Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Whatsapp Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube 9 Giga Up

Caco Ciocler

Caco Ciocler ficou marcado pelo personagem Geremias Berdinazzi na primeira fase da novela "O Rei do Gado", em 1996. De lá pra cá fez mais de 30 filmes nacionais, incluindo a cinebiografia de Elis Regina, filme que ganhou destaque em 2016.

Inspiração

Caco Ciocler

Eu me inspiro muito no ator inglês Ben Kingsley, por quem tenho profunda admiração. Há uma vibração espiritual em suas atuações que me toca, algo que me ajuda a explicar os motivos que o levaram a escolher tais papéis.

Escolha pelo teatro

Caco Ciocler

Quando minha ex-mulher engravidou, eu tinha 24 anos, precisava trabalhar, sair da casa dos meus pais. Fui largando a engenharia e entrando no teatro sem eles saberem.

Paixão não materializada

Caco Ciocler

Posso me apaixonar por uma pessoa e conviver sozinho com esse sentimento, já fiz isso. Já vivi coisas que não deram certo e ficaram apenas nas idéias.

Relação com drogas

Caco Ciocler

Já fumei muita maconha. Me abria a cabeça para outros tipos de percepções. Fumava para ser mais sensível. Quando ia ver um filme ou ler um livro, ou quando precisava escrever. Mas aquilo foi me tirando a concentração, fui ficando menos sociável. Eu só queria fumar sozinho, longe das outras pessoas.

Beber só de leve

Caco Ciocler

A única vez que me lembro de ter tomado um porre, desses de cair no chão, foi em um Carnaval. Eu era adolescente. Não sou muito chegado a beber demais. Gosto do estado compreendido entre o normal e o sem controle, uma lucidez meio tonta.

Temperamento tranquilo

Caco Ciocler

É bastante raro me verem sendo explosivo. Mas tem ocasiões em que perco a cabeça mesmo. A calúnia, por exemplo, me deixa irritado. História mal contada, de gente que ouviu algo e saiu falando por aí, também. Já cheguei na cara de muita gente e fui tirar satisfação.

Dissociação de sexo, amor e casamento

Caco Ciocler

Sexo e casamento são excludentes. E essa não é uma visão canalha. Entendo esse ponto de vista. Sou a favor do casamento, mas desde que haja um tipo de acordo. E esse acordo deve ser revisto depois de um período. As necessidades e atrações de ambos vão mudando com o tempo, não é justo ficar preso a alguém só por ficar.

Importância das UBSs

Caco Ciocler

Era uma questão de ignorância da minha parte. Achei o trabalho das UBSs fundamental, de entender que as pessoas são pessoas, de que há pessoas que não podem sair de casa para se tratar, e também por desafogar as emergências dos hospitais, e por resolver problemas antes que eles apareçam.

(As UBSs, unidades básicas de saúde, são a porta de entrada preferencial do sistema único de saúde - SUS)

Deborah Secco

Caco Ciocler

A gente se gostou muito. Quando digo a palavra paixão é para descrever pessoas importantes em minha vida. Deborah ocupou, e ainda ocupa, um espaço nela até hoje. Eu me apaixonei por ela. Mas foi uma paixão de dois dias. A nossa química foi incrível.

É preciso saber separar

Caco Ciocler

As séries americanas são um problema. É uma questão muito discutida nas faculdades de medicina. House, por exemplo, faz um mal danado para os alunos. É um tremendo entretenimento, mas as pessoas estão saindo das faculdades achando que serão como o personagem, e que a cada dia terão uma doença rara para descobrir. Estas séries só ajudam a formar péssimos profissionais.

Judaísmo

Caco Ciocler

Meus avós eram bastante religiosos, mas não ortodoxos. E meus pais, menos. Eu seguia as datas religiosas. A Páscoa era celebrada na casa do meu avô, onde a gente se reunia, rezava. Isso era importante. Tenho pouca ligação com os ritos judaicos, mas uma ligação forte espiritual e cultural.

Afastamento religioso

Caco Ciocler

Deus é a representação mítica da figura paterna. Houve um momento em que cheguei a duvidar da existência de Deus. Mas vi que era um equívoco.

A fama e suas interferências

Caco Ciocler

Quando era criança e me perguntavam que poder eu queria ter, eu sempre queria ser o homem invisível. Claro que tenho alguns privilégios, mas fico um pouco constrangido, sabe? Como quando uma pessoa me reconhece numa loja ou restaurante e recebo um tratamento diferenciado. Acho que rouba do ator algo importante: ele é que tem de observar, não ser o observado.

Mensagem para as pessoas

Caco Ciocler

Parem com essa histeria pelo preenchimento. A vida (e a arte) está ficando sem tempo, sem espaços vazios, sem silêncios! Esqueçam essa ditadura do ritmo, da tentativa de cobrir toda e qualquer lacuna! Os ritmos são feitos pela combinação de preenchimentos e de vazios! Tá tudo tão preenchido que tá ficando muito chato! Mais pausas! Mais silêncios! Mais sutilezas! Mais nuances! Mais vultos! Menos luz! Menos explicitação! Mais mistério!