Mensagens Com Amor Menu Search Close Angle Birthday Cake Asterisk Spotify Play PPS Book Download Heart Share Whatsapp Facebook Twitter Pinterest Instagram YouTube Telegram Copy Up Check

Siga-nos

Thiago Fragoso em sessão de fotos, sentado em sofá, com um dos joelhos flexionados, onde apoia um de seus braços, e o outro braço flexionado ao lado da cabeça, servindo de apoio.

Thiago Fragoso

Nascido no Rio de Janeiro em 1 de novembro de 1981, Thiago Neves Fragoso é um ator, dublador e cantor brasileiro. Aos oito anos, Thiago já iniciava sua carreira teatral em um grupo de teatro amador na Tijuca. Aos onze, ele começou sua carreira profissional em um musical chamado Os Sinos da Candelária e desde então não parou mais de crescer. Após muitos trabalhos, ele estreou na Globo em 1996, vivendo Carlos Alfredo em Malhação de Verão. Atualmente, Fragoso é um grande ator, casado com a atriz Mariana Vaz com quem tem um filho chamado Benjamin. Quer saber mais sobre essa grande personalidade do mundo artístico? Então continue lendo e conheça suas frases e pensamentos!

01/11/1981
continue lendo
Compartilhar

Trabalho feito em conjunto

Thiago Fragoso

Thiago Fragoso com camisa branca, esboçando sorriso para a câmera, em foto de divulgação da novela O Outro Lado do Paraíso.

O meu trabalho é feito em conjunto com o olhar do telespectador, então, eu tenho dificuldade de falar sobre o meu processo como ator. Para mim, o importante vai ser sempre continuar trabalhando, porque eu gosto de estar me desafiando, de fazer coisas diferentes e de buscar coisas que sejam interessantes e instigantes para mim.

Mocinho ou vilão, não importa

Thiago Fragoso

No meu trabalho como ator, eu tenho uma tentativa de fazer, de pensar naquela cena como única. Vou tentar estar vivo na cena, de estar respirando na cena. Então, sendo bonzinho ou não bonzinho, você pode ter reações diferentes e inesperadas independente do papel que está fazendo.

 

Interpretar um personagem ético

Thiago Fragoso

Thiago Fragoso sentado em escada, apoiando os cotovelos nos joelhos, e encostando as duas mãos na boca enquanto olha para a câmera.

Quando você joga um personagem legal e dá um espaço para ele, você também está dizendo que é possível e legal criar um modelo para crianças e para sociedade em si. Você está dizendo que aquilo é possível e que vale a pena ser um cara ético.

Diferenças entre vilão e mocinho

Thiago Fragoso

A grande diferença do mocinho para o vilão é essa. O vilão tem mais liberdade, ele transita, brinca mais, pode se trair, inclusive. Ele pode falar uma coisa e depois falar uma coisa que não tem nada a ver e que não faz o menor sentido. Mas, se o mocinho fizer isso, você pode falar que a história não tem sentido, o mocinho tem que carregar o sentido da história. O mocinho carrega um peso um pouco maior.

Casal gay na televisão

Thiago Fragoso

O Niko é fofo e não gosta de alguns comentários do Félix, mas ao mesmo tempo, o acha engraçadíssimo. Essa complexidade faz o casal ficar tão interessante, cheio de sutilezas. E o fato deles serem gays contribuiu.

Público conservador

Thiago Fragoso

Thiago Fragoso em sessão de fotos, sorrindo, com a cabeça apoiada na mão esquerda.

O público brasileiro é conservador e, pela primeira vez, não ficou ao lado da mãe, mas, sim, ao lado do afeto mostrado por esse cara que nem sabia que era pai biológico da criança. E isso é muito revolucionário, porque dentro da humanidade de cada um, a opção sexual é o que menos importa.

Assédio feminino

Thiago Fragoso

O Niko é muito sensível, acho que isso tem um apelo, elas falam: "Ai, que fofo". Além disso, acho que elas estão gostando da caracterização, eu tenho ouvido muito isso. É uma mistura dessas coisas. É muito engraçado, eu não esperava isso, é uma reação muito diferente.

fechar