Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

20 Personalidades da diversidade no mundo

Pode parecer brincadeira, mas ainda existem pessoas que lutam por um mundo melhor. Veja quais são as personalidades que ajudam a construir um futuro melhor para todos!

continue lendo
Compartilhar

Presidente Barack Obama

Presidente (EUA)

O primeiro Presidente Afro-Americano Dos Estados Unidos é nomeado por mudanças que tem feitos em cuidados de saúde, benefício trabalhistas, comércio, e potencialmente, controle de arma. Um apoiante dos direitos LGBT, raciais e igualdade de gêneros, Obama presidiu a revogação do “Não pergunte, não diga” nas forças armadas e a legalização do casamento gay, colocando-o na vanguarda de um revolução de diversidade do século 21.

Michelle Obama

Advogada, Escritora, Primeira Dama (EUA)

Como Primeira Dama negra, Michelle Obama é um modelo para mulheres e minorias, uma advogada para a consciência de pobreza, e faz campanha contra HIV/AIDS. Ela apoia publicamente o casamento gay, e suporta políticas democráticas como a revogação do “Não pergunte, não diga” nas forças armadas. Direito do trabalho, identidade de gênero, e renovados esforços para combater o HIV São características de sua marca humanitária da política.

Mariela Baeva

Escritora e ex-MEP, (Bulgária)

Porta-voz e escritora determinada em assusntos globais, incluindo mudanças no tempo, Baeva recentemente suportou uma iniciativa européia para o desenvolvimento de micro-crédito para estimular o desenvolvimento do tarbalho. Ela é campeã de inclusão e diversidade, é a favor dos direitos dos gays e das mulheres, e tem adicionada muito em debates na Bulgária e Europa nesses assuntos.

Caitlyn Jenner

Medalhista de Ouro Olímpico (EUA)

Personalidade da TV Americana e campeã de atletismo aposentada, Jenner anunciou sua identificação como uma mulher trans em abril de 2015, e anunciou sua mudança de nome na revista Vanity Fair. Umas das mais famosas LGBT no mundo, Jenner reconheceu que parte de sua transição pública destacou a disforia de gênero e violência contra mulheres trans. Ela tem visitado o centro LGBT em Los Angeles para abordar os riscos para os jovens trans.

Príncipe Harry

Sua Alteza Real, o príncipe Henrique de Gales (Inglaterra)

Princípe ‘Harry’, é padroeiro de diversas caridades, desde a Maratona Beneficiente de Londes até os Jogos Invictus, que apoia reabilitação e recuperação, e gera compreensão e respeito aos feridos, injustiçados e militares doentes. Com seu irmão, ele organizou o Memorial da Princesa Diana em 2007, arrecadando milhões para os interesses de caridades. Recentemente ele tem principalmente prometido a reabilitação de ex-militares deficientes de volta à sociedade.

Maria Aparecida da Silva Bento

Ativista, CEERT (Brasil)

Autora e ativista, Cida Bento fundou um centro de trabalho com a organização sindical, o governo e empregadores, para ajudá-los a reconhecer o racismo e promover oportunidades iguais na sociedade brasileira. Em um país ainda devastado por práticas de emprego tendenciosas, sua estratégia é expor a discriminação e ganhar uma reforma política pública. Ela criou a rede nacional de ativistas chaves, e traz padrões internacionais para conduzir, enquanto coleta pesquisas relevantes para a comunidade Afro-Brasileira.

Bill Gates

Co-Fundador Microsoft (EUA)

Empresário magnata Bill Gates é celebremente a pessoa mais rica no mundo, mas sua reputação como um doador filantrópico começou em 2000, quando ele fundou a Fundação Bill & Melinda Gates, focada em projetos de larga escala pública como saúde e desenvolvimento. Então, Gates doou 28 bilhões para caridade, e planejou eventualmente dar 95% de sua riqueza - deixando um exemplo para as outras pessoas super ricas seguirem.

 

Javier Torres-Goitia Torres

Especialista em Cuidados de Saúde (América do Sul)

Um especialista boliviano em Cuidados de Saúde continua publicando seu trabalho em sua décima década, Torres foi premiado com o prêmio Sasakawa da ONU e dois prêmios OPAS em 2014 por sua dedicação à participação da comunidade com cuidados da saúde na Bolívia e América Latina. A mortalidade Infantil foi drasticamente cortada graças à intervenção de Torres.

DeRay Mckesson

Líder, We The Protesters (EUA)

DeRay Mckesson é um ativista americano dos direitos civis, e líder da organização ‘We The Protesters’ (Nós, os manifestantes) que organiza protestos que centram em assuntos afro-americanos. Mckesson é conhecido seu ativismo global por redes sociais. Ele também lançou “Mapping police Violence’ (mapeamento de Violência Policial), que coleta dados de pessoas mortas por policiais em 2014.

Malala Yousufazai

Ativista por educação feminina, Laureada do Prêmio Nobel (Pa

Apesar do ataque Taliban para assassiná-la, Yousufazi continuou sua busca em direitos humanos e é uma inspiração para todos. Ela conseguiu educação feminina e é a mais jovem laureada do prêmio Nobel. Nomeada com uma das “100 Pessoas Mais Influentes no Mundo”, pela revista Time, ela ganhou o prêmio da Paz do Paquistão nacional da Juventude e o prêmio Sakharov 2013.

