Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Marcos Palmeira

Produtor e consumidor de alimentos orgânicos, Marcos Palmeira é um amante da natureza. Fora da telinha dedica-se ao trabalho em sua fazenda.

19/08/1963
continue lendo
Compartilhar

Começo da Paixão Pela Agricultura

Marcos Palmeira

Vem desde a infância. Em Itororó, na Bahia, tinha uma fazenda de produção convencional. Meu avô, que to­ca­va o ne­gó­cio, era co­mu­nis­ta, ha­via si­do cas­sa­do e le­van­ta­va ques­tões in­te­res­san­tes que, des­de aque­la épo­ca, fi­ca­ram na mi­nha ca­be­ça.

Ajudar

Marcos Palmeira

De­pois que meu avô mor­reu, co­me­cei a aju­dar na or­ga­ni­za­ção da fa­zen­da. Ti­nha uns 23 anos na épo­ca. E por uma di­fe­ren­ça de pen­sa­men­to e men­ta­li­da­de - sem­pre achei que ela de­ve­ria ser re­flo­res­ta­da e que tí­nha­mos de in­ves­tir na pre­ser­va­ção das nas­cen­tes.

Sonho

Marcos Palmeira

Só consegui realizar o sonho da agricultura quando comprei minha própria fazenda, a Vale das Palmeiras, no Rio de Janeiro. Foi em 1997 e, na­que­la épo­ca, só pen­sa­va em pro­du­zir lei­te, criar ca­va­los... Não ima­gi­na­va gran­des pro­je­tos, mas sem­pre me preo­cu­pei em ter uma ali­men­ta­ção de qua­li­da­de.

Produção da Fazenda

Marcos Palmeira

Hoje produzimos uma variedade de quase 60 itens, entre verduras, legumes,frutas e laticínios, que são vendidos para a rede de supermercados Zona Sul do Rio de Janeiro, que é minha parceira desde que comecei a trabalhar com agroecologia. Eles entregam a domicílio e alguns pontos de venda querem fazer uma feira livre com esse tipo de produto orgânico.

Fazenda

Marcos Palmeira

Há pe­lo me­nos qua­tro anos ela é sus­ten­tá­vel e to­tal­men­te viá­vel, mas mui­to mais por questões ad­mi­nis­tra­ti­vas do que de pro­du­ção em si. Ho­je, po­de­ria mo­rar ne­la e vi­ver do que pro­du­zo. Mas, is­so em con­di­ções di­fe­ren­tes da mi­nha ou­tra pro­fis­são, de ator. Ven­de­mos nos­sos pro­du­tos pa­ra uma re­de de su­per­mer­ca­dos da Zo­na Sul do Rio. Tam­bém fa­ze­mos en­tre­gas em do­mi­cí­lio e em al­gu­mas lo­jas na­tu­rais.

Querer é Poder

Marcos Palmeira

Em ca­sa sou 100% or­gâ­ni­co. Na rua, fa­ço co­mo pos­so. Não sou ra­di­cal, mas acho que o con­su­mo de al­guns pro­du­tos bá­si­cos, co­mo hor­ta­li­ças, é mui­to im­por­tan­te.

Dinheiro

Marcos Palmeira

Os pro­du­to­res da vizinhança não es­tão nem aí pa­ra a pro­du­ção or­gâ­ni­ca. Que­rem mais é ex­plo­rar a mão de obra que têm e tro­car de car­ro, en­quan­to o peão con­ti­nua an­dan­do de bi­ci­cle­ta.

 

Cansar de Televisão

Marcos Palmeira

Como todo ser humano. Nada extraordinário. Canso, me interesso profundamente, canso… É essa a dinâmica. Mas não adianta inventar manchete: “Marcos Palmeira revela estar cansado da televisão”. Seria mentira.

Questionamentos

Marcos Palmeira

Por que com­prar, por exem­plo, ali­men­tos na fei­ra, quan­do se tem uma fa­zen­da? Por que pro­du­zir so­men­te car­ne ou lei­te, se há es­pa­ço pa­ra fa­zer mui­to mais que is­so, e de for­ma in­te­gra­da? Meu avô ques­tio­na­va tu­do is­so nu­ma épo­ca em que nin­guém co­nhe­cia a pa­la­vra sus­ten­ta­bi­li­da­de e, os or­gâ­ni­cos, ain­da não es­ta­vam na mo­da.

