Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

10 transgêneros famosos

Nascer com determinado sexo e não se identificar com ele é o drama de muita gente. Inclusive de famosos e pessoas que estão frequentemente na frente dos holofotes. Separamos algumas histórias de transexuais que enfrentaram e ainda enfrentam o preconceito e superam barreiras na mídia.

1. Laverne Cox

Nascida no Alabama, formada em Belas Artes, escrita criativa, dança e atuação. Laverne Cox é a atriz que interpreta a personagem transexual Sophia no seriado Orange is the New Black.

Ela foi a primeira transexual indicada ao Emmy por sua atuação em uma série de comédia.
Hoje ela está produzindo um documentário sobre adolescentes transexuais.

2. Thammy Miranda

Filho da cantora Gretchen, Thammy Miranda assumiu sua homossexualidade em 2006 e anos mais tarde, em 2014, declarou ser transexual masculino.

Sua transformação foi acompanhada pela mídia, sendo alvo de comentários maldosos e apoio de diversos famosos. Em 2014, Thammy começou seu processo de transição com a retirada das mamas.

3. Caitlyn Jenner

Uma das transformações mais comentadas na mídia. Caitlyn Jenner, era antes de sua cirurgia, Bruce Jenner, um ex-atleta olímpico.

Em 2015, Caitlyn confirmou o processo de transição. Ele que se identificava como mulher desde sempre, pediu encarecidamente aos fãs que tratassem ele com pronomes masculinos até o fim de sua transição.

Hoje ela é considerada uma socialite poderosa e ganhou o público ao participar com sua família do reality show Keeping Up with the Kardashians.

4. Luc Tas

Filho de Marcelo Tas, apresentador do CQC e ator de longa data. Luc só começou a se aceitar aos 22 anos.

Assumindo ser bissexual aos 15 anos, hoje Luc está casado com um homem e é um homem transexual gay. Luc defende abertamente sua sexualidade e afirma em revistas e jornais que sexualidade e questão de gênero são coisas distintas.

5. Andreja Peji

Nascida na Tuzia, Bósnia. Considerada academicamente brilhante no colegial. Andreja teve uma infância difícil. Depois do bombardeio sobre a Jugislávia, sua mãe decidiu migrar para a Austrália.

Antes dos 17 anos, entrou no mundo da moda e começou a desfilar. Em 2011, apareceu na passarela desfilando tanto roupas masculinas como femininas. No ano seguinte, modelou criações matrimoniais. Em 2014, realizou a cirurgia de redesignação sexual.

6. Laerte Coutinho

Cartunista e chargista mais famosas do Brasil. Laerte assumiu sua transexualidade aos 57 anos e voltou a mídia para a questão da identidade de gênero no país.

No ano de 2010, Laerte revelou publicamente ser uma mulher trans através do crossdressing, basicamente se montando, usando roupas que as pessoas consideram se encaixar melhor no sexo oposto. Crossdressers, travestis e transexuais são identidades gênero-divergentes agrupadas no conceito transgênero.

7. Roberta Close

Roberta Close só teve seu nome e gênero legal alterados legalmente no ano de 2005.

Roberta sofreu muito preconceito. Sua cirurgia de redesignação sexual aconteceu em 1989, na Inglaterra. Ela buscou a legalidade em 1992, mas foi negada em 1997. Tendo que passar por especialistas psicológicos e médicos para comprovar que ela possuía aspectos hormonais femininos.

Em 1990 ela gerou polêmica ao posar nua para Playboy, mostrando seu corpo feminino. A edição bateu recordes de venda e quinze anos depois de sua primeira tentativa legal, em março de 2005, ela conseguiu o direito de mudar seu nome definitivamente.

8. Chaz Bono

Chaz Salvatore Bono é filho da cantora Cher. Ativista de direitos LGBT, escritor, ator e músico.

Em 2008, ele começou sua transição. Mas só em 2010 ele mudou seu nome oficialmente.

Chaz participou de um documentário sobre sua transição, chamado "Chaz Bono - mudança de sexo".

9. Lea T

Uma das modelos transgênero mais importantes da mídia, filha do ex-jogador Toninho Cerezo.

Lea T foi alvo de muito preconceito durante sua infância, onde não sentia que se encaixava no gênero masculino.

Em 2012, na Tailândia, realizou sua cirurgia de redesignação, o que alavancou sua carreira internacional.

10. Renee Richards

Como homem Renee foi capitão do time de tênis de seu colégio e se alistou na Marinha Americana.

Em 1975 se submeteu a transição através da cirurgia e virou oftalmologista. Renne voltou aos holofotes do tênis ao treinar Martina Navratilova.

Em 2007, ela escreveu sua biografia onde contou que não aguentava a fama que a sua mudança de gênero proporcionou.