Christine Amanpour

Correspondente-Chefe da CNN (EUA)

Jornalista britânica, tem um programa noturno de entrevistas na CNN e é também âncora global na ABC News - fazendo dela uma dos jornalistas mais seguidos no Twitter. Nomeada pela Forbes como uma das 100 Mulheres Mais Poderosas do Mundo, ela é nomeada pelo impacto que gerou na igualdade de gêneros na mídia, e suas mensagens de inspiração para mulheres trabalhadoras.

Chris Anderson

Empresário, Criador do site TED (Inglaterra)

Empresário britânico e criador do site TED, Anderson está no topo de uma máquina de conhecimento que atualmente oferece milhões de vídeos gratuitos em tópicos incluindo ciência, negócios, e projetos, atraindo alguns dos pensadores mais importantes de sua fase. A estratégia de Anderson também inclui a iniciativa TEDx, dando licença gratuita para organizadores locais terem seus próprios TED eventos, em um jeito de usar a internet para espalhar conhecimento e emponderamento.

Angelina Jolie

Atriz, Cineasta, Humanitária (EUA)

Atriz, humanitária, e mãe adotiva, Jolie criou uma família baseada em diversidade e aceitação. Ela promove vários causas, de conservação e educação aos direitos das mulheres, mas é mais reconhecida por sua defesa em nome dos refugiados como enviados especiais para o UN Comissário para Refugiados, viajando para zonas de guerra e criando notáveis memórias em sua experiência de aprendizado.

Mai Chen

Especialista dos Direitos Trabalhistas (Nova Zelândia)

Líder de público na advocacia, Chen foi a presidente inaugural da Global NZ Woman (Mulheres Globais NZ), presidente da NZ Asian Business Leaders (Líderes Empresariais Asitáticos NZ), e está atualmente realizando um super balanço de diversidade em toda a Nova Zelândia nas políticas públicas, empresas e sociedade. Chen ganhou o título de não-branca neozelandeses, sendo que até 2035 cerca de 50% do seu país será Asiáticos, Maori, ou descendentes Pacifica.

Hillary Clinton

Ex-Secretária de Estado, Política (EUA)

Política Americana e uma vez Primeira Dama dos EUA, Clinton é atualmente uma candidata para as eleições presidenciais de 2016. Ela tem um grande recorde de votos liberais no governo, e seu manifesto inclui diversidade e igualdade para minorias étnicas, pessoas LGBT e mulheres. Ela tem indicado que a força de seus país está na diversidade, e que poderia também estar na beira de provar que poderia ser a primeira líder americana feminina.

Tenzin Gyatso

Sua Santidade, o 14º Dalai Lama do Tibet (Tibet)

O 14º Dalai Lama, Tenzin Gyatso, é o líder espiritual dos Tibetanos e vive em exílio desde 1959, fazendo campanha de seu país para China. Ele ganhou o prêmio Nobel da Paz em 1989 e desde então vem viajado o mundo defendendo o bem-estar dos Tibetanos, ensinando budismo tibetano, e falando sobre a importância da compaixão como fonte de uma vida feliz.

Jose Luis Rodriguez Zapatero

Ex-Primeiro Ministro (Espanha)

Em 1979, Zapatero se juntou ao Partido Socialista e depois, e em 1986, se tornou o mais jovem MP da Espanha. Como Primeiro Ministro, este político progressista legalizou o casamento gay na Espanha, lutando contra a oposição dos católicos conservadores. Ele também introduziu uma legislação que permite divórcios rápidos ao lado das leis para promovera igualdade de gênero e combatera violência doméstica. Ele também introduziu uma anistia para os trabalhadores indocumentados, terminando a exploração para muitos.

Jacki Zehner

CEO, Women Moving Millions (EUA)

Um ex-sócia e diretora-gerente da Goldman Sachs, de origem canadense, Jacki Zehner dedica suas energias e talentos para o avanço da igualdade de gênero. Atualmente vivendo nos EUA , ela é CEO da Women Moving Millions (Mulheres Movendo Milhões): uma organização sem fins lucrativos que mobiliza recursos para esse fim. Ela faz parte do conselho de diversas organizações e fala, escreve e consultoria sobre questões relativas às mulheres no trabalho, investimentos, eventos atuais financeiros e filantropia.

Jean Wyllys

Palestrante, Jornalista e Político (Brasil)

Ativista dos direitos dos Gays, Wyllys ganhou o Big Brother Brasil e agora dirige a primeira plataforma de eleição dos direitos dos gays no Brasil. O acadêmico, nascido na pobreza, já tinha ganhado um cargo de professor quando entrou para o Big Brother, e cinco anos mais tarde tornou-se o primeiro deputado federal a fazer campanha para o movimento gay. Wyllys é um membro do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), que defende melhoria na saúde, educação e nomeação de comunidades marginalizadas.

Andreas Wiesand

Diretor Executivo (Alemanha)

Homenageado por suas contribuições à infra-estrutura cultural de seu país, Wiesand continua a ser uma força de mudança e iluminação na Alemanha. Ele é autor/editor de mais de 50 publicações sobre questões políticas, econômicas ou legais nas áreas de artes, literatura e mídia, incluindo o "Compêndio de Políticas Culturais & Tendências na Europa" . Ele conduziu estudos sobre o desenvolvimento cultural nacional, europeu e internacional e é um especialista em antropologia cultural.

fechar