organizo minhas coisas, procuro me desafiar a cada momento, não me deixo acomodar. Eu corro apenas comigo, não espero pelos outros, se alguém quiser entrar nessa corrida ao meu lado, será muito bem-vindo, agora se quiser mudar meu caminho ou correr em outra direção, siga em frente, pois o meu destino eu mesma já trilhei.

O grande amor da minha vida sou eu

Eu canto as músicas todas erradas, troco muitas palavras. Falo mais que a boca, muitas vezes com as paredes. Dou risada das trapalhadas que cometo em casa. Dou boa noite para o moço da televisão. Xingo os objetos que esbarro. Discuto comigo no espelho, me dou altas broncas, mas também me faço vários elogios. Para muitos, isso significa solidão. Pra mim, eu apenas descobri que sou o grande amor da minha vida.

fechar