Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Ney Latorraca

Ninguém tem dúvida de que Ney é um grande ator. Foram muitos trabalhos desde que iniciou sua carreira em 1965, alguns marcam o público até hoje. Ou vai me dizer que você não lembra do vilão Vlad, da novela Vamp, e de Barbosa, da TV Pirata? Conheça um pouco dos pensamentos de Ney!

A vida é feita de momentos

Ney Latorraca

Atravesso o tapete vermelho do Festival de Cannes ou de um Emmy Internacional de smoking lindamente, mas acho que é uma brincadeira, uma farra, é um dia. Mas não é essa a minha realidade. Não sei viver com nariz empinado. Se eu sinto que não estou bem, que vou ser indelicado com alguém, eu nem saio de casa, prefiro ficar comigo.

Não se acomode na vida

Ney Latorraca

Talvez essa coisa tivesse acontecido comigo porque eu não estivesse tratando a vida como deveria, então ela deu uma opa! Eu tinha que voltar para o meu lugar, sabe, voltar para ser protagonista da vida e dentro do meu trabalho também. Eu não posso ser coadjuvante.

Sucesso em Vamp

Ney Latorraca

O bacana é que eu conquistei o público que mais gosto e que é o mais difícil: as crianças. Conquistando as crianças, você conquista toda a família.

Dar valor as pequenas coisas

Ney Latorraca

Estou sozinho, estou comigo e muito bem. Depois que fiquei entre a vida e a morte, comecei a dar valor ao cotidiano. Você não pode imaginar o que é tomar um banho sozinho, se enxugar, você não pode imaginar o que é isso.

Ações que fazem a diferença

Ney Latorraca

A minha mãe antes de morrer me deu a ideia de fazer um testamento deixando os meus bens para o Retiro dos Artistas, para o GAPA de Santos, para a Hanseníase de Campo Grande e para a ABBR, e eu fiz isso. Eles são meus herdeiros. Eu não preciso de nada disso, o meu ego já está bem alimentado.

Cobrança de posicionamento político

Ney Latorraca

É muito chato, é cansativo. Eu sei de uma coisa: estou a favor do meu país. Não quero Fora Brasil, eu quero Dentro Brasil, meu país dentro da história e eu fazendo parte dela. Eu acredito em pessoas, não partidos. Cada um pode levantar a bandeira que quiser, eu não quero ficar com bandeirinhas nas mãos.

Paparazzis

Ney Latorraca

Adoro. Eu já tenho os meus que ficam todos os dias na Lagoa. Eu passo e cumprimento, converso. Brinco que tenho que encolher a barriga quando passo perto, pra ficar melhor nas fotos.

Política não se discute

Ney Latorraca

Ninguém vai me chamar de coxinha, acho um horror isso. Cada um tem a sua posição. Essa coisa de eu sou um brasileiro e você outro, isso é um atraso que não serve pra nada.

Desejo de mãe

Ney Latorraca

Antes de morrer, ela revelou que preferia que eu vendesse empadinha, que é uma coisa nobre, a fazer um papel ou trabalhasse com um diretor de que não gosto.

50 dias na UTI

Ney Latorraca

Quase morri, os médicos achavam que eu ia embora. É uma sensação que poucas pessoas têm, uma coisa raríssima essa de quase ir e voltar. Eu vi o meu pai e a minha mãe, ouvia coisas: 'Não fique tenso, fique tranquilo'. E eu lá conectado, com aqueles milhares de fios e aparelhos. Então acho que eu me salvei por uma conjunção de forças.

O que não faz falta

Ney Latorraca

Minha função como ator é trazer alegria, fazer pensar, mexer com a plateia. Eu prefiro agradar cinco pessoas inteligentes a 500 idiotas.

Infância pobre

Ney Latorraca

Às vezes, não tinha o que comer. Então, eu dormia mais cedo para esquecer a fome. Era uma técnica. Enquanto criança, não tive catapora, essas doenças… Pobre não tem tempo de ter essas coisas.

Costumes antes de gravar

Ney Latorraca

Vou gravar como se fosse o primeiro dia de aula. Na noite anterior, coloco minha roupinha separada. Deixo tudo pronto. Só falta a lancheira.

Atendendo aos fãs

Ney Latorraca

Sou muito popular. Sou um ator pop. Eu passo na Lagoa, falo com todo mundo, faço selfie, protejo as minhas capivaras, só não gosto que interrompam minha caminhada.

Segunda chance

Ney Latorraca

Eu fui para o outro lado e voltei, mesmo. Eu morri. Teve uma hora que os médicos quase desistiram. A partir daí as coisas mudaram completamente para mim.

Quando a fama não sobe à cabeça

Ney Latorraca

Ando de metrô para todo lado. Eu atendo minhas ligações, não tenho assistente para nada. Eu sou o meu assistente de tudo. Eu faço meu contrato. Não terceirizo nada. Acho que quando você se afasta dessa glamourização as coisas são melhores.