Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

As melhores comédias brasileiras

Quem não gosta de dar boas risadas? Afinal, muitos acreditam que rir é o melhor remédio para curar a alma de todos os males que a afligem, e eles estão certos! Então que tal colocar a sua risada em dia assistindo a um belo e divertido filme de comédia? Você pode não saber, mas o nosso cinema nacional tem inclinação para produzir algumas das mais engraçadas comédias de todos os tempos! Dê uma chance para alguma dessas obras, chame a galera e solte as mais gostosas gargalhadas! Se estiver em dúvida por onde começar, fizemos uma seleção com os melhores filmes de comédia nacional para te ajudar.

continue lendo
Compartilhar

O início de tudo

Lançado em janeiro de 2004, "Sexo, Amor e Traição" foi a primeira comédia brasileira a chegar aos cinemas no início do ano. O resultado foi bem sucedido e o longa levou 2.219 milhões de pessoas aos cinemas de todo o Brasil. Com isso, outras produções decidiram seguir a estratégia de lançamento, como veremos no restante da lista.

E Aí... Comeu?

Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira  e Emilio Orciollo Neto em cena do filme 'E aí, comeu?'

O elenco conta com as presenças de Bruno Mazzeo, Marcos Palmeira, Emílio Orciollo Neto, Seu Jorge, Tainá Müller, Dira Paes e Laura Neiva. Os três primeiros vivem Fernando, Honório e Afonsinho, três grandes amigos que passam a noite falando sobre mulheres, sexo e, eventualmente, futebol. A direção é de Felipe Joffily.

Humor sem papas na língua é com Bruno Mazzeo!

Linguagem mais pesada

Segundo filme brasileiro mais visto em 2012, "E Aí... Comeu?" levou 2.5 milhões de pessoas aos cinemas de todo o Brasil. O longa se propõe a ser uma comédia mais adulta, não se preocupando em evitar uma linguagem mais pesada ou cenas de sexo.

Vani e Rui

Estrelada por Fernanda Torres e Luis Fernando Guimaraes, a série "Os Normais" fez sua transição para as telonas em 2003. Dirigido por José Alvarenga Jr., o longa mostra como Vani e Rui se conheceram.

 

Trabalho alternativo

Lançado em 2010 e dirigido por Roberto Santucci, o longa conta a história de uma executiva bem sucedida que acaba entrando no exótico mundo dos produtos eróticos.

Da telona para a telinha

Dirigida por Claudio Torres, a comédia "A Mulher Invisível" contou com 2.253 milhões de espectadores em 2009. O sucesso foi tanto que a história migrou para as telinhas da Rede Globo pouco depois no formato de minissérie.

Cilada.com

Fernanda Paes Leme e Bruno Mazzeo em cena de filme Cilada.com

A trama gira em torno de um jovem que trai a namorada, que como vingança publica na internet um comprometedor vídeo dele. Fernanda Paes Leme, Carol Castro, Fulvio Stefanini e Sergio Loroza integram o elenco. A direção é de José Alvarenga Jr.

Estreia nas telonas

Bruno Mazzeo estreou nas telonas com "Muita Calma Nessa Hora" (2010), mas foi em "Cilada.com" que mostrou todo seu potencial, levando para as telonas a série cômica que estrelava no Multishow. Foi assistido por quase 3 milhões de pessoas.

Comédia-romântica

Dirigido por Guel Arraes, "Lisbela e o Prisioneiro" talvez seja o filme mais romântico dessa lista. Mas também oferece uma boa dose de humor, o que o faz entrar nesta seleção. Levou 3.1 milhões de espectadores às salas de cinema.

Até que a Sorte nos Separe

Leandro Hassum em cena de 'Até que a Sorte nos Separe'

Leandro Hassum vive um vencedor da loteria que perde todo seu dinheiro, mas não tem coragem de contar para a esposa e para os filhos. Danielle Winits, Kiko Mascarenhas e Ailton Graça completam o elenco e a direção é de Roberto Santucci. O sucesso foi tanto que os realizadores se apressaram em garantir uma continuação. "Até que a Sorte nos Separe 2" chega aos cinemas em dezembro de 2013.

3 milhões no ano

Maior sucesso de bilheteria do cinema brasileiro em 2012, "Até que a Sorte nos Separe" levou 3.4 milhões de pessoas às salas comerciais. O filme reforçou a força da comédia nacional, sendo a única produção do país a alcançar a marca de 3 milhões no ano.

Se Eu Fosse Você 2

Gloria Pires, Tony Ramos, Thiago Lacerda e Lavínia Vlasak

Com o sucesso de "Se Eu Fosse Você", os realizadores se apressaram para produzir uma continuação. Aí nasceu "Se Eu Fosse Você 2", que é com folga a comédia nacional de maior sucesso nos últimos tempos. O longa levou 6.1 milhões de pessoas aos cinemas de todos Brasil. Superou "2 Filhos de Francisco" e foi o filme de maior público após a retomada até o lançamento de "Tropa de Elite 2".

fechar