Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Dicas para facilitar a amamentação

Ser mãe vai muito além do fato de engravidar e dar à luz uma nova vida. Desde o momento do parto tudo muda e passa a existir uma nova vida no mundo, sobre a qual você se torna responsável. É preciso aprender a cuidar do bebê, trocar fraldas, dar de mamar, fazê-lo dormir... É preciso se entregar por completo à experiência de ser mãe. Nem sempre é fácil se adaptar a essa nova rotina, e não há problema algum nisso. Confira essas dicas para facilitar a amamentação e compreenda melhor um dos principais momentos entre mãe e filho. Saber a forma adequada de alimentar seu bebê é essencial para tornar a ligação entre vocês ainda mais forte e poderosa!

continue lendo
Compartilhar

Sutiã adequado

Mulher amamentando criança enquanto seu companheiro beija sua bochecha

O sutiã adequado também faz toda a diferença para a amamentação. Dê preferência aos que são feitos de algodão, que não apertem o seio, que não tenham bojo, tenham abertura frontal e não tenham costura na frente, para não ficar pegando no mamilo. No mercado existem sutiãs próprios para as mamães de plantão. Invista na peça certa.

Adeque os horários

Bebê mamando

Observe como se comporta seu bebê e estabeleça os melhores horários para o alimentar. Não espere que ele esteja faminto para oferecer novamente o peito, porque isso pode prejudicar a amamentação, uma vez que ele estará estressado e com pressa para comer. Experimente também oferecer o peito antes de trocá-lo, não o contrário.

Estoque leite

Algumas mães podem produzir mais leite do que o necessário, de acordo com o consumo do seu bebê. Além do incômodo do liquido vazando, você pode usar essa situação para ajudar outras mamães a amamentar. Use os utensílios apropriados para a coleta do leite, porque dessa forma você pode se livrar dessa situação desconfortável e ainda doar seu leite para quem mais precisa.

Desvende o Dia Nacional de Doação de Leite Humano

Pega correta

Mãe amamentando

Boa parte do sucesso da amamentação se dá pela pega correta. Volte seu bebê para si, barriga com barriga, a cabeça em posição mais elevada que o bumbum, na altura do seio, lábios bem para fora, com o queixo próximo da mama, bochechas bem redondas e abocanhando o máximo da aréola que ele conseguir, nunca só o bico. Essa é a posição perfeita para uma pega bem-sucedida.

Beba água

Quando for amamentar, leve consigo uma garrafa de água... ou várias! É normal ter sede durante esse processo, porque o corpo precisa repor todo o líquido que perde durante a amamentação. Por isso siga as recomendações médicas de ingerir dois litros de líquido por dia, principalmente de água ou água de coco. Além disso, não se esqueça de intensificar o consumo na hora da amamentação.

Crie hábitos mais saudáveis com estas 10 dicas

O leite não sai

Bebê mamando

E se o seu leite não sai? Isso pode ser causado por algum ducto entupido. É possível descobrir se esse é o problema observando a mama: haverá uma área avermelhada, com limites fáceis de visualizar, quente, dolorida e endurecida. As conchas de amamentação, o ingurgitamento mamário (empedramento), o uso de sutiã em um tamanho menor que a mama e dormir de bruços são as principais causas para esse problema. Você pode resolvê-lo massageando a área afetada para dissolver o leite retido, e, após isso, ordenhar manualmente. O aumento na quantidade de amamentação também é recomendado para esvaziar a mama.

 

Descanse

Descanse! Aproveite o máximo que puder o tempo livre entre as mamadas para repousar e se preparar para a próxima amamentação. A rotina materna é cansativa e pode interferir nesse processo. Se você estiver esgotada física ou emocionalmente, isso pode afetar diretamente a sua produção de leite. Não tenha medo ou vergonha de dedicar um tempo para si e de pedir ajuda quando julgar necessário.

Explore estas 25 formas de relaxar

Bicos artificiais

Bebê mamando

Os bicos artificiais podem parecer uma boa alternativa para as mamães que sentem dor a amamentar, mas não é bem assim. A Organização Mundial da Saúde e a Sociedade Brasileira de Pediatria desencorajam totalmente essa prática. A utilização desse tipo de bico não proporciona a pega adequada, porque o mamilo fica esticado dentro do bico e as lesões tendem a aumentar. Além disso, o uso ainda pode causar a diminuição da produção de leite materno.

Recusando um dos seios

Não é tão comum, mas alguns bebês podem negar um seio, alimentando-se apenas do outro. A resistência ao seio pode surgir quando a introdução de complementação e de bicos artificiais vem muito cedo. Ofereça seu próprio leite ordenhado no copinho por cerca de uma semana, assim o bebê restabelece a movimentação correta e pode ser trazido de volta ao seio.

fechar