Veneno

Marcos Palmeira

Co­mo a fa­zen­da, de 200 hec­ta­res, já pro­du­zia le­gu­mes e ver­du­ras de for­ma con­ven­cio­nal, lo­go des­co­bri que ali nin­guém co­mia o que plan­ta­va. Que na­da que se pro­du­zia era le­va­do pa­ra ca­sa. Per­gun­tei o mo­ti­vo e os tra­ba­lha­do­res ru­rais me dis­se­ram que era por­que usa­vam mui­to ve­ne­no nas plan­ta­ções. O ve­ne­no que era, e con­ti­nua sen­do usa­do ho­je em mi­lha­res de fa­zen­das, vi­nha dis­far­ça­do de "re­for­ço pa­ra o so­lo", de "re­mé­dio pa­ra a plan­ta". O con­ven­cio­nal cul­ti­vo com agro­tó­xi­cos.

Ideias

Marcos Palmeira

Re­sol­vi me afas­tar des­sa re­la­ção fa­mi­liar. Acre­di­ta­va no res­ga­te de tu­do o que a fa­zen­da ti­nha ori­gi­nal­men­te. Só que eu não ti­nha ne­nhu­ma for­ma­ção. Só o ideal, a ne­ces­si­da­de de de­fen­der e co­lo­car em prá­ti­ca as minhas ideias.

Aprendizado

Marcos Palmeira

Mer­gu­lhei fun­do nes­se uni­ver­so. Ele nos en­si­nou a fo­car na qua­li­da­de do so­lo, com o uso da adu­ba­ção ver­de, e a evi­tar os de­fen­si­vos bio­ló­gi­cos. Pas­sa­mos tam­bém a in­ves­tir na re­cu­pe­ra­ção dos pas­tos. Apren­de­mos a am­pliar nos­sa vi­são das coi­sas e a com­preen­der, por exemplo, que a ti­ri­ri­ca, antes vis­ta co­mo pra­ga, po­de ser­vir co­mo um ex­ce­len­te es­ter­co ou que a ga­li­nha da angola ser­ve pa­ra co­mer for­mi­ga e não ata­ca a la­vou­ra. Che­ga­mos a um ní­vel tal que, ho­je, não te­mos mais ne­nhu­ma pra­ga em nos­sa pro­prie­da­de.

Estudos

Marcos Palmeira

Per­di to­da a la­vou­ra em 1997. E per­dermos vá­rias ou­tras co­lhei­tas. A partir de então co­me­ça­mos a es­que­cer a plan­ta e pas­sa­mos a pen­sar no so­lo. Co­me­cei a es­tu­dar an­tro­po­so­fia e não pa­rei mais.

Produtores

Marcos Palmeira

Es­ses pro­du­to­res ain­da não acre­di­tam na agri­cul­tu­ra or­gâ­ni­ca. Não há mar­ke­ting de pro­du­tos or­gâ­ni­cos e a pres­são em tor­no dos con­ven­cio­nais é mui­to for­te, com gran­des in­dús­trias e em­pre­sas de ve­ne­no por trás de tu­do, "aju­dan­do" os pro­du­to­res.

Rapidez

Marcos Palmeira

Eu comecei com vinte e poucos. Isso na televisão. No cinema muito antes…com cinco anos eu já tinha sentido, meio sem saber, o gostinho da telona, um germe que me tocou bem mais cedo. Enfim, mais de vinte e cinco anos de tv. E tem hora que dá a impressão de que eu não sei nada. As coisas estão mudando muito rápido.

Vantagens

Marcos Palmeira

São várias as vantagens do produto orgânico em relação ao convencional.Consumindo produtos orgânicos, você não só esta fazendo bem para a sua saúde como também ajuda na preservação do planeta e na fixação do homem no campo. É um produto ético - e ética é coisa rara hoje em dia.

fechar