Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Julio Andrade

Julio Andrade, apesar de ser um ator consideravelmente novo, já teve papéis muito importantes sobre a história brasileira. Conheça o ator que já foi Gonzaguinha, Raul Seixas e Paulo Coelho.

continue lendo
Compartilhar

Viagem

Julio Andrade

Quando estou fazendo um filme, mergulho nele sem olhar para trás. Costumo fazer uma analogia, como se fazer um filme fosse como seguir numa viagem. A gente sempre sai transformado. É uma experiência que muda a gente.

Ídolo

Julio Andrade

Tenho uma história de amor com o Gonzaguinha, ele é o meu ídolo maior na música nacional, desde muito pequeno o admiro pra caramba. Por causa dele fui ser, antes de mais nada, músico, pra depois virar ator.

Só trabalho

Julio Andrade

Vejo atores que lidam com a profissão como se fosse uma repartição pública. Eu só trabalho com tesão, só aceito fazer o que eu quero. Nada me tira o tesão. Acordo de manhã já pensando nos meus personagens. Não faço por grana ou fama. Faço porque eu me apaixono pelos meus personagens.

Pessoas

Julio Andrade

Existem pessoas assim no nosso cotidiano, pessoas que têm esse amor incondicional por alguém, como se fosse um familiar ou coisa do tipo.

 

Gonzada: De Pai para Filho

Julio Andrade

Ganhei muito mais visibilidade. Cada trabalho ensina um pouco e, neste, foi uma imersão vertical. Tinha a relação de pai e filho e foi meu pai que me apresentou o Gonzaguinha. Aliar a técnica a isso foi o grande aprendizado.

Gozaguinha

Julio Andrade

Pra mim era muito importante mostrar o meu Gonzaguinha, revelar para o público essa visão que tinha dele, como o via e porque o admirava. Quando fiquei sabendo que essa história seria contada, decidi correr atrás de todo mundo pedindo para entrar para o elenco, porque era um filme que eu precisava fazer. Daí me chamaram para um teste, pois ninguém me conhecia. Meus outros filmes, minhas aparições em novelas, nada disso contou. Fui lá, fantasiado de Gonzaguinha, bem anos 80, com o espírito e a coragem.

Carreira

Julio Andrade

A minha carreira é algo em que penso com muita tranquilidade. É claro que preciso pagar contas, mas não fico planejando cada passo. O que importa, para mim, é a arte, essa é a necessidade, o resto é consequência. A minha vida é essa, é atuar, é me expressar.

O que é a vida

Julio Andrade

Acho que a vida é isso: ter amigos, ver o lado bom das pessoas, andar só com as pessoas que nos colocam pra cima, que tornam nossa vida mais fácil. Eu acho que isso atrai coisas boas sim e eu acredito muito na força do pensamento.

Personagem Oswaldo em "O Rebu"

Julio Andrade

O Oswaldo tem um transtorno mental, vive entre a realidade e a paranoia. No dia da festa, ele surta e, assim como todos na trama, é um dos suspeitos do assassinato. Sempre tento ver o lado humano dos meus personagens e interpretar alguém com distúrbios psíquicos é muito mais delicado. Tenho lido bastante, conversado com profissionais no assunto e observado minha própria loucura.

Rio Grande do Sul

Julio Andrade

Minha relação com o Rio Grande do Sul é de berço. Minhas raízes trouxe comigo, mas também a humildade de me misturar diante de tantas experiências incríveis que estou vivendo. Sigo aqui e aí, de lá pra cá, e daqui pra lá. E o chimas acorda comigo.

Camalônico

Julio Andrade

Acho que sou camaleônico. Não sou reconhecido na rua. É muito difícil, talvez pelos personagens que eu encarno, que são completamente diferentes. Tomo a pílula de invisibilidade, não tenho essa coisa de querer estar em todos os veículos ao mesmo tempo, expor intimidade.

Novela "O Rebu"

Julio Andrade

Essa novela é diferente, tem um ritmo de festa. Acho que vai faltar fôlego! E o fato de serem 38 capítulos fechados faz dela uma obra única. Acho que vai dar o que falar. Estamos unidos e afim de fazer um trabalho que as pessoas gostem.

fechar